Curiosidades

Veja as previsões para 2022 de Baba Vanga, a vidente que previu o 11 de setembro

0

A vidente búlgara Baba Vanga vem ganhando manchetes nos últimos dias. A mulher cega, que morreu em 1996, havia previsto, segundo relatos, vários acontecimentos que se concretizaram. Exemplos de suas previsões são a morte da Princesa Diana em 1997, o 11 de setembro, o tsunami na Ásia em 2004 e até mesmo a pandemia de 2020. 

Para 2021, Baba Vanga disse que haveria uma atividade sísmica e vulcânica significativa, inundações e tempestades. Em 2022, a búlgara relatou que a humanidade enfrentaria uma outra pandemia, dessa vez oriunda da Sibéria. Além disso, também será o ano das invasões alienígenas e uma grave crise hídrica com escassez de água potável acontecerá em várias cidades do mundo.

Estátua em homenagem à vidente.

Como se já não bastasse, Baba Vanga também previu um tsunami na África para este ano. Não se tem nenhuma prova de que ela realmente fez essas previsões, o que se sabe é que ela era a conselheira da cidade onde morava e era frequentemente procurada por todos do lugar. 

De acordo com a mídia internacional, a vidente tem cerca de 85% de precisão em suas previsões. Entre as suas supostas adivinhações divulgadas na internet, existe até a data que a humanidade estaria extinta. Confira: 

2018: a China se torna uma potência mundial;

2023: a órbita da Terra vai ser alterada;

2076: o comunismo vai dominar o mundo;

2100: o homem vai criar um sol artificial;

2111: as pessoas vão virar robôs;

2138: a colônia de Marte vai pedir independência da Terra;

2288: a viagem no tempo vai ser inventada;

3005: vai ocorrer uma guerra em Marte;

5076: a humanidade vai chegar ao limite do universo;

5079: morte da humanidade

 

Mas quem era ela?

Nascida em 31 de janeiro de 1911, onde atualmente fica a República da Macedônia, recebeu o nome de Vangelia Pandeva Dimitrova. Já o “Baba Vanga” veio mais tarde, já que em búlgaro significa “Vovó Vanga”. Ela também era conhecida como a Nostradamus dos Balcãs. 

Ela ficou cega aos 12 anos. O motivo ainda é uma incógnita, mas muitos dizem que foi por conta de um acidente durante uma forte tempestade. No entanto, não há registros meteorológicos da época que indiquem qualquer fenômeno climático devastador como se costuma dizer.

Imagem: Reprodução.

No auge dos seus atendimentos, ela recebia 50 pessoas por dia para aconselhar. Sua fama foi tamanha que a levou ainda a ser a primeira vidente do mundo contratada como funcionária pública de um governo. Baba Vanga recebia um salário fixo mensal.

A búlgara morreu no dia 11 de agosto de 1996, aos 85 anos, vítima de um câncer. Pessoas próximas a vidente contaram que ela já havia dito o dia exato de sua morte e que foi certeiro.

Fonte: O Globo

Hipopótamos podem ficar mais agressivos quando escutam vozes desconhecidas

Matéria anterior

Ex-miss EUA é encontrada sem vida após queda do nono andar

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos