• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

É por isso motivo que 100% das pessoas detestam ouvir a própria voz

POR Jesus Galvão    EM Ciência e Tecnologia      29/05/18 às 19h36

É normal o estranhamento causado quando você ouve o som de sua voz reproduzida em um alto-falante. Certamente ela não soará como você está acostumado quando ouve o que você está dizendo de forma espontânea. Mas não se preocupe, há uma boa explicação sobre isso.

Os sons são transmitidos através de ondas sonoras que são conduzidas pelo ar até os nossos canais auditivos. Nós ouvimos graças aos tímpanos que captam as vibrações sonoras. Elas são enviadas para três ossos no ouvido médio e, posteriormente, para a cóclea - órgão em forma de caracol que transforma essas mesmas vibrações em sinais nervosos.

O efeito

Porém, quando o som é produzido por nossas próprias cordas vocais acontece algo um pouco diferente. Quando estamos falando o som é percebido da mesma forma, no entanto, captamos vibrações que vem através dos ossos de nossa mandíbula e do crânio. Esse efeito é conhecido como condução óssea inercial.

A condução óssea tende a captar as vibrações de frequência mais baixas, o que faz com que nossa voz soe mais profunda e menos estridente do que de fato ela é. Por isso, quando ouvimos uma gravação de nossas vozes acontece tal estranhamento.Pelo simples fato de não estarmos acostumados a ouvi-la sem a interferência das vibrações e ressonâncias internas.

O fato é que, a voz que você muito provavelmente detesta ao ouvir uma gravação nada mais é que do que a voz que todas pessoas ao seu redor e aquelas que você irá se comunicar ouvem. E, felizmente ou infelizmente, não há como mudar. Sua voz também é uma parte singular que caracteriza quem é você. Isso não é incrível?

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.

Próxima Matéria
Via   IFL Science  
Jesus Galvão
Goiano, Canceriano e Publicitário.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+