7 mistérios pouco conhecidos que não possuem solução

POR Natália Pereira    EM Mistérios & Horror      29/05/18 às 19h23

Todos nós somos apaixonados por um bom mistério, certo? Afinal, se não fosse por isso não estaríamos aqui tratando do assunto. A questão é que, independente da época e do lugar, o ser humano sempre buscou respostas para tudo, seja ela racional ou espiritual. E, quando este não consegue encontrar uma resposta para algo, por mais pequeno que seja, isso o deixa intrigado. Fazendo com que ele permaneça em busca de uma justificativa plausível para o ocorrido.

Acontece que, em alguns casos, apesar dos esforços para compreender o ocorrido, isso acaba não acontecendo. Afinal, desvendar um mistério pode ser muito mais difícil do que gostaríamos que fosse. E, apesar de imaginarmos que as investigações reais serial rápidas e conturbadas como nos filmes, não é assim que as coisas acontece. Uma investigação leva tempo e, infelizmente, ele parece ficar ainda mais difícil de se solucionar com os anos. Mas, ainda assim, isso serve para nos lembrar de que não temos o mundo em nossas mãos. Não importa quanto tempo se passa, permanecemos rodeados de mistérios. E esses são alguns dos que não foram solucionados!

1 - A incompetência mortal

O que você faria se seu pai sofresse um acidente doméstico e não conseguisse se mexer? Chamaria a ambulância ou qualquer outra ajuda, certo? Bom, infelizmente não foi isso que esse garoto fez e, como consequência, seu pai acabou morrendo. Por incrível que pareça, em fevereiro de 2013, um homem caiu acidentalmente no chão de sua casa, depois de escorregar em um piso molhado, e ficou imobilizado lá mesmo. E, ao invés de chamar ajuda, seu filho de 10 anos decidiu que deveria alimentar o pai para mantê-lo vivo.

O garoto continuou alimentando seu pai com líquidos, que ele conseguiria comer enquanto estava no chão, durante 4 dias até que ele morresse. E toda a história só foi descoberta depois que a escola entrou em contato com as autoridades relatando o fato de que o menino não estava comparecendo nas aulas. A criança afirmou que o pai não conseguia falar e que o alimentou enquanto estava deitado no chão. Ainda assim, não conseguimos entender como ele teria tido capacidade para manter o pai vivo e alimentado durante esse tempo mas não foi capaz de pedir ajuda.

2 - Monstro de Cameron Lake

A Ilha de Vancouver é a maior da costa oeste da América do Norte e, sem dúvida, tem muito a esconder em toda a sua dimensão. Tendo uma enorme extensão de montanhas, bosques subtropicais e o grande lago Cameron Lake, com cerca de 600 metros de profundidade. E, de alguma forma, algumas coisas estranhas já foram encontradas por lá. Dentre elas estava um avião com corpos preservados em seu interior, encontrado na parte rasa, e um aparente monstro.

Tudo isso porque um vídeo acabou sendo gravado no local e apresentando uma criatura estranha nele. O que fez com que o lugar chamasse a atenção da Sociedade Criptozoológica. Fazendo com que, algum tempo depois, um scanner sondasse o lago. E, aparentemente, ele teria detectado algo grande se movendo no fundo. Mas, ainda assim, a criatura permanece desconhecida. Alguns acreditam que exista um rio subterrâneo no lugar que vai desde o mar até o lago.

3 - Os peixes gigantes do Alasca

Durante muitos anos, as pessoas acabaram ouvindo relatos de grandes peixes no Lago Iliamna, que fica no Alasca, mas ainda não podemos saber o quanto disso é verdade. A maioria daqueles que afirmaram ter visto a criatura estavam sobrevoando o lugar e o descreveram como prateado e com um comprimento médio de 9 metros. O que acabou chamando a atenção de um famoso pescador e biólogo chamado Jeremy Wade.

Ele foi até o lugar com a intenção de solucionar o mistério mas só conseguiu dar algumas hipóteses para as pessoas. Sendo que uma dessas afirmava que os peixes, na verdade, seriam uma espécie de tubarão chamada Somniosus pacificus. E que, de alguma forma, teriam sido levados até lá na era glacial e permaneceram no lago devido a riqueza de suprimentos.

4 - A volta de Megalania

Megalania é uma espécie antiga de lagarto que, se vista hoje, poderia ser realmente assustador. Afinal, o animal teria cerca de 6 metros de comprimento, o que já é aterrorizante por si só. Mas, mesmo que fossem classificados como extintos a milhares de anos, ossos recém descobertos, desse animal, parecem ter apenas 300 anos. O que, por incrível que pareça, colocaria diversos relatos anteriores como incorretos. E, o mais incrível, algumas pessoas da Austrália acabaram revelando a crença de que essa espécie ainda está por aí, vivendo junto com nós.

Apesar de parecer surreal, o fato de terem encontrado ossos recentes mostra que os especialistas já estavam errados sobre eles e quanto tempo viveram. E, de alguma forma, eles parecem ter vivido escondido durante todo esse tempo, porque não poderiam estar entre nós agora? Além disso, algumas pessoas confiáveis relataram terem visto o animal. Um deles, o biólogo especialista em répteis, Frank Gordon, disse que estava indo até o seu veículo, em Wattagan Mountains, quando viu algo que parecia um tronco de 4 metros. Mas, quando ligou o carro, ele começou a se mexer.

5 - O misterioso Dingonek

Apesar dessa criatura parecer muito com um ser místico completamente fora da realidade, várias testemunhas do continente africano afirmaram ter visto um  animal parecido com as suas principais descrições. O Dingonek, conhecido também como 'Morsa da Selva', teria algo como um chifre na cabeça, presas, um corpo escamoso e uma cauda venenosa, além de seus 4 metros de comprimento - o que faz com que ele pareça um grande híbrido.

E, o mais interessante, é que algumas dessas características acabaram sendo vistas em pinturas rupestres encontradas na África do Sul. Fazendo com que muitos acreditem que esse seria um ancestral mortal - capaz de matar desde répteis até grandes mamíferos, do pequeno Pangolim. Mas, se isso for verdade, será que ele continua vivendo entre nós?

6 - Kongamato no África

Mais uma vez, os animais considerados extintos parecem não estar tão mortos assim. Isso porque, lendas na África acabaram descrevendo uma grande criatura que voava pelas florestas tropicais. Ele teria asas longas e uma mandíbula pontiaguda, com cerca de 2 metros. Mas, em certo momento, alguns pesquisadores acabaram cogitando a ideia de que a 'criatura misteriosa' seria, na verdade, apenas um morcego. O que acabou mudando de rumo, mais uma vez, depois que o explorador Frank Melland resolveu fazer uma pesquisa com os nativos do congo, em 1923. Ele mostrou diversas criaturas voadoras para eles, incluindo pássaros, morcegos e um pterossauro. E, ao pedir que eles apontassem para a tal criatura, os nativos acabaram indicando a foto do pterossauro.

7 - Caecilians gigantes

Apesar da maioria dos seres místicos serem relatados no mar, alguns, como os Caecilians gigantes, parecem viver sob a terra. Eles são descritos, na maioria das vezes, monstros subterrâneos que emergem das profundezas como cobras. Além disso, eles aparentemente estariam deixando trincheiras subterrâneas e teriam uma pele escura e lisa, com tentáculos escondidos. O que acabou fazendo com que as pessoas os associassem a Caecilians. Relatos de sua aparição foram feitos no Uruguai, em regiões da Amazônia e em outras partes da America do Sul.

Pode parecer difícil acreditar que seres assim existam mas, de alguma forma, relatos sobre eles continuam sendo feitos. O que vocês acham? Conseguem ver alguma justificativa para esses casos ou acreditam que eles permaneceram um mistério?

Natália Pereira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+