7 mulheres que acreditavam estarem grávidas de um demônio

POR Isabela Ferreira    EM Terror & Sobrenatural      06/04/18 às 19h18

Uma gravidez pode significar muita coisa para os pais... Seja felicidade ou medo. A grande questão é que, embora o começo seja um período difícil, com o passar do tempo os pais se acostumam com a ideia de ter um filho e passam a amá-lo ainda dentro da barriga da mãe. No entanto, existem alguns casos que vão muito além disso. Acredite, algumas mães ao longo da história, já tiveram convicção de que estavam grávidas de um demônio.

Pode não soar muito comum aos nossos ouvidos, mas são casos mais comuns do que imaginamos. Alguns aconteceram séculos atrás, outros, aconteceram de forma muito mais recente e acabaram resultando em tragédias horríveis. Pensando nisso, nós aqui aqui da Fatos Desconhecidos separamos abaixo 7 mulheres que acreditavam estarem grávidas de um demônio. Confere aí!

1 - Otty Sanchez

Foi no verão de 2009 que a polícia de San Antonio se deparou com um caso simplesmente horrível. Após receberem denúncias, invadiram uma casa onde encontraram a seguinte cena: um bebê desmembrado e uma mulher, a mãe, ensanguentada ao lado. "No quarto de uma casa, uma bebê estava desmbrado. Sues três dedinhos minúsculos roídos, seu rosto rasgado, sua cabeça decepada e seu cérebro arrancado", foi o depoimento de um dos policiais.

Ao lado estava a mãe, com uma ferida em seu peito e a garganta parcialmente cortada, gritando: "Eu matei meu bebê! Eu matei meu bebê!". Segundo ela, o diabo a obrigou a fazer isso. Desde a gravidez, ela acreditava que carregava em seu ventre um demônio. Segundo o médico Patrick McNamara, é comum que esquizofrênicos tenham esse tipo de confusão... Mas acabar com a vida do próprio filho desta forma, é terrível demais.

2 - Ana Feria Santos

Segundo o Daily Mail, um dos filhos do diabo está vivo, e tem pais colombianos... Pelo menos é o que eles dizem. A mãe conta que sua gravidez foi estranha e ela já suspeitava de algo errado. Mas com apenas 4 semanas de vida, o bebê demônio já conseguia andar sozinho e produzir fogo... Sim, produzir fogo!

A mãe, Ana Feria Santos, ainda afirma que o bebê se esconde frequentemente. Sem contar que ainda fica fazendo barulhos estranhos e tem um par de olhos intimidadores. O artigo ainda revela que os vizinhos começaram a ficar com medo do bebê, e constantemente atiram pedras na casa da família. Vale lembrar que a mãe está sendo acusada por abuso infantil, mas não há nada que possa ser comprovado.

3 - Suzanne Connors

Aos 28 anos, uma mãe de Utah ganhou as manchetes de todos os jornais quando deu à luz a uma "entidade que gritava". Assim que a criança foi retirada de seu ventre, a mulher fez o sinal da cruz. Ela conta que a gravidez foi uma verdadeira tortura. Sentia como se estivesse sendo cortada internamente, por lâminas de barbear.

Os médicos tiveram que fazer uma cesárea e tiveram que lidar com uma situação bastante estranha. O útero e o saco amniótico de Suzanne, a mãe, estavam completamente destruídos. Assim que nasceu, a criança foi encaminhada para um hospital pediátrico, para passar por avaliações.

4 - Rashida Chowdbury

gravidez

Normalmente as superstições são levadas muito a sério por algumas pessoas, mas Rashida elevou isso ao nível máximo. A jovem de 21 anos foi capaz de jogar o filho recém-nascido pela janela do quarto andar de seu prédio, pois afirmava que ele era cria do Satanás.

A família da jovem não hesitou em confirmar a história. Todos alegavam que ela realmente carregava um demônio no ventre e que quando ele nasceu tudo ficou pior. Apenas para que você tenha noção, quando ela cometeu o ato, tinham outros adultos e crianças na casa... O que torna tudo ainda mais estranho. De qualquer forma, Rashida foi condenada por assassinato em primeiro e segundo grau, por mais que alegasse não ter outra escolha.

5 - Isabella Miroslav

Por incrível que pareça, não é todo mundo que se desespera ao ficar grávida de Satã. Este é um dos casos mais recentes e aconteceu com a devota satanista Isabella Miroslav, no ano de 2015. Ela afirmava que teria engravidado do próprio senhor do submundo. Segundo ela, estava cultuando seu deus das trevas quando o próprio apareceu, possuindo seu corpo.

Bem, mas agora podemos ver que existem algumas inconsistências em sua história. Segundo ela, Satã teria afirmado que aos 12 anos de idade, a criança se tornaria presidente dos EUA, dando origem a um governo global... Dentre tantos outros absurdos.

6 - Deborah Leeds

Com garras, chifres, asas de morcego e rosnados. Este era o filho do casal Deborah e Japhet. Eles tiveram 12 filhos que pareciam ser completamente normais, mas quando o 13º veio, algo estranho parecia acontecer. Longe da idade fértil, Deborah não queria dar a luz à criança, pois afirmava que aquele poderia ser um demônio. Existem diversas versões sobre o que aconteceu durante a noite do parto.

Algumas pessoas acreditam que ela sabia desde o início que seu 13º filho era um demônio... Isso porque o número é amaldiçoado. Enquanto isso, outros acreditam que ela invocou o demônio no momento de seu parto e colocou toda a culpa sobre a criança. Mas ainda há a possibilidade de  o bebê apenas ter nascido deformado. Fato é que a mulher cuidou dele até morrer de velhice.

7 - Joana dos Anjos

A Madre Superiora Joana dos Anjos é muito conhecida por ter sido seduzida e possuída por um demônio disfarçado de padre. Tudo começou assim que Urbain Grandier se tornou pároco em Loudun, França. Segundo o que conta a história, ele era bonito, carismático e um verdadeiro mulherengo... Que constantemente abandonava seus "votos de celibato".

Joana certamente foi uma das que caiu em seus encantos. Ela ficou obcecada por Grander, mas afirmava que ele era um demônio que aparecia disfarçado e a encantava. Dessa forma, ela dizia que Isacarron (demônio da devassidão) era o responsável por tê-la engravidado. Sua gravidez teria sido cheia de tormentos. Ela escutava vozes, gritos, tinha convulsões e entrava em transes, onde falava outras línguas.

Um grupo de freiras tomou as dores de Joana, acreditando em sua história. Após uma longa investigação conduzida por elas mesmas, o tal padre foi condenado, torturado e pouco depois, queimado vivo em uma fogueira.

E então pessoal, o que acharam? Conhecem algum outro caso de gravidez semelhante? Compartilhem com a gente aí pelos comentários!

Isabela Ferreira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
As categorias Terror, Sobrenatural, CreppyPasta e entretenimento tem o único objetivo de entreter. Não devem ser utilizadas como fontes de artigos científicos ou trabalhos escolares.

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+