Entretenimento

Conheça cinco psicopatas interpretados por Evan Peters

0

Os fãs de American Horror Story conhecem bem a versatilidade e o talento de Evan Peters, que atuou em quase todas as temporadas da série criada por Ryan Murphy. A parceria Peters-Murphy agradou tanto que está novamente sendo comentada após a estreia da série “Dahmer: Um Canibal Americano”, da Netflix.

Algumas pessoas afirmam que chegaram a se assustar com a atuação de Evan Peters devido à reprodução fiel da frieza e indiferença do serial killer Jeffrey Dahmer.

No entanto, interpretar psicopatas, sejam eles reais ou fictícios, não é uma novidade para o ator. Veja abaixo alguns deles.

1. Jeffrey Dahmer

Foto: Divulgação/ Netflix

O psicopata mais recente com atuação de Evan Peters foi Jeffrey Dahmer. A série sobre os crimes do canibal de Milwaukee se tornou sucesso mundial. 

De acordo com o portal Darkside, a fama da produção da Netflix pode ser explicada pela brutalidade dos crimes e pela excelente atuação de Evan Peters no papel do assassino. Isso resultou em pessoas fascinadas e aterrorizadas pela frieza e crueldade do psicopata com suas vítimas.

Peters contou que em seu processo para interpretar o serial killer assistiu a entrevistas de Dahmer, ouviu as gravações originais em que ele confessa seus crimes e leu vários livros sobre o assassino. 

2. Tate Langdon

Foto: FOX/ Reprodução

Ainda na primeira temporada de “American Horror Story”, Evan Peters mostrou como consegue equilibrar as facetas de um personagem que em um primeiro momento é simpático e encantador, mas que na realidade é exatamente o oposto.

Em “AHS: Murder House” ele interpreta Tate Langdon, o fantasma de um adolescente que sofria bullying na escola. Os fãs da série acabaram passando boa parte da temporada torcendo para que acontecesse o romance de Tate com Violet (Taissa Farmiga), moradora da casa macabra.

No entanto, logo os telespectadores descobrem que o verdadeiro Tate que causou um tiroteio no colégio em que estudava. 

De acordo com o portal Darkside, a história do personagem é inspirada em diferentes episódios de atentados causados por adolescentes em escolas dos Estados Unidos, incluindo o de Columbine. 

Na série, Tate pergunta a uma garota se ela acredita em Deus antes de matá-la, o mesmo aconteceu no massacre de Columbine, segundo relatos.

3. James March

Foto: FOX/ Reprodução

Já na quinta temporada, “American Horror Story: Hotel” promove um jantar de Dia das Bruxas com a presença de diversos assassinos. Entre eles estão Aileen Wuornos, John Wayne Gacy e o próprio Jeffrey Dahmer. 

Evan Peters fica encarregado de dar vida a um personagem fictício que acompanhou os espectadores ao longo daquela temporada: James Patrick March.

Na trama, March é o empresário que mandou construir o Hotel Cortez e todas as armadilhas mortais que ele esconde. No entanto, apesar de ser um personagem fictício, March é inspirado no serial killer H. H. Holmes, um dos primeiros assassinos em série que se tem registro nos Estados Unidos.

4. Kai Anderson

Foto: FOX/ Reprodução

Um dos papéis mais perturbadores interpretados por Evan Peters é visto na sétima temporada, em “American Horror Story: Cult”. Vale destacar que essa foi a primeira temporada da série que não teve fenômenos naturais, ou seja, todo o mal foi realizado por seres humanos.

Em “AHS: Cult”, Evan Peters dá vida a Kai Anderson, o líder de uma seita ativa nos Estados Unidos dos tempos atuais.

No entanto, apesar de o personagem ser fictício, o Darkside aponta que ele é inspirado em vários líderes de cultos que existiram de verdade, como Charles Manson e Jim Jones.

5. Charles Manson

Foto: FOX/ Reprodução

Além de interpretar Kai ao longo de “American Horror Story: Cult”, Evan Peters interpreta o próprio Charles Manson em um dos episódios, durante uma alucinação de seu personagem. 

Fonte: Darkside

Mulher encena próprio sequestro e história ganha documentário

Artigo anterior

As mulheres por trás de She-Hulk

Próximo artigo