Os 6 animais mais raros do planeta

POR A Redação    EM Curiosidades      18/07/14 às 19h19

Com a invasão que os humanos têm feito há anos no território animal, muitas espécies entraram em extinção e foram, de fato, extintos. Alguns ainda estão no processo para desaparecerem de vez do solo terrestre. Veja quais os animais mais próximos dessa catástrofe:

1. Leopardo-de-Amur (Panthera pardus orientalis)

Leopardo-Amur
É uma espécie rara de felino que pode ser encontrada nos confins Rússia e da China. Um estudo realizado em 2007 datou entre 16 a 20 adultos e 5 a 6 filhotes. É um dos animais que se encontra sob a proteção de extinção.

2. Rato Pigmeu Australiano (Burramys parvus)

4 Este é  o único mamífero australiano que vive em ambientes alpinos. Sua população vem diminuindo severamente devido à fragmentação e destruição de seu habitat, por causa da construção de resorts e estações de esqui, principalmente.

3. Crocodilo Filipino (Crocodylus mindorensis)

Crocodylus_mindorensis_by_Gregg_Yan_01 É um réptil relativamente pequeno que habita em lugares de água doce, como lagos, pântanos, lagoas, etc. Acontece que seu habitat natural têm sido transformado em plantações de arroz. Além disso, o crocodilo é alvo de pesca e caça destrutiva, que usa dinamites como método de captura.

4. Ibis Eremita (Geronticus eremita)

6895614112_e420e155b0_z É uma espécie de ave que já acreditava ter sido extinta, mas foi encontrada em 2002 no deserto sírio, próximo a Palmyra. As principais ameaças à ave são a caça e o declínio do habitat natural do animal.

5. Rã de Morelet (Agalychnis moreletii)

200352000-001 Há cerca de 300 animais dessa espécie que estão criticamente ameaçados. A população dessa espécie tem sido diminuída devido a constante caça e pressão antrópica por parte do turismo. Hoje em dia só pode ser encontrado em Niger, na África.

6. Bicho-Pau (Dryococelus australis)

S1  male on hand

Devido a introdução de ratos em seu habitat, em 1920, pensava-se que a espécie já havia sido extinta. Porém a espécie foi redescoberta em 2001 em um paredão de rochas chamado Ball's Pyramid, que fica a 22 quilômetros de seu habitat natural no século passado, que era na ilha Lord Howe, localizada entre a Austrália e a Nova Zelândia.

A Redação
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+