• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

Tudo sobre os ciclopes, os monstros gigantes da mitologia grega

POR Bruno Dias    EM Mistérios & Horror      17/09/18 às 15h22

Mitologia grega é o estudo de conjuntos relacionados com os mitos gregos antigos e seus significados. Eles ilustram as origens de mundo, os modos de vida, as aventuras e desventuras de uma ampla variedade de deuses, heróis, heroínas e das criaturas mitológicas. É legal também pensar qual deus da mitologia você seria.

Dessas criaturas mitológicas os ciclopes são bastante conhecidos. Eles foram bem retratados em filmes, livros e obras. Essas criaturas são conhecidas por terem uma altura anormal e um olho só. Eles são um subtipo de gigantes.

Segundo as lendas antigas, os ciclopes foram gerados por Urano, deus do céu, e Gea, deusa da terra. O exílio dos ciclopes foi feito por seu pai porque Urano não gostava da aparência de seus filhos e os mandou para as profundezas da Terra. Por causa desse exílio, os ciclopes são conhecidos por serem raivosos, agressivos e arrogantes.

A mitologia grega também fala da localização do olho do ciclope. Era apenas um olho grande localizado no meio de sua testa. Teoricamente esse olho tinha poderes e conseguia desintegrar praticamente tudo com um olhar.

Gerações

Os ciclopes têm duas gerações: a primeira, formada por três irmãos, filhos de Gea e Urano, que foram chamados de Artífices Principais, são eles Arges, Brontrs e Steropes. Cada um deles representando brilho, trovão e relâmpago respectivamente.

A segunda geração era de ciclopes da Sicília e eram descendentes de Poseidon. O mais famoso deles era Polifeno, um dos protagonistas da Odisseia de Homero. Segundo relatos, esses ciclopes habitavam as ilhas do Mediterrâneo.

Existência

Estudos científicos, de 1914, dizem que essas criaturas podem ter existido mesmo e que sua origem teria um lugar geográfico. Teoricamente eles teriam aparecido na região de Malta, Creta, Chipre e Sicília.

Vários crânios com uma única cavidade foram encontrados, o que deu uma prova razoavelmente sólida para comprovar a existência dessas criaturas. Mas com um pouco mais de pesquisas foi visto que aqueles crânios encontrados não pertenciam às criaturas mitológicas.

Prova

Os crânios, na verdade, eram de elefantes anões. O que se imaginava ser a cavidade do único olho dos ciclopes era na verdade a cavidade nasal central e abertura para o tronco do elefante. O que colaborou para que os fósseis fossem associados à mitologia foi o lugar onde eles foram encontrados. Estavam em cavernas em Chipre, região onde provavelmente os ciclopes viviam.

Infelizmente, os ciclopes ainda continuam sendo apenas criaturas mitológicas. Pelo menos ninguém achou uma evidência concreta de que eles tenham existido, ainda.

Próxima Matéria
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+