Entretenimento

Por que Marte perdeu toda sua água e ficou tão diferente da Terra?

0

Quando pensamos em Marte, pensamos em um planeta seco e quente, algo como um grande deserto vermelho. Bem, nem sempre esse planeta foi desse jeito. Há alguns milhares de anos, Marte era possuidor de um extenso oceano. Isso foi o que os cientistas descobriram, porém o que será que aconteceu para ele adquirir a aparência que hoje possui. Um oceano simplesmente não evapora do nada e para drenar a água de um planeta inteira requer muito tempo. Pesquisadores da Universidade de Oxford, fazendo essas perguntas, podem ter achado uma resposta.

Hoje a Fatos Desconhecidos traz para você um pouquinho da história do nosso vizinho vermelho que um dia também já foi azul. Qual será que foi a descoberta desses cientistas para deduzir como toda essa água sumiu? Descubra por que Marte perdeu toda sua água e ficou tão diferente da Terra.

Planeta vermelho

Acredita-se que Marte antes de ser conhecido como o planeta vermelho, era tão azul quanto a Terra. Sim, o gigante escarlate um dia já foi coberto de água, porém é um mistério como esse recurso se extinguiu. Muitos cientistas especulam que isso talvez tenha relação com o desaparecimento de seu campo magnético.

Marte um dia já possuiu um enorme oceano e somente a perda de seu campo magnético não teria eliminado toda água do planeta. Foi isso que um grupo de pesquisadores da Universidade de Oxford concluíram, porém o mistério ainda permanece. O que se acredita é que o restante dos 25% de água do planeta foram absorvidos pelas rochas de basalto.

Oceano Marciano

Pela interação do líquido e com os minerais das rochas do planeta, a água de Marte não mais se encontra na superfície. Essa foi a conclusão mais plausível que os pesquisadores chegaram. Diferente de uma esponja, as rochas basálticas retem a água no subsolo. Isso se dá pelo fato dessas rochas quebrarem as moléculas da água quando o processo ocorre.

Depois que a água foi “chupada” pelas pedras, essas afundaram no manto do planeta, deixando ele como hoje é conhecido. Esse tipo de fenômeno ocorre devido condições especificas, como temperatura das pedras e pressão atmosférica. Devido isto, o mesmo não aconteceu com a Terra.

Antiga Terra

A diferente de Marte com a Terra para isso ter acontecido são sutis. A questão é que o planeta vermelho possui uma maior quantidade de ferro, elemento essencial para a ocorrência do fenômeno. Marte também possui uma temperatura diferente. Nos primeiros anos de vida de nosso planeta, por exemplo, as pedras tendiam a flutuar e até desidratarem.

E aí, o que achou da matéria? Deixe seu comentário aqui embaixo e até a próxima.

Boruto acaba de aprender um incrível novo jutsu no mangá

Matéria anterior

Spoilers de Dragon Ball Super revelam uma derrota esmagadora no Torneio do Poder

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos