O que causou o Dark Day: o dia que não amanheceu?

POR Ultra Curioso    EM Mistérios & Horror      16/09/15 às 19h05

Imagine a seguinte cena: você acorda em uma bela manhã, toma um banho despertar e faz seu café da manhã. Então, por volta de 8h30 da matina, você sai de casa para começar o dia e fica em estado de choque: o dia ainda está completamente escuro, como se fosse noite. Você confere todos os seus relógios, olha no computador, celular, conversa com o vizinho, mas a hora não está errada. O dia simplesmente não amanheceu. Cena de filme? Pode apostar que não.

No dia 19 de maio de 1780, a Nova Inglaterra nos Estados Unidos foi acometida por um estranhíssimo e extraordinário fenômeno conhecido como Dia Escuro. O fenômeno tem sido alvo de estudos e pesquisas nos últimos 200 anos, e cientistas continuam a se perguntar: o que causou o Dark Day: o dia que não amanheceu?

Naquela manhã de 1780, os cidadão norte-americanos experimentaram o terror quando levantaram de suas camas e ainda estava de noite. Houve um pânico generalizado, e alguns advogados de Connecticut (EUA) chegaram a afirmar que o Juízo Final havia chegado. Um dos fatos que mais aterrorizavam, era que nos dias anteriores tanto o sol quanto a lua haviam estranhamente apresentado uma luz avermelhada.

Dark day on the Embankment - Mezzotint - Joseph Pennell

O fenômeno durou só aquele dia, mas deixou inúmeras teorias que tentavam explicar o que havia ocorrido. Se não era o Apocalipse bíblico, o que teria acontecido? O Departamento de Meteorologia afirmou que uma nuvem espessa poderia baixar a ponto de fazer as luzes das ruas de acenderem. Mas era um evento improvável. Um eclipse também foi outro fenômeno natural descartado, uma vez que esses eventos são previstos e milimetricamente previsíveis (não houve nenhum registro de eclipse nessa época).

A teoria mais provável foi dada por acadêmicos do Departamento de Silvicultura da Universidade de Missouri, EUA, e a resposta para o misterioso fenômeno poderia estar nas árvores. Eles analisaram troncos de árvores da Nova Inglaterra, em uma região em que prevalecem os ventos vindos do oeste, e encontraram anéis com marcas de incêndio datando daquela época.

hhu

O professor associado de geografia William Blake, da Universidade de Plymouth, Estados Undos, aponta que houve uma grande seca na região em 1780, fazendo com que um incêndio seja muito provável. Entretanto, será que um incêndio florestal poderia causar um escurecimento total como o relatado na época?

Blake declarou que já testemunhou grandes incêndios na Austrália e que, quanto maior o incêndio, mais ele escurece o céu. A combinação de fuligem e neblina pode fazer cair uma escuridão, que tornaria a manhã de um dia uma profunda e negra noite. O relato de testemunhas oculares dá força à hipótese do incêndio florestal, já que alguns relatam que sentiram um cheiro estranho que parecia com o de uma casa de malte ou um forno à carvão.

Tal teoria, apesar de ser bastante aceitável, jamais foi totalmente provada. Ou seja, o mistério do Dia Escuro de 1780 ainda permanece. E você, o que você acha que poderia ter causada uma noite em plena manhã?

 

Fontes: HypeScienceBBC

 

Ultra Curioso
Ultra Curioso o acervo de um dos maiores sites de curiosidades brasileiros.

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+