• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 casamentos mais sem noção entre humanos e objetos

POR Mateus Graff    EM Entretenimento      15/01/18 às 18h36

Vocês tem algum amigo que está completamente desesperado para se casar? Talvez essa matéria possa fazer algum sentido para ele. Bom, seria o cúmulo do desespero o casamento entre humanos e objetos? Para algumas pessoas não. Imaginem uma mulher se casando com uma pedra ou mesmo um cara se casando com uma árvore? Pode parecer loucura caros leitores, mas acreditem, esse tipo de coisa acontece.

Em alguns casos foram formas de fazer protesto, outros foram maneiras de homenagear uma pessoa que faleceu. Mas não podemos discordar que se casar com objetos é um tanto estranho, certo? Por isso fizemos essa lista com algumas pessoas malucas que se casaram com objetos, confiram:

1 - Linda Ducharme e a roda gigante

Floridian Linda Ducharme é uma mulher que se apaixonou completamente por nada mais nada menos que uma roda gigante. Ela conheceu a roda gigante ainda em 1982. No ano de 2012, ela prometeu amar, respeitar e honrar a roda gigante de 21 metros de altura. A roda gigante sofreu alguns danos graves em uma tempestade em 1986. Depois disso, Ducharme reivindicou os restos da roda gigante e gastou quase 100 mil dólares para concertar o amor da sua vida. O curioso é que antes de Ducharme se casar com a roda gigante, ela namorou um avião e um trem.

2 - Zheng Jiajia e um robô

O engenheiro chinês Zheng Jiajia sofria pressão de sua família para que se casasse logo. Na época, com 31 anos de idade, ele estava pronto para se casar, mas não conseguia encontrar uma mulher adequada. Na china, encontrar uma companheira pode ser bastante complicado pois não há mulheres o suficiente para a população masculina. Por isso, foi no ano de 2016 que Zheng Jiajia criou um robô, a chamou de Yingying e casou com ela.

O cara namorou seu robô por dois meses antes de levá-la ao altar. O robô é capaz de reconhecer palavras simples e falar um bocado de palavras. Zheng diz que planeja programar sua esposa para poder caminhar e realizar tarefas domésticas, como dobrar roupa e lavar louça.

3 - Babylonia Aivaz se casou com um armazém

Em janeiro de 2012, uma mulher de Seattle resolveu casar com uma "senhora" de 107 anos de idade. A cerimônia com um armazém tinha 50 espectadores. Aivaz descreve a união como um casamento gay. Por que? Aparentemente o armazém é feminino. Isso provocou críticas de pessoas preocupadas com o fato de que o evento de Aivaz teria um impacto negativo no movimento de igualdade matrimonial.

Sem se preocupar com isso, Avaiz concentrou-se em um problema sério, que era a 'gentrificação' (fenômeno que afeta uma região ou bairro pela alteração das dinâmicas da composição do lugar) do local. O armazém estava em ruínas e sendo derrubado para abrir espaço para um edifício.

4 - Chang His-hsum se casou com uma Barbie

Chang His-hsum perdeu sua primeira esposa. Como sua família se opôs ao casamento, Tsai, a esposa de Chang His-hsum, se matou. Chang depois de casou novamente, mas sabia que o espírito de sua falecida esposa não estava em paz. Em 1999, 20 anos após a morte de Tsai, Chang se casou com uma Barbie para tentar deixar sua antiga esposa em paz.

O casamento ocorreu em um templo budista. A Barbie usava um vestido de casamento e um colar de ouro que pertenceu a Tsai. A família de Chang deu o casamento suas bênçãos desta vez, pedindo perdão por sua desaprovação inicial. O dote de Tsai incluiu um Mercedes Vermelho. Depois do casamento, Chang voltou para casa com sua esposa humana, a Barbie e uma urna com as cinzas de Tsai.

5 - Tracey Emin e uma pedra

No ano de 2015, Emin se casou, acreditem vocês ou não, com uma pedra. O marido de Emin reside no jardim de sua casa na França. A cerimônia foi privada, mas Emin falou abertamente sobre o que a levou a assumir o compromisso. Emin se inspirou na leitura de cartas entre o Papa João Paulo II e Anna-Teresa Tymieniecka.

O papa e a filosofa trocaram cartas apaixonadas e pessoais durante um longo período de tempo, mas sua correspondência nunca levou a uma relação física. Isso fez com que Emin pensasse sobre seus próprios relacionamentos em termos de conexões espirituais e físicas. E é exatamente uma conexão espiritual que ela compartilha com sua amada pedra. Ela descreveu o marido como uma "bela pedra antiga" com a qual ela se identificava.

6 - Richard Torres se casou com uma árvore

Richard Torres é uma ambientalista que levou o seu amor à natureza ao um nível muito alto. O cara gosta muito de árvores e resolver se casar com uma para conscientizar questões ambientais. Em 2013, ele começou sua forma incomum de ativismo se casando com uma árvore no Peru. Depois, se casou com uma árvore argentina, lendo seus votos, colocando um anel e beijando a árvore em um parque em Buenos Aires.

Depois, ele se casou com outra árvore em Bogotá, na Colômbia. Durante a cerimônia, Torres pediu às Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia que parassem de fazer guerra e começassem a plantar árvores. No ano de 2016, Torres se casou com outra árvore do México. O ativista continua casando-se com árvores para conscientizar as pessoas. Seu último casamento foi com uma árvore na Guatemala.

7 - Jodi Rose e a Ponte do Diabo

Le Pont du Diable ou a Ponte do Diabo fica no sul da França. A ponte de arco e pedra foi construída no século 14. A estrutura deve ter testemunhado muitos eventos ao longo do tempo, mas o mais improvável deles foi um casamento em 2013. Em uma cerimônia abençoada por um prefeito local e vista por 14 convidados, Jodi Rose casou-se com Le Pont du Diable.

Ela conheceu a ponte durante suas viagens. Rose trabalhava em um projeto chamado Singing Bridges, onde gravou as vibrações nos cabos da ponte e usou-os para criar música. Ela diz que a ponte faz com que ela se sinta conectada com à Terra. Loucura, não?

E aí, caros leitores, sabiam que existem pessoas malucas que se casa com coisas? Comentem!

Próxima Matéria
Mateus Graff
https://www.instagram.com/mateusgraff/ https://www.facebook.com/mateus.adjutomartinsgraff
As categorias Terror, Sobrenatural, CreppyPasta e entretenimento têm como único objetivo de entreter. Não devem ser utilizadas como fontes de artigos científicos ou trabalhos escolares.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+