Fatos NerdNotícias

Por que o novo Esquadrão Suicida apresentará duas equipes de vilões?

0

Desde a realização do DC FanDome, onde foi apresentado um painel sobre o Esquadrão Suicida de James Gunn, vem sendo especulada a possibilidade de haverem duas equipes de vilões no longa. Visto que o número de personagens é muito maior do que aquele que vimos na versão de David Ayer, parece uma teoria coerente. Ademais, novas imagens da produção pareceram revelar que o novo Esquadrão Suicida apresentará, na verdade, duas iterações separadas da Força-Tarefa X. Okay, mas supervisionar uma equipe de supervilões já não trabalhoso demais? Por que Amanda Waller iria querer dobrar seu serviço? Bom, de acordo com o Screen Rant, a resposta está na trama, que pode contar com uma ameaça muito além do esperado. Sendo assim, dividir e conquistar pode ser a melhor alternativa estratégica.

Embora a narrativa de O Esquadrão Suicida permaneça sendo um mistério, parece que o roteiro foi inspirado em filmes de guerra clássicos dos anos 70. Como resultado disso, a equipe aparentemente recebeu a tarefa de ajudar rebeldes sul-americanos, liderados por Sol Soria a lutarem contra um ditador implacável chamado Silvio Luna. No entanto, essa está longe de ser a principal ameaça do longa. Relatórios recentes sugerem que a ameaça será muito mais letal e sobrenatural. Nós já temos nosso palpite sobre o que pode se trata a mesma, e se esse vier a ser o caso, isso explicaria adequadamente por que as fotos revelaram que o grupo estava nitidamente dividido em dois.

Enquanto o informalmente intitulado “Time Vermelho” conta com Arlequina, Capitão Bumerangue e Rick Flag – veteranos conhecidos do filme de Ayer – também vemos com eles novos membros como Dardo, Mongal, Sábio, TDK e Blackguard. A foto em questão parece ter sido tirada do avião do qual eles saltarão nas tropicais terras sul-americanas. Em contrapartida, outros personagens já confirmados, como Bolinha, Pacificador, Sanguinário, Tubarão-Rei, Doninha, Pensador e Caça-ratos 2, não são vistos a bordo. Provavelmente, Arlequina e cia compõem uma Equipe Alfa que, não percebendo a extensão do perigo, é rapidamente afetada pela real ameaça que é Starro, o principal vilão do segundo Esquadrão Suicida. Então, os personagens que não vemos no avião são o Plano B de Amanda Waller, uma equipe enviada para descobrir o que deu errado.

Starro, o Conquistador Estelar em Esquadrão Suicida

Em suma, Starro foi apresentado como o primeiro inimigo da Liga da Justiça após sua estreia em Brave and the Bold #28 em 1960. Apesar de parecer meio careta, adiantamos que não devemos julgar o personagem por sua aparência de estrela do mar. Starro é uma criatura extremamente inteligente pertencente ao mar alienígena. Além disso, ele conta com um exército de clones de esporos capazes de se prender às vítimas e assumir o controle de seus corpos. Por fim, ele é amplamente vulnerável e capaz de assumir níveis extremos de sugestão mental. Seu objetivo? Aquele clichê de conquistar o mundo. Dada sua letalidade, ninguém gostaria de desperdiçar bons heróis com ele, então um Esquadrão Suicida seria perfeito. E então, o que você achou de Starro? Acredita em seu potencial vilanesco? Compartilhe sua opinião com a gente.

Imagens: Warner Bros.  DC Comics.

Letitia Wright, a Shuri, fala sobre equipe feminina dos Vingadores

Matéria anterior

Hera Venenosa pede Arlequina em casamento nos quadrinhos

Próxima matéria

Mais em Fatos Nerd

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.