Curiosidades

Quanto custa um terreno no metaverso?

0

Os terrenos no metaverso são espaços em plataformas virtuais como Decentraland e The Sandbox. Essas regiões são criadas e regulamentadas pelos desenvolvedores de realidade virtual e em seguida vendidas ao público.

Por causa da crescente popularidade do conceito de metaverso, é comum que empresas estejam usando espaços virtuais para divulgar produtos ou marcas. O interesse fez com que surgisse uma especulação imobiliária nessas plataformas, atraindo também usuários comuns que investem em terrenos no metaverso para obterem retornos financeiros.

Veja abaixo como comprar um terreno virtual no metaverso e qual os valores deles.

O que são terrenos no metaverso?

Foto: Infomoney

Os terrenos no metaverso são pedaços de terra virtuais. Plataformas que promovem experiências virtuais imersivas costumam vender essas zonas para o público, que pode usar o espaço para construir o que desejar, desde que siga as normas da empresa que regula o metaverso.

Esses terrenos não possuem uma representação física. Na realidade, os espaços ficam hospedados em blockchain, o que os torna “tokens não fungíveis”, ou NFTs (sigla em Inglês). As moedas usadas nas negociações dos terrenos também são virtuais e viram de acordo com a plataforma.

Por que pessoas e empresas estão comprando esses terrenos?

Foto: Gucci

Considerando que o metaverso promete ser um “novo capítulo”, conforme afirmou Mark Zuckerberg, da Internet, para as marcas, ficar fora desse ambiente pode significar perda de oportunidades.

Vale destacar que antes mesmo de o conceito de metaverso ser apresentado pela Meta, empresas e artistas já faziam eventos em plataformas interativas. Por exemplo, em 2020, o cantor Travis Scott apresentou-se virtualmente no jogo “Fortnite”. O show de música foi transmitido para mais de 14 milhões de usuários, sendo 12,1 milhões de jogadores simultâneos no game, de acordo com dados da Epic Games, e mais dois milhões de espectadores na Twitch e no YouTube.

Anos antes, em 2006, empresas como Adidas e Nissan já buscavam investir em espaços no mundo digital. Isso porque para as marcas, comprar um terreno no metaverso significa comprar um espaço para publicidade, assim como as redes sociais. Inclusive, a Decentraland, uma das plataformas de metaverso mais conhecidas, já recebeu investimentos de big techs como a Samsung.

Já em relação ao usuário, a principal razão para investir é a probabilidade de valorização dos terrenos virtuais. De acordo com a MetaMetric Solutions, empresa fornecedora de dados e estatísticas acerca do metaverso, as vendas de terrenos nas principais plataformas do metaverso movimentaram aproximadamente U$ 501 milhões (R$ 2,5 bilhões, na cotação atual) em 2021.

Conforme o metaverso se populariza, o interesse nos terrenos da plataforma cresce. Em alguns casos, as regiões compradas podem ser vendidas por preço três vezes maior que os pagos inicialmente. Essa expectativa é o que atrai investidores.

Da mesma maneira que um imóvel real pode se valorizar por vários motivos, terrenos do metaverso também. Entre os fatores que incentivam a compra estão a escassez de terra e a possibilidade de criar negócios lucrativos no mundo digital.

Quanto custa um terreno no metaverso?

Foto: Reprodução/ Decentraland

O valor de um terreno no metaverso depende de diversos fatores. No OpenSea, um dos principais mercados de criptoativos, podem ser encontrados terrenos virtuais da Decentraland por valores que vão desde 50 Ethereum, cerca de US$ 63 mil (R$ 330 mil, na cotação atual da moeda), até 2 mil Ethereum, aproximadamente US$ 2,5 milhões.

Vale destacar que, assim como na vida real, o preço pode variar de acordo com a localização do terreno, tamanho e qualidade da região.

Como comprar um terreno no metaverso?

Foto: Vogue

Para comprar um terreno no metaverso é preciso criar uma carteira virtual e adquirir criptomoedas. As mais usadas são a Ethereum (ETH), MANA e SAND (criptomoeda da The Sandbox). Porém, é preciso se atentar a quais são as moedas aceitas na plataforma escolhida.

Logo em seguida deve ser acessado o marketplace. No caso da Decentraland e The Sandbox, esses jogos possuem os próprios mercados, nos quais é possível comprar os terrenos diretamente na plataforma.

Os terrenos também podem ser comprados por sites que vendem criptoativos como moedas e NFTs, o OpenSea é um exemplo. Depois de definir o marketplace, é preciso escolher o lote que deseja adquirir, cadastrar a carteira digital e realizar a compra.

Fonte: TechTudo

A história do hit de Marília Mendonça e Gal Costa

Previous article

Veja o motivo de você sentir dor durante a noite

Next article

Comments

Comments are closed.