Entretenimento

10 coisas que acontecem no banheiro feminino e ninguém comenta

0

O que acontece quando várias mulheres compartilham o mesmo banheiro? Bem, isso, só elas podem responder. É muito comum ouvir – tanto homens quanto mulheres – dizendo que amizade entre homens é muito mais honesta e sincera do que entre mulheres. Que as mulheres podem ser falsas e blá-blá-blá.

De fato, ninguém é imune a/de nada. MAS!, é nem todo mundo é igual e, com certeza, você sabe disso. Existem casos e casos. Sem dúvidas, amizade é amizade independente de gênero. O que realmente importa é a pessoa. A questão é: quando uma mulher está na balada/barzinho, não costuma ir ao banheiro sozinha. Mas existem várias explicações para isso.

Como por exemplo: não andar sozinha no meio das pessoas; conversar sobre os boy magia que estão de olho; retocar a maquiagem; arrumar o sutiã/calcinha; ou simplesmente para fazer suas necessidades fisiológicas. Precisamos lembrar que não temos o intuito de criticar, julgar, muito menos impor verdades absolutas. Nosso objetivo é único e exclusivo de informar e entreter.

Por isso, o conteúdo dessa matéria se destina a aqueles que se interessarem e/ou identificarem. Sendo assim, nós aqui da redação da Fatos Desconhecidos selecionamos uma listinha com 10 coisas que acontecem no banheiro feminino e ninguém comenta. Confira:

1 – Filas intermináveis

Sim, as mulheres entram juntas no banheiro, mas só quando são amigas. Na maioria das vezes, apesar de irem juntas, não entram na ‘cabine’ juntas. Isso quer dizer que quando o lugar está muito cheio as filas ficam longas, praticamente intermináveis. Mesmo que entrem juntas, isso quer dizer que estão ali para conversar, o que fará com que demorem mais ainda. Ou seja, só quem está verdadeiramente ‘apertada’ sabe o sofrimento que é.

2 – Solidariedade feminina

Ser mulher é algo complexo, e muitos assuntos envolvendo-as ainda são considerados tabus, apesar de esse cenário já está em prática de mudança. Uma das coisas que acontecem nos banheiros femininos é a solidariedade, como por exemplo: pedir um o.b emprestado, ou até mesmo uma maquiagem, para pessoas que acabaram de conhecer.

3 – A tia do banheiro

Aquele momento em que você vê aquela zona, tudo sujo, papel para tudo quanto é lado, o vaso sanitário naquele nipe, um verdadeiro cenário de guerra. Muita gente esquece que a ‘tia’ tá lá dentro e ouve tudo o que falam. Em um momento diferente, mais para o fim da noite, quando os ânimos estão ‘alterados’, elas viram verdadeiras best-friends.

4 – Consultório psicológico

Assim como a tia do banheiro pode virar uma melhor amiga, geralmente o banheiro é um lugar utilizado pelas mulheres quando querem privacidade. Praticamente um confessionário, onde elas conversam, trocam segredos rápidos e ajudam umas às outras. Viu o boy com outra? Corre pro banheiro com a amiga.

5 – Segurar o cabelo

Esse item é uma das respostas para a pergunta: por que elas vão juntas ao banheiro? Dependendo do grau, uma amiga tem que ajudar a outra a não, literalmente, desmoronar no banheiro. Acontece, por vezes, de uma pessoa estranha fazer isso por você. Também faz parte da solidariedade banheiral feminina.

6 – Flatulências

Imagine a seguinte cena: ela está no trabalho e comece a sentir um desconforto intestinal. Pois bem, primeiro passo? Ir ao banheiro. Os gases estão fortes e ela não consegue mais segurar… Pronto, chegou ao banheiro, agora está livre! Claro que essa é uma situação normal, todo mundo solta flatos, mas não é muito legal quando você abre a portinha e vê que tinha gente do lado de fora ouvindo tudo.

7 – Demora

A mesma coisa acontece quando alguém demora demais. Sem dúvida alguma, é porque essa pessoa está evacuando. Algumas mulheres até olham pelas frestinhas da porta para saber se o caminho está livre, para não precisar passar por alguém. Principalmente por causa do cheiro.

8 – Descarga dupla

A descarga dupla é aquela sensação de desespero. Ela não deixou cheiro, nem demorou demais, só que a coisa não desce de jeito nenhum. Pronto, apertou a descarga duas vezes, entregou o jogo.

9 – Água no bumbum

Não apenas para elas mas, provavelmente, não existe situação mais nojentinha do que sentir a água do vaso espirrar no bumbum quando se está fazendo o número 2. Principalmente se for em um banheiro público. Apesar de ser algo que pode acontecer com todo mundo aquele momentâneo desejo de morrer – leia-se gritar – é grande.

10 – Irmandade

No final das contas, o mais interessante dos banheiros femininos é a simplicidade como as mulheres acabam se solidarizando, fazendo novas amizades, conversando sobre assuntos banais e ajudando umas às outras – se necessário.

Então pessoal, o que acharam da matéria? Vocês, mulheres, concordam com essas coisas? Quais outras situações já passaram no banheiro e prefere nem comentar? Encontraram algum erro na matéria? Ficaram com dúvidas? Possuem sugestões? Não se esqueçam de comentar com a gente!

Conheça o chocante final alternativo de 13 Reasons Why

Matéria anterior

13 razões pelas quais Cruella de Vil é, na verdade, uma heroína

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos