Esse cometa se atirou contra a superfície do sol
Tempo de leitura:2 Minutos, 8 Segundos

Esse cometa se atirou contra a superfície do sol

Sem sombra de dúvidas, os cometas estão entre os principais objetos celestes, e um dos mais interessantes e curiosos. Alguns cometas são visíveis a olho nu, outros acabam passando despercebidos até pelos olhos mais atentos. Hoje, com toda a tecnologia disponível, podemos identificá-los ainda distantes, quando estão em suas órbitas previsíveis, basta saber onde e quando procurar por um cometa.

Na última quinta-feira, a NASA observou um cometa andando pelo espaço por uma rota direto para o sol, o que levaria a destruição do cometa. O cometa, assim como era esperado, não sobreviveu à colisão. Isso não foi uma surpresa até porque nunca foi observado alguma coisa colidir com o sol e sobreviver.

Entretanto, o evento teve um aspecto positivo. No caso foram as imagens que os pesquisadores conseguiram obter enquanto o cometa se desmanchava em tempo real.

Cometa

O cometa foi observado tanto pela NASA quanto pelo Laboratório de Pesquisa Naval dos EUA (NRL, sigla em inglês) depois que ele disparou um flash d luz durante a aproximação. Os comentas que passam muito perto do sol são chamados de sungrazers e são bastante comuns. Mas o diferente desse em específico foi o seu anúncio dramático.

Depois disso sua jornada se encerrou com a colisão. “Um pequeno cometa não pode sobreviver”, afirmou Karl Battams, pesquisador da NASA e NRL.

Jornada

Os cientistas já sabiam que o cometa não iria sobreviver muito antes de ele chegar ao seu destino final. Eles souberam disso observando a cauda do cometa.

Battams usou o seu Twitter para dizer que a cauda do cometa era irregular. Ele estava desmantelado quando liberou pedaços no mesmo momento em que desmanchava rapidamente.

“O brilhante cometa agora entrou em nossa câmera. Essa cauda não é sua cauda de cometa típica – é mais uma trilha de destroços espalhados com pedregulhos. O cometa está sendo totalmente desconstruído pela radiação solar no ambiente mais hostil do nosso sistema solar!”, escreveu ele em seu tweet,