Curiosidades

Esse é o veículo mais eficiente do mundo

0

Uma vez por ano, o concurso Delsbo Electric, na Suécia, desafia estudantes a criarem os veículos com maior eficiência energética do mundo. O campeão deste ano é o Eximus IV, um irreverente veículo sobre trilhos. O Eximus IV conquistou o primeiro lugar após superar todos os quesitos estabelecidos pela famosa competição.

O veículo foi criado por alunos da universidade Dalarna University e a Chalmers Technical University. Ambas as universidades têm participado do evento desde 2016. De seu ano de estreia até a última edição do concurso, as duas universidades sempre ficaram em primeiro lugar.

O Eximus IV é capaz de transportar apenas uma pessoa. O veículo sobre trilhos usa 0,517 Wh por quilômetro. Em termos de comparação, o índice de 0,517 Wh equivale a 0,63 mililitro de combustível. Isso significa que o veículo necessita cerca de 12 gotas de gasolina para transportar uma pessoa por 10 km.

“Em teoria, o Eximus IV poderia transportar uma pessoa por quase metade de um caminho ao redor do mundo usando a energia contida em apenas um litro de gasolina,” disse o professor Henrik Rodjegard, um dos coordenadores do evento.

O evento

O concurso Delsbo Electric é realizado em uma pista de 3,36 km. No evento, o veículo deve transportar de um a seis passageiros. O concurso não exige um limite de velocidade, mas deve consumir o mínimo de energia possível. O vencedor só é escolhido após cruzar a linha de chegada, quando os avaliadores do concurso avaliam a quantidade de energia consumida de cada veículo. O resultado, então, é dividido pelo número de passageiros a bordo.

A pista, além de possuir uma rede eletrônica capaz de captar vídeos, também registra o fluxo constante dos veículos participantes. O equipamento de medição utilizado no concurso compila todos os dados 2.000 vezes por segundo. Tudo é divulgado online, e em tempo real.

O Eximus IV foi o veículo de maior destaque deste ano, mas todos os outros que participaram da competição foram capazes de consumir menos energia do que a necessária. Ou seja, a diferença que fez o Eximus IV conquistar o primeiro lugar em relação aos outros participantes é mínima.

O veículo que poderia ter superado o Eximus IV, por exemplo, registrou, durante a primeira volta da corrida, um pico no consumo de energia em um determinado ponto ao longo da pista. O fato só pode ser comprado por conta de um código aberto, que analisa e compara os dados da competição.

Após análises, os avaliadores descobriram que a diferença entre o Eximus IV e o outro veículo foi de 8 mm.

Delsbo Electric, em 2021

Para a competição do ano que vem, o concurso pretende incluir ao longo da pista sensores de vento e temperatura. Os organizadores do concurso acreditam que a inserção de tais sensores pode facilitar mais ainda o desenvolvimento de sistemas automatizados. Possuindo recursos mais avançados, será possível analisar com antecedência qualquer contratempo ao longo da competição.

Segundo os avaliadores, outro motivo que garantiu a vitória do Eximus IV é a automação do veículo. O Eximus IV, em todas as competições anteriores, transportou passageiros, afinal, esse segue sendo um dos requisitos do concurso. Porém, este ano, o veículo foi conduzido por um computador.

Mulher assiste a pornô gay e descobre que marido atuou no vídeo

Matéria anterior

5 casos de pessoas desaparecidas que intrigam os investigadores

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos