Entretenimento

Dez anos depois: por onde anda a Grávida de Taubaté?

0

Recentemente, uma história marcante no Brasil completou 10 anos. Em 11 de janeiro de 2012, a pedagoga Maria Verônica Aparecida Santos, conhecida como “Grávida de Taubaté” revelava sua suposta gravidez de quadrigêmeas no programa “Hoje em Dia”, da Record TV. A história se tornou um dos maiores memes brasileiros.

A repercussão da suposta gravidez

Quando foi ao Hoje em Dia, Maria Verônica, que era dona de uma escola infantil, ganhou a atenção do país inteiro. Sua história era emocionante e ela passou a ser chamada de “supermãe” pelo tamanho da barriga que supostamente abrigava as quatro filhas e pelo esforço que a mulher fazia por elas. Um dos apresentadores do programa, Edu Guedes, ficou muito comovido com os relatos de Maria Verônica e até mesmo chorou durante o programa. 

Na ocasião, ela ganhou fraldas e a mobília para o quarto das bebês, além de outros itens de enxoval. A mulher já tinha o nome para as supostas filhas quadrigêmeas: Maria Klara, Maria Eduarda, Maria Fernanda e Maria Vitória. Segundo ela, seu peso tinha aumentado 30 quilos durante a gravidez e a barriga, em média, 1,82 metros.

Folhapress

Maria Verônica foi a outros programas de emissoras locais. No entanto, outra apresentadora do Hoje em Dia suspeitou de que a história não era tão verídica. Dessa forma, Chris Flores confrontou a mulher durante o programa, questionando a veracidade da situação. 

Mesmo Maria Verônica alegando que a gravidez era verídica, Chris Flores não ficou convencida disso. Isso porque a mulher se locomovia com facilidade mesmo com uma barriga que abrigava quatro bebês. Além disso, Maria Verônica não apresentava inchaço nas mãos e pés (algo comum em mulheres grávidas).

Com isso, a apresentadora pediu para que um repórter fosse até Taubaté (cidade em que Maria Verônica residia) e investigasse o caso. O marido da mulher chegou a registrar um boletim de ocorrência contra a emissora por “perturbação de sossego”. Apesar disso, as investigações jornalísticas apontaram o resultado que todos já sabem: a gravidez era falsa.

Poucos dias depois, o “Domingo Espetacular”, outro programa da Record TV, veiculou uma reportagem desmascarando toda a história. A matéria televisiva contou com uma entrevista do médico de Maria Verônica. Na ocasião, ele mostrou o exame que comprovava que era impossível que a mulher estivesse grávida do modo como ela anunciava. 

Como já não havia mais meios para que Maria Verônica afirmasse que a gravidez era real, a mulher contratou um advogado. No entanto, para defendê-la, o advogado solicitou um exame para que houvesse provas de que o caso era real e, assim, a defesa ser realizada. Porém, ela não o fez. Com a movimentação, a irmã da Grávida de Taubaté também cedeu e revelou que a grande barriga era, na verdade, criada com espuma e pedaços de pano.

Youtube

Consequências da atitude

Em decorrência da falsa gravidez, que repercutiu no país inteiro, Maria Verônica e o marido, Kleber, chegaram a ser processados pelo crime de estelionato. No entanto, o processo foi suspenso e extinto anos depois.

Mesmo assim, ela teve que pagar R$ 4.000 em indenização para a dona do verdadeiro ultrassom de quadrigêmeos, já que a prova que ela mostrava para “comprovar” a gravidez era, na verdade, de outra pessoa. A indenização foi requerida pela Justiça após a verdadeira dona do exame processar Maria por danos morais.

Maria Verônica optou por mudar o visual e se isolar após o ocorrido. Sendo assim, poucas são as informações obtidas sobre ela durante esses 10 anos que se passaram após a falsa gravidez. Na época, Maria Verônica alegou à polícia que tinha problemas psicológicos e que queria muito ser mãe de uma menina, o que a motivou a fingir a gravidez.

grávida

RecordTV

No carnaval que aconteceu em fevereiro de 2012, a fantasia da Grávida de Taubaté foi muito utilizada. Ainda hoje, muitas pessoas se fantasiam com o característico vestido rosa com laranja (utilizado por Maria Verônica nas fotos que ficaram registradas da “gravidez”) e a barriga bem grande. Além disso, o sufixo “de Taubaté” se tornou uma forma de se referir a algo que é falso. 

Chris Flores e Maria Verônica

Durante participação no “Vênus Podcast”, em dezembro de 2021, Chris Flores comentou que entrou em contato com Maria Verônica após o ocorrido.  Segundo Chris, está tudo bem entre elas. “Ela disse que entende, que na verdade eu fui a única pessoa que teve coragem de falar na cara dela o que todo mundo estava achando“, explicou.

Na entrevista ao podcast, Chris Flores detalhou que, após o episódio, Maria Verônica continuou em Taubaté e teve uma loja de artigos religiosos. Além disso, elas pretendem se encontrar. “Estamos estudando aí um momento de reencontro, da gente sentar, se ver e conversar. Eu tenho dó no fundo, eu tenho pena, porque eu tenho certeza de que alguma coisa moveu para que ela fizesse isso “, completou Chris.

Conheça a casa de Pedro Scooby do BBB22

Matéria anterior

Famosos que já foram um casal e você não sabia

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos

Fatos Desconhecidos Nós gostaríamos de enviar notificações dos últimos conteúdos e atualizações que fazemos.
Dismiss
Allow Notifications