Curiosidades

5 histórias que tiveram um final feliz graças às redes sociais

0

A tecnologia evoluiu em um curto período de tempo. É quase impossível pensar que, há poucas décadas, a Internet nem existia. Mesmo já sendo funcional desde a década de 1960, ela só foi realmente introduzida ao público em 1994. E acabou se tornando um dos maiores avanços na tecnologia de comunicação.

A Internet criou uma verdadeira bola de neve de tecnologia. O que nos deu várias ferramentas para nos comunicarmos. Em pouco tempo, uma variedade de redes sociais, como MySpace, Orkut, Facebook, Twitter e Skype, mudaram drasticamente a forma como nos conectamos.

Muitas vezes a internet é tida como um lugar ruim, terra de ninguém. Mas no meio de algumas coisas negativas existem coisas maravilhosas sendo feitas online e possíveis apenas pela existência das redes sociais. Como por exemplo, mobilizações que foram feitas e ajudaram pessoas a encontrarem seus cachorros, ou então um sem-teto a ter uma segunda chance. Mostramos aqui algumas histórias que só tiveram um final feliz graças aos usuários das redes sociais.

1 – Aiden Remme

Esse garoto de cinco anos batalha conta um câncer cerebral. E em toda sessão de quimioterapia, Aiden leva o seu urso de pelúcia Tedz junto com ele. Contudo, em uma das sessões o ursinho foi perdido.

A mãe do menino foi atrás d hospital e tentou falar com a ouvidoria do lugar. Mas nada aconteceu. Então ela usou seu Facebook para pedir ajuda. O post foi compartilhado por mais de mil pessoas e o brinquedo finalmente foi localizado em uma igreja. E voluntários da igreja devolveram Tedz para Aiden.

2 – Alexandre França

O pitbull de Alexandre, Frederico, acabou escapando de casa quando viu que o portão tinha sido deixado aberto. E na tentativa de localizar seu cachorro e trazê-lo de volta para casa Alexandre fez um post no Facebook.

O homem colocou várias fotos icônicas do seu cachorro com óculos, toalha e até jaqueta de couro e pediu ajuda para que os internautas o ajudassem a achar o seu animal de estimação. O post foi bastante divulgado e no fim das contas Frederico voltou para casa.

3 – Arthur Buzzi

Em 2010, esse garoto de quatro anos foi passar férias em um resort em Alagoas. Lá ele fez amizade com Eduarda, também de quatro anos. A conexão dos dois foi muito grande e Eduarda sempre deixava um buquê de florzinhas na porta do quarto do hotel de Arthur todos os   dias para mostrar que estava esperando por ele para brincar.

Quando ela foi embora do hotel, Arthur perdeu a vontade de brincar. Em 2017, s lembranças do Facebook reviveram essa história. Então a mãe do menino resolveu divulgar a foto na rede social para procurar a menina. Eduarda foi encontrada e eles planejaram se reencontrar.

4 – Colin Cunningham

Poucos dias antes de fazer 11 anos, Colin disse que não queria fazer uma festa de aniversário porque não tinha quem convidar. O menino tem síndrome de Asperger, o que fez com que ele tivesse dificuldade em construir relações sociais com seus colegas de classe.

Em uma tentativa de encorajar o filho, sua mãe criou uma página no Facebook para ele. A ideia da mãe era que as pessoas escrevessem mensagens positivas para seu filho. E o resultado foi bem melhor do que o esperado. Os internautas pediram o endereço de Colin para o enviar cartões e presentes de aniversário.

5 – Donald Gould

Esse ex-fuzileiro naval e sem teto chamou atenção de um grupo enquanto ele tocava piano nas ruas de Sarasota, na Flórida. As pessoas ficaram fascinadas com o talento de Donald. Então o gravaram tocando e colocaram o vídeo no YouTube.

O grupo também descobriu que o homem era viúvo e não tinha a custódia do seu filho. O sonho de Donald era reencontrar seu filho, terminar a faculdade de música e ensinar a arte para outras pessoas. E através da ajuda da internet ele foi para uma reabilitação, viu seu filho, foi convidado a voltar a estudar e ainda cantou o hino nacional dos EUA em um jogo da NFL.

Relatório da OMS sugere que trabalhar longas horas oferece risco à vida

Matéria anterior

Quantos anos de antecedência precisaríamos para impedir a colisão com um asteroide?

Próxima matéria

Mais em Curiosidades

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.