O mundo está cheio de cidades e paisagens famosas, que são reconhecidas por praticamente qualquer pessoa. São lugares marcados por suas histórias ou monumentos, que são reconhecidos por praticamente todo mundo. Existem tantas fotos desses lugares e que são reproduzidas em tantas situações, que fica difícil não marcá-las na memória.

Mas existem cidades que não conhecemos, ou por não serem turísticas, ou por serem de outra época, e que podem ser tão interessantes quanto as mais famosas. Essa cidade subterrânea foi descoberta nas obras de restauração da Fortaleza Nev?ehir.

Em 2012, o trabalho fazia parte do projeto de transformação urbana, desenvolvido pela TOKI, Administração para o Desenvolvimento Habitacional da Turquia.

Essas obras incluíam a demolição inicial de aproximadamente 1500 prédios antigos. Mas, em 2013, quando o trabalho realmente começou, várias galerias foram sendo descobertas. Inclusive, os primeiros restos do que, provavelmente, foi a maior cidade subterrânea do mundo.

Ao todo, foram descobertos 75 hectares. E as escavações ainda continuam. Ela está ocorrendo na província turca de Nev?ehir, que fica na região central da Anatólia.

Publicidade
continue a leitura

Cidade

Essa descoberta tem um valor arqueológico tão grande, que as autoridades locais e nacionais nem ao menos pensaram no outro projeto. As obras de revitalização foram paralisadas e a área foi protegida.

A cidade tem uma grande qualidade turística e atrai turistas curiosos de todo mundo. A cidade subterrânea fica dentro de uma pequena colina e o interior é tão largo, que é possível entrar com o carro.

Dentro delas, foram encontradas mais de sete quilômetros de galerias e, além disso, algumas igrejas escondidas. De acordo com Özcan Çak?r, professor do Departamento de Engenharia Geofísica da Universidade, o mais provável é que esse túneis tenham sido usados para transportar, de uma forma rápida, os produtos agrícolas para cidades diferentes.

Publicidade
continue a leitura

A região, que incluía a Capadócia, era um local que atraía os maiores estados da época. Isso incluía hitita, frígios, persas, romanos, bizantinos, selijúcidas e otomanos. E depois que os locais se converteram ao cristianismo logo no começo da era romana, eles viram que precisavam de esconderijos para sobreviver. Foi por isso que eles criaram essas cidades subterrâneas, para se protegerem dos pagãos.

Em um comunicado para a imprensa, o prefeito da cidade, Rasim Ari, disse que, assim que passar pelas obras necessárias de escavação e restauração, a área será aberta para os turistas.

"Isso fará da Capadócia uma das maiores atrações turísticas da Turquia", disse ele.

Única?

Publicidade
continue a leitura

Essa descoberta foi bastante significativa. Mas isso não quer dizer que ela seja a única. Ela não é a primeira cidade subterrânea achada nessa área. Até porque toda a área é cheia de construções e locais de alto valor arqueológico.

Mas o que faz esse achado ser tão importante é o seu tamanho. E se você é uma pessoa que é interessada por arqueologia, além da cidade subterrânea de Nev?ehir também existe Derinkuyu. Essa é outra cidade subterrânea, no caso, a segunda maior.

Ela foi escavada a uma profundidade de 60 metros. Do mesmo modo, se estima que consiga acomodar aproximadamente 20 mil pessoas. Ao todo, os arqueólogos descobriram cerca de 35 cidades subterrâneas, na Turquia.

Publicado em: 22/10/19 11h47