Ciência e TecnologiaCuriosidades

Você pinta o cabelo? A ciência tem uma péssima notícia pra você

0

A pintura capilar tem diversos adoradores em todo o mundo. Mas, segundo a ciência, esse ato não pode ser muito bom para a saúde. Pessoas que pintavam o cabelo ou foram expostas a tintura de cabelo até meados dos anos 1970, tem maiores chances de desenvolver câncer, segundo a pesquisa da Agência Internacional para Pesquisa de Câncer, da França.

Pesquisadores informaram que alguns componentes proibidos a alguns anos atrás poderiam provocar a doença. O estudo feito com mais de cinco mil mulheres constatou que as pessoas expostas a tintas de cabelo, como cabeleireiros tem maior risco de contrair linfoma.

De acordo com um estudo do cirurgião londrino Kefah Mokbel, as mulheres que pintam o cabelo têm 14 por cento mais chances de ter câncer de mama. O professor Mokbel trabalha no Hospital Princess Grace em Marylebone, Londres. Ele aconselha que as mulheres pintem seus cabelos, no máximo, cinco vezes por ano.

1 580 600x398, Fatos Desconhecidos

Ele recomenda o uso de produtos naturais sempre que for possível, como hena, beterraba ou rosa.  “Embora seja necessário um trabalho adicional para confirmar nossos resultados, nossos achados sugerem que a exposição a corantes capilares pode contribuir para o risco de câncer de mama”, destacou.

Câncer de mama

Cabelo

O câncer de mama é um tumor maligno que se desenvolve no seios. Quando as células adquirem características anormais, células dos lobos mamários, células produtoras de leite ou dos ductos por onde é drenado o leite, podem provocar uma ou mais mutações no material genético. A doença acontece quase exclusivamente em mulheres, porém existem casos de homens com câncer de mama também. Algumas mutações possuem a capacidade de fazer com que uma célula apenas se divida, mas não tenha a capacidade de invadir outros tecidos, estes são chamados de tumores benignos.

É de extrema importância que as mulheres, uma vez por mês, realizem o autoexame da mama. Esse autoexame é uma medida importante para identificar nódulos de um possível câncer de mama. O procedimento é preventivo e deve ser realizado todos os meses, sempre após o período menstrual. É importante estar atento a alterações como retração da pele ou do mamilo, inchaços, assimetria, avermelhamento, secreção com sangue.

O autoexame não deve ser o único método preventivo, já que o câncer de mama pode ser imperceptível ao toque. Por isso, é indicado visitar anualmente o ginecologista e/ou mastologista para fazer os exames necessários,como ultrassonografia mamária e ressonância magnética.

E aí, o que acharam da matéria? Comenta aí e não se esqueça de compartilhar com os amigos, lembrando que seu feedback é sempre muito importante.

7 segredos incríveis do aventureiro Steve Irwin que você não sabia

Matéria anterior

7 finais alternativos de séries que são melhores que os originais

Próxima matéria

Você também pode gostar

Comentários

Comentários não são permitidos