Por que os médicos só usam roupas verdes ou azuis nas salas de cirurgia?

POR Magno Oliver    EM Ciência e Tecnologia      16/02/17 às 17h56

Do século XV até os dias atuais, muita coisa mudou e evoluiu na nossa medicina. Aqui no site da Fatos Desconhecidos, nós já exibimos para você como eram os tratamentos médicos no século XV que vão te fazer dar graças a Deus por estar em 2016. Você teria coragem de se submeter a algum deles?

Segundo o jornal Folha de São Paulo, "o país reúne hoje 430 mil médicos, segundo o CFM(o Ministério da Saúde estima pouco mais de 400 mil).

Nos anos 90, eram 219 mil profissionais. A pasta prevê chegar a 600 mil médicos em 2026 através da criação de mais vagas em cursos de medicina e nas residências. Assim, o país alcançaria a marca de 2,7 profissionais para cada mil habitantes".

No consultório, eles usam roupa branca, mas nas salas de cirurgia, os médicos usam um uniforme diferente nas cores verde ou azul. Por que isso acontece? Qual é o motivo disso?

Você já reparou que uma sala de cirurgia é toda nas cores verde ou azul? O que acontece é que o branco causa ilusões de ótica e enxergamos "fantasmas" que surgem na cor verde para onde quer que olhemos.

Daí que depois dessa percepção, tudo mudou e existe uma resposta interessante para isso. Segundo o scienceline, o uniforme branco no consultório seria para indicar limpeza, enquanto que para as salas de cirurgia, a cor escolhida seria outra.

"Então, no início do século XX, um médico influente mudou para o verde porque ele pensou que seria mais fácil para os olhos de um cirurgião, de acordo com um artigo em uma edição de 1998 da Today's Surgical Nurse .

Embora seja difícil confirmar se o uniforme verde tornou-se popular por esse motivo, a cor verde pode ser especialmente adequada para ajudar os médicos a enxergarem melhor na sala de cirurgia, porque é o oposto do vermelho, na roda de cores .

O verde poderia ajudar os médicos a ver melhor por duas razões. Em primeiro lugar, olhar para o azul ou verde pode atualizar a visão de um médico de coisas vermelhas, incluindo as entranhas sangrentas de um paciente durante a cirurgia.

O cérebro interpreta cores em relação umas às outras. Se um cirurgião olha fixadamente em algo que é vermelho e cor-de-rosa, torna-se dessensibilizado a ele. O sinal vermelho no cérebro realmente desaparece, o que poderia tornar mais difícil ver as nuances do corpo humano. Olhando para algo verde de vez em quando pode manter os olhos de alguém mais sensível a variações de vermelho, de acordo com John Werner, psicólogo que estuda a visão na Universidade da Califórnia, Davis.

Segundo motivo

Em segundo lugar, esse foco profundo em vermelho, vermelho, vermelho pode levar a se distrair com ilusões verdes em superfícies brancas. Estes "fantasmas verdes" poderiam aparecer se um médico desloca seu olhar do tecido de um corpo avermelhado para algo branco, como uma cortina cirúrgica ou um equipamento do alabastro do anestesista.

Uma ilusão verde dos interiores vermelhos do paciente pode aparecer no fundo branco. (Você pode experimentar essa ilusão "depois do efeito" ). A imagem que distrai seguirá o olhar do cirurgião onde quer que ele pareça, similar aos pontos flutuantes que vemos depois de um flash da câmera.

O fenômeno ocorre porque a luz branca contém todas as cores do arco-íris, incluindo vermelho e verde. Mas o caminho vermelho ainda está cansado, então o caminho vermelho versus verde no cérebro sinaliza "verde".

No entanto, se um médico olha para roupas verdes ou azuis em vez de brancas, essas ilusões perturbadoras vão se misturar e não se tornarão uma distração, de acordo com Paola Bressan, que pesquisa ilusões visuais na Universidade de Padova, na Itália.

Assim, embora os médicos andem na rua hoje em dia em um arco-íris de modelos coloridos, o verde pode ser a melhor aposta de um médico".

Viu que ambas as cores servem para não tirar a distração dos médicos? O que achou do real motivo para eles usarem verde ou azul na sala de cirurgia? Mande seu comentário para gente!

Magno Oliver
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+