• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

7 tipos de sonhos que podem significar problemas psicológicos

POR Nelyne Mota    EM Curiosidades      21/05/19 às 15h11

Sonhar com situações estranhas e realidades incomuns pode parecer familiar para muitos de nós. Todo mundo já teve algum pesadelo no mínimo marcante na vida. Ou um sonho que não se queria deixar de sonhar, mas que o despertar infelizmente ceifou. Mas o que provavelmente você não sabe, é que doenças e transtornos mentais induzem sonhos característicos a cada uma de suas peculiaridades. E por mais que os sonhos possam ser tão variados e relativos, algumas formas com que eles aparecem, merecem nossa atenção. Até porque isso significa que tais sonhos podem revelar questões ligadas à saúde mental dos indivíduos.

Ficou curioso? Vem conferir alguns detalhes sobre esses mistérios da mente humana enquanto dormimos e entenda melhor o que alguns sonhos podem representar ou que sintomas podem desencadear.

1 - Esquizofrenia

A esquizofrenia é uma doença mental grave. Assim, estudos revelam que quanto mais tempo a pessoa estiver doente, mais ricos são seus sonhos. As cores também passam por alterações, tornando-se mais brilhantes e a experiência emocional é mais forte. Pessoas com esquizofrenia colorem sonhos 20 vezes mais do que pessoas saudáveis.

Pessoas esquizofrênicas podem sonhar também com imagens assustadoras sem relação, conteúdos violentos, objetos e pessoas se movendo para trás, emoções e sentimentos esquecidos, mundos irreais ou paralelos. Confusão do sonho com a realidade, esse fenômeno foi descrito pela primeira vez por Fyodor M. Dostoiévski. O autor falou da condição através do romance Os Irmãos Karamazov, onde Ivan Karamazov era um personagem que não conseguia entender se estava sonhando ou vivendo algo real.

Segundo estudiosos, na esquizofrenia aguda, o paciente pode ter sonhos repetidos inúmeras vezes na mesma noite.

2 - Transtorno bipolar

Esta psicose maníaca depressiva é caracterizada por mudanças de humor atípicas. Os sonhos dos bipolares são descritos com riquezas de detalhes. Além de vivenciados com uma felicidade indescritível. É comum terem sonhos maníacos e em estado de hipomania. Geralmente, são sonhos brilhantes e coloridos, permanecendo na memória do doente por um longo tempo.

Segundo a neuropsicologia, tais sonhos são a transição da depressão para um estado maníaco. Outro detalhe relevante são os sonhos em série ou que duram vários anos. Estes acontecem de forma serial e contínua no sentido literal, dando ligação e desenrolar a cada novo sonho.

3 - Depressão

Por vezes, difícil de ser percebida em um primeiro momento, a depressão causa sonhos assustadores. Sonhos em lugares escuros ou por exemplo, sonhos com seu próprio funeral. Estes podem ser indícios claros de depressão. Especialistas afirmam que, muitas vezes, o doente acorda com sentimento de culpa por ter esses sonhos.

Em situações de sonhos com pessoas mortas, a mente do depressivo constrói a figura dos falecidos na forma em que eles provavelmente estariam. Juntam-se a isso, pesadelos com sentimento de horror indescritível, que são comparados a ataques de pânico, sonhos paralelos não relacionados e características semelhantes.

4 - Anestesia mental

Trata-se da perda incompleta da capacidade de experimentar emoções positivas e negativas. Durante os sonhos, pessoas que sofrem desse mal perdem a autoestima, o corpo ou emoção. A exemplo, sente-se a alma durante o sonho mas não se sente o próprio corpo. Ou olha-se no espelho e não se enxerga o próprio reflexo.

Também são comuns outros casos, como sonhos em que se morre várias vezes, sensação de irrealidade e fantasia, ausência de sentimentos e emoções, despersonalização de pessoas e lugares conhecidos

5 - Transtorno obsessivo compulsivo

Atitudes como lavar as mãos 10 vezes ao dia, voltar para casa para verificar se esta está trancada ou se não deixou algo ligado, são sintomas desse transtorno. E ele manifesta em pacientes até mesmo durante o sono. Detalhes como sonhar que está lutando contra algum medo e desistindo durante a batalha causam sensação de culpa no despertar. Sentimentos fortes de culpa, vergonha e raiva só crescem em consequência do sonho.

Sonhos com poderes mágicos e com capacidade de controlar os outros também são característicos desse transtorno.

6 - Estresse pós-traumático

Comumente causador de pesadelos, os que sofrem dessa síndrome podem ter sonhos repetidos e constantes com a situação do trauma. Por vezes, esses sonhos repetem as mesmas imagens sem grandes sentidos ou significâncias. E em outras situações, são interrompidos ou terminam no mesmo ponto.

É comum que quem sofra desse tipo de estresse, tenha sonhos que se manifestem visualmente com uma só cor, com efeito em câmera lenta e fugas incessantes.

Detalhe curioso que vale atenção: 30% dos condenados por ações ilegais que sofrem desse estresse, sonham que são criminosos ainda que por "motivos torpes", como roubo de balinha, por exemplo.

7 - Ansiedade

Termo geral usado para vários distúrbios que causam nervosismo, medo, apreensão e preocupação. Os ansiosos acabam sentindo dificuldades para dormir e apresentam graves episódios de insônia. Comumente não conseguem se desligar do dia a dia ou da rotina, e assim, acabam com sonos curtos e leves.

Por vezes, os ansiosos patológicos sonham que estão em seus trabalhos ou executando tarefas das quais nutrem a sensação do transtorno. Outras vezes chegam a sonhar e despertar pensando em soluções possíveis para determinadas questões.




Matérias selecionadas especialmente para você

Nelyne Mota
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+