Fatos Nerd

Afinal de contas, por que o Mario é italiano e não japonês?

0

Com a volta da icônica figura do encanador bigodudo aos cinemas, isso trouxe algumas dúvidas pertinentes a ela, como, por exemplo, por que o Mario é italiano.

O filme abordou detalhes sobre a família do herói e sua origem que não foram explorados tanto nos jogos, mas que são curiosos.

Embora fosse consenso que Mario fosse italiano e que sua família se resumisse apenas a seu irmão Luigi e, no máximo, um primo distante e trapaceiro em Wario, o filme mostrou uma dinâmica familiar mais abrangente, incluindo mãe, pai, avô e tios, com uma atmosfera bem italiana que é facilmente reconhecível.

Via Adrenaline

Entretanto, essa escolha levanta algumas questões: por que o símbolo de uma das maiores empresas de jogos japonesas é italiano?

À primeira vista, seria mais lógico que o mascote da Nintendo fosse japonês ou, no mínimo, não tivesse uma nacionalidade específica, assim como a SEGA fez com Sonic.

No entanto, existe uma boa razão para justificar as raízes italianas do Mario, o que mostra o cuidado e a atenção que foram dedicados na criação dessa ideia e por que ela continua forte mesmo após décadas desde sua criação.

Essa razão tem a ver com as restrições de hardware da época e a influência ocidental no criador de Mario, Miyamoto.

Escolha do herói

A primeira resposta para saber por que o Mario é italiano é simplesmente porque Shigeru Miyamoto quis. Afinal, ele é o criador do personagem. No entanto, existem mais camadas nessa resposta que revelam tanto as influências de uma das mentes mais criativas da história da Nintendo, quanto como ele transformou limitações em conceitos valiosos.

Miyamoto explicou em diversas ocasiões que sempre foi um admirador da cultura ocidental.

Na infância, ele apreciava histórias em quadrinhos e tinha um interesse especial por gibis estrangeiros. Embora nunca tenha mencionado quais personagens ele lia, ele afirmou que passou a desenhar e criar personagens tentando imitar esse estilo. Isso inclui características como um nariz um pouco maior do que o comumente usado em ilustrações japonesas.

Anos depois, quando se tornou designer de jogos, Miyamoto resgatou essas influências para resolver um problema prático, tornando Mario italiano.

Via CanalTech

Procura

Em 1981, a Nintendo estava lançando Donkey Kong e precisava criar um personagem que o jogador pudesse controlar para salvar a mocinha raptada pelo gorila.

Devido às limitações tecnológicas da época, não era possível criar algo muito detalhado.

Havia poucos pixels disponíveis para moldar o herói. Foi então que Miyamoto recorreu aos narizes que havia visto nos quadrinhos ocidentais para ajudar a definir o rosto de Jumpman, o protagonista do jogo.

Além disso, a combinação de azul e vermelho serviu para criar um macacão para o personagem, simples de renderizar.

Para complementar o visual, um chapéu foi adicionado para esconder o cabelo e um bigode para cobrir a boca. Foi assim que nasceu o design do que se tornaria o personagem Mario.

Profissão

Via O Vício

Inicialmente, o personagem Jumpman não tinha uma nacionalidade definida e era um carpinteiro, escolhido para o jogo Donkey Kong porque o gorila se escondia em um prédio.

Mais tarde, quando ele ganhou seu próprio jogo, o criador Shigeru Miyamoto decidiu torná-lo um encanador e imaginar um fundo para ele.

Ele decidiu que Mario morava em Nova York e era italiano, enquanto seu nome foi inspirado em Mario Segale, proprietário do prédio onde ficava o escritório da Nintendo nos Estados Unidos.

A voz característica do personagem só surgiu em 1992, quando a Nintendo o dublou pela primeira vez com o ator americano Charles Martinet, incorporando o sotaque italiano. Assim, Mario se tornou um dos maiores ícones dos videogames.

Mario é italiano de nascença

Se não fosse o conjunto de fatores na época, talvez não tivéssemos um herói como esse. No entanto, o criador impôs seu conhecimento e sua vontade, e, hoje, o Mario é italiano de nascença.

Além disso, isso também serviu como um diferencial para popularizar o personagem. Afinal, seu sotaque, suas roupas e seus trejeitos o tornaram um dos mais amados dos jogos.

Por isso, mesmo com novas tecnologias de design, os criadores não abriram mão da nacionalidade estratégica, aprimorando seus traços com maior definição, em vez de corrigi-los.

Assim, com o novo filme de Super Mario Bros, temos um background ainda maior para justificar sua origem e a de toda a sua família.

 

Fonte: CanalTech

Imagens: Adrenaline, CanalTech, O Vício

Fome de Sucesso | Filme traz boa análise social ainda que com erros

Previous article

Veja quais órgãos podemos remover e continuar vivos

Next article

Comments

Comments are closed.