Os 5 acertos de "Fear the Walking Dead"

POR A redação    EM Entretenimento      24/08/15 às 21h19

Neste domingo (23), o canal americano AMC estreou o primeiro episódio de sua mais nova aposta para esta fall season: a série derivada de The Walking Dead, Fear the Walking Dead. A estreia foi um sucesso e registrou a marca de 10.1 milhões de espectadores - foi a maior abertura da TV paga americana.

Tudo parece estar bem no início da premiere. Assim como em TWD, a série começa com um dos protagonistas acordando, sem saber direito onde está. Troque Rick por Nick (coincidência nos nomes?) e um hospital por uma igreja que você terá a primeira cena do spin-off. Mas as semelhanças acabam por aí. Com um ritmo mais lento, a estreia economiza nos walkers - são apenas três. Ainda assim, a proposta diferente promete e deve ser uma das surpresas do ano. Veja quais foram (e quais podem ser) os maiores acertos da série.

O início de tudo

LA

Salvo alguns flashbacks, pouco da origem dos walkers é apresentada. Praticamente tudo já está ambientado em um mundo há muito governado pelos mortos. Neste ponto, Fear the Walking Dead promete surpreender ao voltar o relógio e apresentar um mundo prestes a ser virado de cabeça para baixo. Apenas imagine: personagens serão apresentados, relações serão estabelecidas, e tudo irá ruir diante de nossos olhos. A cidade de Los Angeles será afetada, e a ação terá lugar em uma metrópole movimentada, com grande concentração de pessoas; um alívio para quem se cansou dos cenários distópicos e vazios de The Walking Dead. É o fim dos tempos, e nós veremos tudo em primeira mão.

Questões serão respondidas

Fear

Ainda que os primeiros momentos da série pretendam abordar a forma como o mundo virou de cabeça para baixo, a equipe responsável pelo spin-off já revelou que a origem do surto em si não será revelada, deixando em aberto um dos maiores mistérios da série. Entretanto, Fear será incapaz de deixar de responder algumas perguntas. O que aconteceu com a mídia? Com a Internet? Com a estrutura do governo? Com o exército? Como os grandes países reagiram? Quais foram os primeiros a cair? As respostas para estas perguntas podem render um background bem interessante para a nova série.

Novos walkers

Walking

O nível de inteligência dos walkers parece diminuir a cada temporada de The Walking Dead. Desde usar rochas para quebrar maçanetas a subir torres, as criaturas andantes mais antigas eram capazes de fazer coisas que os mais recentes parecem não conseguir. Este pode ser um bom ponto de partida para fazer dos walkers mais frescos criaturas ainda mais ameaçadoras, uma vez que estarão em menor número (pelo menos a princípio). Isto muda a dinâmica dos personagens com seus inimigos, e pode criar uma atmosfera ainda mais ameaçadora.

Novos personagens

Fear2

Um dos problemas que The Walking Dead enfrenta são as constantes comparações com o material original. Enquanto alguns personagens agradam em sua adaptação, outros geram críticas constantes dos fãs da HQ. Fear tem a vantagem de ter um elenco todo composto por personagens como Daryl Dixon - criados do zero, sem qualquer ligação com os quadrinhos. Isto ainda levanta mais um ponto importante: uma vez que a história é original, não há como ninguém conhecer os personagens de antemão. Suas personalidades, seus segredos, suas motivações; tudo terá que ser revelado aos poucos, com a expectativa de um novo começo.

Acontecimentos inesperados

Fear3

Tal como Game of Thrones, The Walking Dead toma muita liberdade em sua adaptação. Ainda assim, as principais tramas da série seguem uma linha do tempo já estabelecida pelo material original; a fazenda, a prisão, os caçadores, Alexandria, etc. Fear tem nas mãos a oportunidade de agrupar os leitores da HQ e os telespectadores da série sob um mesmo campo ao fazê-los acompanhar uma história totalmente nova. É a possibilidade de os criadores da série explorarem o universo já estabelecido e surpreender os fãs com reviravoltas realmente inesperadas. Todo o mundo está no escuro, e tudo pode acontecer.

Fontes: The Hollywood Reporter

A redação
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+