Saúde

Médica alerta que você nunca deve ficar sentado no vaso sanitário por mais de 10 minutos

0

Uma pesquisa aponta que usar o celular no banheiro aumenta o risco de hemorroidas e problemas de higiene. As informações são de um estudo realizado pela NordVPN e especialistas.

Para muitos, o banheiro é um refúgio, um local de sossego e uma breve fuga da rotina.

As pessoas muitas vezes dedicam minutos extras, e até mesmo vários deles, para atividades como navegar nas redes sociais ou ler revistas enquanto atendem às necessidades fisiológicas.

No entanto, descobertas recentes sugerem que esse hábito aparentemente inofensivo pode ser mais prejudicial do que se pensava.

Pesquisa sobre usar celular no banheiro

Via Freepik

Uma pesquisa realizada pela NordVPN lança luz sobre essa prática generalizada. Com uma amostra de 9.800 adultos, o estudo revela que surpreendentes 65% admitiram levar o celular no banheiro.

Essa tendência é mais comum entre os indivíduos de 26 a 41 anos, seguidos de perto pela demografia da Geração Z.

Os números são particularmente altos na Espanha, onde quase 80% dos participantes reconheceram usar seus telefones durante as pausas no banheiro.

Embora essas estatísticas possam parecer inofensivas à primeira vista, elas indicam preocupações com a saúde que muitas vezes passam despercebidas.

Efeitos na saúde

A Dra. Roshini Raj, uma gastroenterologista de renome na NYU Langone, destaca a importância da duração adequada ao utilizar o banheiro.

De acordo com ela, passar mais de 10 minutos pode potencialmente resultar em problemas de saúde.

O ato prolongado de sentar no vaso sanitário, especialmente na postura comum de ‘absorção pelo celular’, eleva o risco de desenvolver hemorroidas e veias inchadas na região anal.

Essa condição não está relacionada apenas à duração, mas também ao design do próprio vaso sanitário.

A Dra. Raj explica como a posição ao sentar no vaso pode fazer com que a área anorretal fique mais baixa, gerando uma pressão adicional sobre as veias devido à gravidade.

Além disso, a Dra. Raj ressalta os perigos associados a práticas de higiene inadequadas no banheiro.

Ela observa uma correlação entre o uso do celular no banheiro e a possibilidade de contrair intoxicação alimentar e outras doenças.

Participar de atividades como utilizar o celular durante o movimento intestinal representa um risco significativo de disseminação de germes e bactérias, aumentando assim a probabilidade de complicações na saúde.

Dicas para usar o banheiro

Via Freepik

A saúde é importante em todas as áreas da vida, incluindo o uso do banheiro. Por isso, vale a pena seguir algumas dicas para tornar essa experiência mais saudável.

Para começar, evite passar muito tempo no banheiro, especialmente no vaso sanitário. Tente limitar o tempo a 5 a 10 minutos.

Além disso, sente-se de maneira ereta para evitar colocar pressão excessiva nas veias anorretais. Uma postura correta pode ajudar a prevenir problemas como hemorroidas.

Enquanto isso, certifique-se de manter boas práticas de higiene ao usar o banheiro. Lave as mãos completamente com sabão após cada visita ao banheiro para prevenir a propagação de germes.

Ainda, é recomendável usar duchas higiênicas para se limpar após cada uso. Tenha uma instalada no seu banheiro, na altura correta, para facilitar esse processo.

Caso não seja possível acessar uma ducha, tenha em mãos lenços umidecidos ou produtos para aumentar a limpeza no local.

E para quem não consegue usar o banheiro sem a distração do celular, comece substituindo por leituras mais rápidas. No entanto, o indicado é realmente se concentrar apenas no ato, saindo o mais rápido possível.

Para o dia a dia

Claro, usar o banheiro de maneira saudável significa ter hábitos no dia a dia também.

Por isso, procure ter uma alimentação rica em fibras pode contribuir para um sistema digestivo saudável, facilitando os movimentos intestinais e reduzindo o risco de constipação.

Ainda, beba água suficiente ao longo do dia para manter a hidratação adequada. A água é essencial para o funcionamento saudável do sistema digestivo. Geralmente, a indicação é beber mais que 2 litros por dia, respeitando seu peso e orientações.

Enquanto isso, a prática regular de exercícios físicos também pode contribuir para a saúde digestiva e ajudar a prevenir problemas como a constipação.

De modo geral, não ignore sinais de alerta. Se você perceber qualquer desconforto persistente, sangramento ou outros sintomas incomuns, consulte um profissional de saúde.

Ignorar sinais pode levar a complicações desnecessárias, mesmo que pareçam pequenas. O mesmo vale para demorar no banheiro. O ideal é conseguir usar rapidamente, por isso, se atente e aplique as dicas para ter mais saúde nessa área!

 

Fonte: Mistérios do Mundo

Imagens: Freepik, Freepik

Onda de calor faz venda de água subir 30% e preços também sobem

Previous article

Casos de pneumonia na China chamam atenção da OMS

Next article

Comments

Comments are closed.