Lenda se tornou real: Arqueólogos anunciam descoberta da mítica cidade de Sodoma

POR Rafael Miranda    EM Curiosidades      14/10/15 às 18h35

A lendária cidade de Sodoma pode ter sido finalmente encontrada. Os arqueólogos acreditam que eles fizeram a descoberta histórica das ruínas da cidade bíblica de Sodoma - supostamente destruída por Deus como castigo pelos pecados de seus habitantes.

Após uma década de escavações no local, na região leste da Jordânia foi encontrado os restos de uma grande cidade da Idade do Bronze, que especialistas suspeitam que seja Sodoma. De acordo com a Bíblia, a cidade foi destruída ao lado de Gomorra, como um julgamento de Deus por causa de seu envolvimento em práticas sádicas.

Uma grande quantidade de vestígios da cidade tem sido revelados depois de 10 anos, incluindo as defesas da cidade e praças ligadas por estradas. Outro destaque é que a cidade parece ter sido abandonada por 700 anos antes de ser reocupada.

10

Steven Collins, líder do projeto na Trinity Southwestern University, no Novo México, disse que a cidade era "monstruosa" em comparação com outras do mesmo período. A equipe encontrou provas de uma grande cidade devido as defesas dos muros e muralhas grossas, incluindo uma de 5,2 metros de espessura e 10 metros de altura.

"Eu cheguei à conclusão de que, se alguém quisesse encontrar Sodoma, devia-se buscar a maior cidade que existia nesta área durante a Idade do Bronze, na época de Abraão. Quando nós exploramos a região, foi uma escolha óbvia, como era de cinco a dez vezes maior do que as outras cidades da Idade do Bronze em toda a região além do Jordão."

A equipe está convencida de que eles encontraram Sodoma. A cidade prosperou devido à sua localização à beira do rio Jordão e por ser próxima de grandes comerciais como é descrito na Bíblia. De acordo com Collins, a enorme cidade foi abandonada em circunstâncias misteriosas no final da Idade do Bronze, possivelmente após um terremoto.

13

Ele disse: "A cidade tornou-se um deserto inabitado por mais de 700 anos, mas, em seguida, após esses sete séculos, começou a florescer novamente - como indica o enorme portão de ferro que está na entrada da cidade."

Histórico e lendas

12

Sodoma fazia parte das cinco cidades-estado do chamado vale de Sidim, um vale próximo do mar Morto. A cidade era descrita como um local paradisíaco. Atualmente o local está submerso pelas suas águas salgadas do Mar Morto.

Nas histórias contadas na Bíblia, após o retorno de Abraão do Egito, os habitantes de Sodoma foram considerados grandes pecadores contra Deus. Porém, isso não impediu uma coexistência pacífica entre os habitantes de Sodoma com Abraão e seu sobrinho, Ló.

11

De acordo com as escrituras judaicas clássicos os habitantes da cidade eram conhecidos pela crueldade e falta de hospitalidade com forasteiros. Uma tradição rabínica, exposta na Mishnah, afirma que os pecados de Sodoma estavam relacionados à ganância e ao apego excessivo à propriedade, e que são interpretados como sinais de falta de compaixão.

Um dos crimes cometidos contra os forasteiros era o estupro. Também existia um ritual macabro onde, se os hóspedes fossem mais altos que a cama, eles eram amputados, se eram mais baixos, eram esticados até atingirem o comprimento da cama.

Fonte: Express

Rafael Miranda
Jornalista viciado em memes e amante da cultura pop.

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+