• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 gestos comuns que já significam coisas diferentes

POR Diogo Quiareli    EM Curiosidades      11/03/19 às 17h02

Nos comunicamos de várias formas, não é mesmo? A fala, os sons sem voz e, é claro, os gestos são capazes de passar toda uma mensagem. A linguagem corporal é uma das mais expressivas, e muitas vezes apenas um simples sinal é eficaz para expressarmos o que estamos sentindo ou o que queremos dizer. Muitas pessoas estudam esse tipo de linguagem a fim de descobrir o que alguém quer dizer de forma não verbal, apenas utilizando gestos ou movimentos inconscientes. As expressões faciais também são capazes de dizer o que uma pessoa quer dizer sem utilizar qualquer palavra. Uma párea da linguagem corporal não é tão difícil assim de interpretar.

Os significados de alguns gestos parecem diretos, como o famoso dedo do meio. De forma curiosa, a maioria dos gestos manuais começou com significados insultuosos, neutros ou positivos. Pensando um pouco a respeito, resolvemos trazer essa matéria. A redação da Fatos Desconhecidos buscou e listou para você, caro leitor, alguns gestos comuns que já significam coisas diferentes. Se você sabe algum outro que não listamos aqui, mana pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos. Sem mais delongas, confira conosco e surpreenda-se.

1 - Dedo do meio

O famoso dedo do meio é um dos gestos mais ofensivos do mundo. Ele pode significar várias coisas. No entanto, na Grécia Antiga, o sinal não significa nada que você conhece. Esse sinal era usado para ridicularizar um homem penetrando durante o sexo gay. Os gregos chamavam esse gesto de "katapygon". Já em 1700, esse gesto significava relação sexual ou pênis. Quando usado para representar o pênis de algum homem, os dedos dos dois lados representavam os testículos.

2 - Saudação

A origem da saudação é um tanto obscura. Há uma teoria que afirma que esse gesto apareceu pela primeira vez na Roma antiga quando os soldados levantavam as mãos a fim de saudar outros. No entanto, não há provas disso. Outra teoria alega que esse gesto surgiu na Europa medieval quando os cavaleiros erguiam as viseiras com uma mão para mostrar aos outros que eram amistosos. Outra teoria é de que o gesto é britânico e antes do século XVIII, os soldados britânicos removeram seus chapéus para saudar os soldados de alto escalão. Isso teria se tornado um problema em 1700, quando os soldados começaram a usar chapéus elaborados, fazendo com que batessem seus chapéus para cumprimentar os soldados mais graduados.

3 - Aperto de Mão

O aperto de mão é o gesto mais comum do mundo. Como outros gestos frequentes, a origem é um tanto contestada. Muitas pessoas concordam que o aperto de mão começou há centenas de anos, quando os homens andavam com armas. Os homens chegavam uns nos outros e balançavam a mão direita para mostrar que não tinham armas. Isso servia para que, ao mexer as mãos, as armas escondidas nas mangas da roupa caíssem. Outra origem indica que o gesto possa ter começado como um sinal de selar juramento ou promessa.

4 - Cruzar os Dedos

Esse gesto é usado para dar sorte ou para indicar uma mentira na hora de fazer uma promessa. A origem é controversa, o que não é surpreendente, pois o duplo sentido pode indicar duas origens diferentes. Algumas pessoas dizem que surgiu na Europa pré-cristã. A Europa era um foco de superstição naquela época. Uma das superstições era de que os bons espíritos viviam nos cruzamentos das cruzes. Se duas pessoas cruzassem os dedos ao mesmo tempo, os bons espíritos estariam inclinados a conceder seus desejos. Outros dizem que o gesto surgiu quando o cristianismo chegou na Europa. Os cristãos perseguidos teriam criados vários gestos de identificação.

5 - Saudação nazista

Essa saudação foi bastante usada na Alemanha nazista. Os fascistas italianos e espanhóis também usavam. Na Alemanha, geralmente vinha acompanha do grito "Heil Hitler!". Eles afirmavam que o gesto foi criado na Roma antiga. No entanto, não há evidências de que os romanos levantavam as mãos dessa forma ao fazer o gesto. Há indícios de que essa saudação foi copiada de Bellamy, um gesto bastante parecido com um usado nos EUA na época. A saudação de Bellamy foi nomeada em homenagem a Francis J. Bellamy.

6 - Polegares para cima e para baixo

Um polegar para cima é um símbolo de aprovação. Para baixo, é desaprovação. Ambos os gestos se originaram dos combates de gladiadores da Roma antiga. Eles eram chamados de pollice verso. No final de um combate sangrento, perguntavam ao árbitro se um gladiador derrotado deveria ser morto ou poupado. Ele então decidia e virava para os espectadores indicando sua escolha. O polegar para cima indicava que o perdedor morria. Virado para baixo, indicava que ele deveria ser poupado.

7 - Punho cerrado

Este é o símbolo final da solidariedade. Ele é usado por oprimidos como sinal de resistência. Grupos políticos usam param mostrar solidariedade, desafio, luta, triunfo, resistência e poder. A maioria dos americanos não imagina que esse é, na verdade, um símbolo comunista. O punho cerrado surgiu durante a Guerra Civil Espanhola entre os fascistas e comunistas. Os comunistas passaram a usar o símbolo para mostrar que não eram ingênuos, pois tinham o seu próprio símbolo.

E aí, o que você achou dessa lista? Comenta pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos. Lembrando sempre que o seu feedback é extremamente importante para o nosso crescimento.

Próxima Matéria
Via   Listverse  
Imagens DW
Diogo Quiareli
Geminiano, 24 anos, goiano.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+