Nós nascemos com preconceito? A ciência achou a resposta

POR A redação    EM Ciência e Tecnologia      06/08/15 às 19h18

Você é preconceituoso? Provavelmente sim. Acho que todos. Mesmo que você procure não externalizar seu preconceito, em respeito aos direitos humanos, alguma vez na vida você já se pegou olhando torto para alguém devido a tom de pele, origens geográficas, religião, sexualidade, política, etc. Afinal, é um "pré-conceito", uma definição já instaurada em sua mente, seja originada da família, da sociedade, ou da evolução humana...

O preconceito tem definições sociais e biológicas, mas a ciência confirma: nós nascemos fazendo diferenciações.

Segundo uma pesquisa realizada pela Universidade da Califórnia em Berkeley, nos Estados Unidos, os seres humanos têm uma propensão natural para fazer distinções entre "nós" e "eles". E essa propensão tem um valor de sobrevivência, a fim de diferenciar os indivíduos com os quais possamos confiar e partilhar recursos, e quem é nosso inimigo.

Desde pequenos prestamos atenção aos sinais de padrões de relação humana além de sermos sensíveis a experiências traumáticas. Ou seja, se você teve uma experiência assustadora com o Papai Noel quando criança, isso pode te fazer se sentir desconfortável com qualquer pessoa idosa ou com uma barba branca no futuro.

5653

Mas isso não significa que somos necessariamente preconceituosos. Apesar de algumas pesquisas sugerirem que o ser humano é programado para ser preconceituoso, os cientistas descobriram que tudo pode estar ligado à evolução.

Durante a pesquisa americana, quando os sujeitos foram convidados a fazer distinções entre fotos de rostos negros e brancos, uma parte do cérebro, chamada amígdala, foi ativada. A amígdala é uma das partes iniciais da evolução do cérebro, o que indica que o preconceito tem uma origem primitiva.

Contudo, descobriu-se que a amígdala se ativa quando as pessoas fazem qualquer tipo de distinção socialmente relevante, seja ela positiva ou negativa.

Portanto, a conclusão científica atual é que somos programados para fazer distinções sociais, mas não para sermos preconceituosos.

Vale lembrar que preconceito e racismo são crimes, com pena de ate um ano de prisão e pagamento de R$ 10 mil em multa.

Racial-prejudice-My-Culture-Made-Me-Do-It_knowledge_standard

 

A redação
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+