icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


Registrado primeiro caso confirmado de gato com Covid-19 no Brasil

POR Erik Ely EM Curiosidades 20/10/20 às 10h10

capa do post Registrado primeiro caso confirmado de gato com Covid-19 no Brasil

Nesta segunda-feira (19/10), foi registrado primeiro caso confirmado de gato com Covid-19 no Brasil. Assim, o primeiro animal de estimação a contrair a doença foi descoberto na cidade de Cuiabá, no Mato Grosso. Dessa forma, a gatinha, de apenas alguns meses, não apresenta sintomas do novo coronavírus e a doença foi adquiria através de seus donos.

De acordo com especialistas envolvidos no caso, é possível que outro gato e um cachorro da família também tenham sido infectados. Desse modo, o caso faz com que lembremos de que também é importante cuidar dos animaizinhos nesse período. De toda maneira, a infecção entre animais e de animais para humanos continua sendo estudada. Isso porque, ainda não se sabe ao certo como o vírus atinge animais domésticos. Por ora, apenas existem hipóteses que ainda não foram comprovadas cientificamente.

O que sabemos sobre a ação do novo coronavírus em animais domésticos?

Atualmente, o caso do gato com Covid-19 está investigado pela Unidade de Vigilância de Zoonoses (UVZ), uma vez que a informação foi confirmada pela Secretaria de Saúde da capital. Com esse cenário, o Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (Cievs) reforçou a importância de que, caso uma pessoa seja diagnosticada com Covid-19, ela também deve se manter isolada de seus animais de estimação. Com isso, Moema Blatt, gestora do Cievs, lembrou que já confirmado que gatos podem manifestar a Covid-19, ainda que eles sejam praticamente assintomáticos. Dessa forma, ainda que saibamos pouco, o que realmente sabemos sobre a infecção em animais domésticos?

Em um estudo feito em laboratório na China, foi descoberto que gatos podem transmitir a doença para outros felinos. Contudo, ainda não se sabe o nível de contágio ou se há a possibilidade de gatos transmitirem a infecção para humano. Até o momento, as hipóteses apontam que isso não é possível. Porém, ainda não podemos afirmar com certeza.

Em maio, foi confirmado que a infecção pode afetar gatos

Desde os primeiros meses da pandemia, a contaminação de gatos tem sido cada vez mais frequente. Dessa forma, no mês de abril, dois gatos testaram positivo para Covid-19 nos Estados Unidos. E claro, os casos não pararam por aí. Casos semelhantes foram encontrados na Bélgica e em Hong Kong, onde cachorros também foram afetados. Em Nova York, um tigre de zoológico também foi diagnosticado com a doença e teria contraído de um funcionário. Mas, essa é a primeira vez que um gato com Covid-19 é encontrado em território nacional.

Em maio deste ano, um estudo publicado na New England Journal of Medicine confirmou que a suspeita de que o coronavírus pode infectar gatos. Dito isso, esse foi o ponto de partida para a investigação da contaminação em outros animais. Para Peter Halfmann, que ajudou na pesquisa, é preciso ter "uma coisa em mente": "Se eles estão em quarentena em casa e preocupados em passar a Covid-19 para filhos e cônjuges, eles também devem se preocupar em resguardar seus animais", afirma o pesquisador.

Em todo caso, "não há justificativa para tomar medidas contra animais", afirma Yoshihiro Kawaoka, o líder do estudo e professor da Escola de Medicina Veterinária da Universidade de Wisconsin (EUA). Além disso, "os resultados sugerem que os gatos correm o risco de serem infectados pelo vírus quando expostos a pessoas ou outros gatos positivos para SARS-CoV-2", conclui o estudo. Logo, devemos cuidar dos animais, mas o principal cuidado deve estar no contato com outros humanos, que são os principais transmissores da doença.


Próxima Matéria
avatar Erik Ely
Erik Ely
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest