• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


A queda e ascensão na vida de Robert Downey Jr.

POR Bruno Destéfano    EM Curiosidades      28/05/19 às 18h58

Robert Downey Jr. é um ator norte americano mundialmente conhecido por seus papéis em uma ampla variedade de filmes, incluindo 'Homem de Ferro', 'Os Vingadores', 'Sherlock Holmes' e 'Chaplin'. Nascido em Nova York, em 4 de abril de 1965, ele começou a atuar desde pequeno. Fez suas primeiras aparições no cinema e foi um membro do elenco no Saturday Night Live na década de 1980. No entanto, ao mesmo tempo, seu sucesso crescente foi marcado por anos de lutas com o abuso de drogas. Você conhece o homem por trás da lenda ou só tem uma pequena noção de tudo o que ele passou? Saiba, a partir de agora, mais detalhes sobre a queda e ascensão na vida de Robert Downey Jr.

Como uma fênix dos tempos modernos, o renomado ator eventualmente reverteu os conturbados momentos de sua vida. Hoje, é considerado um dos atores mais bem sucedidos de Hollywood.

Início incomum e sem boas projeções

Ele tinha pouco mais de seis anos de idade quando seu pai lhe deu um cigarro de maconha para experimentar. Isso aconteceu um ano após o seu primeiro papel nos cinemas, o que não lhe dava boa perspectiva sobre o seu próprio futuro. Até porque, aos 8 anos de idade, o garoto já estava enfrentando problemas de saúde. Como pensar no futuro quando o presente torna-se quase insustentável?

De acordo com Robert Downey Jr., as drogas em sua casa de Manhattan sempre foram de 'domínio público' e, por isso, a dependência foi apenas um reflexo do que acontecia no ambiente familiar. Muitos anos depois, o pai de Downey se arrependeu de tudo o que havia acometido, mas alguns estragos podem durar uma vida toda. "Quando meu pai e eu usamos drogas juntos, era como se ele estivesse tentando expressar seu amor por mim, assim como podia.", o ator confessou.

As conturbadas experiências com drogas ilícitas e álcool continuaram até a sua adolescência. A essa altura, seus pais estavam se divorciando e o ator juvenil teria que escolher entre ficar com o pai ou com a mãe. Algum tempo depois, Downey Jr. optou por se mudar com o pai para a Califórnia, mas a decisão não durou por muito tempo.

Aos 17 anos, ele retornou à sua cidade natal, Nova York, e finalmente começou a repensar a sua carreira no showbusiness. Realmente continuaria? Estaria ele focado o suficiente para se entregar ao estrelato? Aparentemente, a resposta foi positiva. Depois de trabalhar por um ano no show Saturday Night Live e interpretar vários papéis no teatro, Robert estrelou o filme "Wall to Wall". Sua carreira, daí em diante, só ganhou mais notoriedade.

Altos e baixos

Depois de várias comédias teen, Downey Jr. apareceu no filme "Less Than Zero" no papel de um viciado adolescente. Este trabalho se tornou fatal para ele: o ator literalmente viveu o destino de seu herói. No entanto, apesar das consequências, o trabalho fez com que ele tivesse a oportunidade de interpretar o papel do lendário comediante no filme "Chaplin" (1992), pelo qual o ator foi indicado ao Oscar.

1992 foi um ano de sucesso para um ator, não apenas em termos de criatividade, mas também em sua vida pessoal. Robert casou-se oficialmente pela primeira vez com a cantora e modelo Deborah Falconer. Em 1993, o casal teve um filho, Indio. Inspirado pela nova fase de sua vida, Downey Jr. decidiu abandonar as drogas.

Quando a euforia se dissipou, as recaídas começaram a acontecer. Em 1994, ele novamente consumiu drogas, embora tenha tentado convencer sua esposa e os que o rodeavam de que estava completamente "limpo". Em 1996, depois de com prisões e mentiras, Deborah levou o filho e deixou o marido.

Downey Jr. acabou sendo preso várias vezes. Por decisão judicial, foi enviado para um centro de reabilitação de drogas com um programa de tratamento 24 horas, de onde escapou por uma janela no banheiro. Após 4 horas, o ator foi novamente encarcerado por 9 dias.

Sem esperanças

Após quase um ano de tratamento para dependência de drogas, Downey Jr. foi liberado sob fiança de R$ 20 mil. Chegando à liberdade em 2000, Robert retomou sua carreira ao contracenar na série de televisão "Ellie Macbil". O trabalho do ator neste projeto recebeu ótimas críticas, fazendo com que Downey ganhasse o Globo de Ouro. No entanto, após o final da primeira temporada, ele fora novamente preso pelos motivos de sempre.

A paciência do produtor rompeu-se apenas quando Downey foi preso novamente em abril de 2001. O ator foi demitido de "Ellie Macbil" e perdeu seu papel no filme "America's Favorite". Além disso, ele recebeu 3 anos de liberdade condicional e foi condenado para efetivar o tratamento compulsório. Além disso, estava cheio de dívidas, não havia seguro remunerado e a esposa oficialmente pedira o divórcio.

A queda e ascensão na vida de Robert Downey Jr.

Em 2003, as coisas finalmente começaram a mudar. O ator conheceu sua futura esposa, a produtora cinematográfica Susan Levin, e foi essa mulher que desempenhou o papel decisivo em livrá-lo do vício em drogas. Levin estabeleceu critérios bem claros para que ambos pudessem selar o matrimônio.

Por isso, Downey despejou todas as suas reservas de drogas no oceano e, em 2005, o casamento foi oficializado. Robert e Susan tiveram dois filhos: Exton Elias e Eyré Roel Downey. De 2003 até os dias atuais, o ator não consome álcool e/ou substâncias narcóticas. Por causa disso, os frutos foram colhidos: em 2008, o ator foi novamente indicado ao Oscar por seu papel no filme "Soldiers of Failure". Além disso, o casal abriu sua própria produtora, a Team Downey.

Depois de ajustar sua vida pessoal e resolver seus problemas, Robert Downey Jr. começou novamente a se destacar no cenário cinematográfico. Ele teve bastante filmes de sucesso, como "Sherlock Holmes". No entanto, o ator ganhou fama mundial depois que estrelou Homem de Ferro (2008) como Tony Stark, o super-herói bilionário da Marvel Comics.

Ao longo dos últimos 10 anos, Downey interpretou Tony Stark em uma série de filmes sobre os Vingadores e o resto da história, você conhece. Está se sentindo inspirado o suficiente? Essa é a queda e ascensão na vida de Robert Downey Jr.

Próxima Matéria
Bruno Destéfano
Escritor, fotógrafo e jornalista // Deixe que o conhecimento te revolucione de dentro para fora.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+