CuriosidadesMundo Afora

Veja quais são as cidades mais e menos estressantes do mundo

0

Em suma, o estresse é uma resposta física do nosso organismo a um estímulo. Você, provavelmente, já se estressou alguma vez na vida. Se você acha que não, talvez, tenha se estressado sem saber o que é de fato isso. Quando nos estressamos, o nosso corpo entende que está sob ataque. Assim, muda para o modo “lutar ou fugir”. Ele libera uma mistura complexa de hormônios e substâncias químicas. Essas são: adrenalina, cortisol e norepinefrina, o que prepara o corpo para a ação física.

Em suma, ele também é aquela falta de paciência que ficamos após um dia cansativo, onde só queremos chegar em casa e não ter contato com ninguém. Esse é o modo popular de ver esse mal.

Infelizmente, o estresse é uma coisa comum na rotina agitada que a maioria das pessoas tem. Ademais, vários fatores podem contribuir para isso, inclusive o próprio lugar onde se vive.

Ranking

Estresse1 670x427, Fatos Desconhecidos

A farmacêutica alemã VAAY, que fabrica produtos à base de óleo de canabidiol, fez um estudo para mostrar quais são as cidades mais e menos estressantes do mundo. Para que essa pesquisa fosse feita se levou em consideração 16 fatores. Esses fatores foram divididos em quatro categorias principais.

As categorias eram: governamentais, que incluia segurança, igualdade de gênero, direitos de minorias e sociedade sócio-política; municipais, mostrando densidade populacional, níveis de poluição sonora, visual e do ar, padrões climáticos e congestionamento do trânsito; financeiros, englobando taxas de desemprego, estruturas de seguridade social, quantidade de renda disponível; e de bem-estar, analisando o acesso ao sistema de saúde, combate à Covid-19 e saúde mental da população.

Com esses critérios definidos, cada um dos lugares recebeu uma nota de zero a cem. Em conclusão, a pesquisa viu que a capital da Islândia, Reykjavik, é a cidade mais agradável para se viver. E a pior cidade eleita foi Mumbai, na Índia.

Avaliações

Estresse2 Scaled, Fatos Desconhecidos

A capital da Islândia ficou em primeiro lugar porque conseguiu ter pontuações perfeitas nos quesitos de igualdade de gênero, poluição do ar e sonora. Além disso, Reykjavik teve uma nota de 97,8 no critério “estabilidade sócio-política”.

Outras cidades conseguiram ter nota máxima em “direitos de minorias”. Foram elas Helsinki, na Finlândia, e Oslo, na Noruega, que ficaram respectivamente no terceiro e sexto lugares no ranking. Tóquio também se destacou positivamente no ranking pontuando 100 com relação ao seu trabalho de combate à COVID-19.

Por outro lado, Mumbai ficou como a pior cidade porque obteve a baixíssima nota de 3,3 pontos em congestionamento. Outras cidades que também tiveram um desempenho ruim foi Lagos, na Nigéria, com uma taxa de desemprego de 37,1%, e Cabul, no Afeganistão, que teve somente um ponto no quesito “estabilidade sócio-política”.

Mostramos aqui o ranking completo feito pela pesquisa da VAAY revelando quais são as cidades menos e mais estressantes para se viver.

Menos estressantes

Estresse3 1060x690, Fatos Desconhecidos

1 – Reykjavik, Islândia

2 – Berna, Suíça

3 – Helsinki, Finlândia

4 – Wellington, Nova Zelândia

5 – Melbourne, Austrália

6 – Oslo, Noruega

7 – Copenhague, Dinamarca

8 – Innsbruck, Áustria

9 – Hanover, Alemanha

10 – Graz, Áustria

Mais estressantes

Estresse4 550x367, Fatos Desconhecidos

1 – Mumbai, Índia

2 – Lagos, Nigéria

3 – Manila, Filipinas

4 – Nova Deli, Índia

5 – Bagdá, Iraque

6 – Kabul, Afeganistão

7 – Moscou, Rússia

8 – Karachi, Paquistão

9 – Jakarta, Indonésia

10 – Kiev, Ucrânia

O evangelho que a Igreja Católica tentou ocultar mostra segredos sobre Jesus

Matéria anterior

Restos mortais de morcego-vampiro gigante de 100 mil anos foram encontrados na Argentina

Próxima matéria

Você também pode gostar

Mais em Curiosidades

Comentários

Comentários não são permitidos