• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

7 episódios que transformaram séries de TV em verdadeiros clássicos

POR Gabi Noronha    EM Séries e Sagas      30/08/18 às 15h04

Séries não costumam adquirir o status de clássica no primeiro episódio. Às vezes, é difícil até mesmo acertar na primeira temporada. Muitas vezes o programa requer tempo para encontrar o modo certo de contar sua história. Uma trama interessante, atuações consistentes, personagens memoráveis são alguns elementos básicos que transformam um simples programa de televisão em algo inesquecível. Pode parecer simples, mas nem todos eles conseguem balancear essa estrutura.

Dessa forma, por mais que algumas séries tenham um bom início, o tempo é fundamental para defini-las. Pensando nisso, separamos alguns títulos considerados clássicos modernos para discutir quando, exatamente, eles atingiram esse nível.

1 - Breaking Bad: Phoenix, 2ª temporada, 12º episódio

Sem dúvidas, Breaking Bad é um dos clássicos modernos dessa geração. A linguagem cinematográfica composta na série é um dos elementos que contribuiram para sua entrada na lista de melhor produção televisiva de todos os tempos. No entanto, talvez o mais difícil seja encontrar exatamente o momento em que isso acontece. Após descobrir o câncer no pulmão, Walter White começou a fabricar metanfetamina a fim de ganhar dinheiro para deixar de herança à sua família. Então, em qual instante podemos dizer que ele desvia do seu objetivo e caminha para a vilania? Quando Walter abandona sua moralidade por puro egoísmo?

No episódio Phoenix, Walter vai até a casa de Jesse e o encontra dormindo na cama com Jane, sua namorada, abraçada nele. Ambos passaram a noite se drogando e estão com sono pesado. Ao tentar acorda-lo, Jane vira de barriga para cima e começa a vomitar. Como qualquer pessoa decente, Walter se assusta e corre para ajudá-la. Contudo, assim que chega ao seu lado, ele muda de ideia. Ele enxerga ali uma oportunidade. Jesse estava apaixonado e disposto a deixar a fabricação de metanfetamina para tentar se reabilitar. Tudo por causa de Jane. Então, sem ela no caminho, Walter resolveria dois problemas de uma vez. Sendo assim, ele deixou a moça engasgar até morrer. Ele ficou ao lado dela até a vida sair de seu corpo. Walter deixou Jane morrer e, neste momento, ele partiu o último pedaço de dignidade que lhe restava.

Ozymandias pode até ter sido um dos episódios mais memoráveis não apenas de Breaking Bad como também da história da televisão. Porém, em Phoenix, tivemos o ponto de virada do personagem. Em Phoenix, Walter White morreu e Heisenberg nasceu.

2 - The Shield: Dominoes Falling, 2ª temporada, 13º episódio

A série chegou a ser tão ambiciosa como The Sopranos ou The Wire, mas conseguiu manter consistência ao longo das suas sete temporadas com episódios balanceando drama e humor. O segundo ano do programa foi centrado em Vic Mackey e sua equipe que precisaram enfrentar o grande esquema de lavagem de dinheiro de uma máfia armênia conhecida como Money Train. Em Dominoes Falling, o time de Vic elabora um plano para tentar prender os criminosos, mas tudo sai errado. Alguns policiais corruptos aplicam um contragolpe para roubar o dinheiro sujo. O episódio termina com uma boa quantidade de cadáveres e os homens que deveriam servir a lei encarando uma pilha dinheiro. Um dos temas recorrentes da série sempre foi o livre arbítrio. No momento em questão, Vic e seus companheiros tinham opções de escolha e o que optam por fazer daquele instante em diante repercute o resto da história.

3 - The Office (versão americana): The Dundies, 2ª temporada, 1º episódio

A versão original inglesa de The Office é uma obra prima da comédia. Escolher apenas algumas partes da série é tarefa complicada. Diferente da americana. O programa tem seus momentos, embora não se aproxime de sua fonte de inspiração. Um de seus picos acontece em The Dundies, no começo do segundo ano. Michael Scott, como sempre, está ansioso para a entrega de seu prêmio anual com os funcionários. Apesar de estar cheio de boas intenções, o patrão nunca consegue se conectar com seus empregados. Seus elogios atrapalhados e deslocados fazem a noite ser mais estranha que necessária. Nesse episódio, a série estabelece a base do humor que adotaria daquele ponto em diante.

4 - Fringe: Peter, 2ª temporada, 16º episódio

Antes de trabalhar nos desfibriladores em Star Trek e Star Wars, o cineasta JJ Abrams produziu a série de ficção científica Fringe. No início, o programa foi bastante comparado com Arquivo X, porém, desenvolveu a própria mitologia com o tempo e conquistou um lugar em meio as melhores obras do gênero. Embora a história estivesse intrigante, foi no episódio Peter que tudo mudou. O título se refere ao nome do filho de Walter Bishop, o brilhante cientista que trabalha na divisão secreta do governo federal. Na história, ele revela à agente Olivia Dunham que o Peter dessa realidade morreu e a pessoa com o qual eles convivem foi buscada num mundo paralelo ao nosso.

Ele conta a história em um flashback ao ano de 1985. Toda ambientação do capítulo remete à época. O passado de Walter, a relação dele com o filho, a explicação de seus motivos à Olivia, tudo isso levou peso emocional para a série. O episódio foi aclamado pela crítica e pelos fãs. A série nunca mais foi a mesma desde então. A dramaticidade da trama aumentou consideravelmente.

5 - Seinfeld: The Bubble Boy, 4ª temporada, 7º episódio

Seinfeld se tornou um marco na televisão americana. O formato inovador da série fez tanto sucesso que existem as comédias antes e depois de sua exibição. A história acompanhava a vida de quatro amigos solteiros em Nova York e seu cotidiano normal, muito normal. Problemas diários que qualquer pessoa poderia se identificar. Por exemplo, existiam episódios inteiros decorridos em uma fila de banco, ou na mesa de uma lanchonete ou em uma ida ao cinema. Ela ficou conhecida como "a série sobre o nada" e foi um sucesso absoluto. No entanto, o programa começa a se lapidar apenas na quarta temporada. Na história em questão, os amigos fazem uma viagem ao campo e George acaba discutindo com um menino que mora dentro de uma bolha anti germes por causa de um jogo de tabuleiro de perguntas e respostas.

6 - Os Simpsons: Two Cars in Every Garage and Three Eyes on Every Fish, 2ª temporada, 4º episódio

Simpsons dispensa apresentações. Mesmo assim, vale lembrar que as temporadas de três a nove são consideradas a Era de Ouro da animação. Contudo, o episódio foi escolhido para a lista faz parte de seu segundo ano. Isso porque ele foi decisivo para definir a essência da série no futuro. O que começou como um programa familiar leve e, digamos, inocente, foi transformado em algo mais ambicioso. Os Simpsons concentrou sua força em satirizar com inteligência a sociedade e política americana.

7 - Star Trek: The Next Generation - Best of Both Worlds Partes I e II, 3ª temporada, 26º episódio. 4ª temporada, 1º episódio

Esses dois episódios de The Next Geeration foram uma surpresa até mesmo para os fãs de Star Trek. Em todo seu tempo de exibição, a série dificilmente fazia alteração na sua estrutura. Por isso, quando o Capitão Picard foi capturado pela raça cibernética conhecida como Borgs e depois precisou lidar com as cicatrizes psicológicas desse encontro, o status quo de Star Trek foi abalado. O episódio mostrou que a série estava pronta para contar a própria história nos próximos anos.

Próxima Matéria
Via   WC  
Gabi Noronha
Resumindo, é basicamente isso! Mais aventuras em Instagram: @gabinoronhaf
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+