7 finais de filmes famosos mais odiados pelos fãs

POR Gabi Noronha    EM Fatos Nerd      12/06/18 às 14h58

Várias pessoas possuem problemas com finais de enredos populares. Na verdade, se pararmos para pensar, vários finais possuem problemas. Livros são alguns dos maiores exemplos. Em alguns casos, a história nem começa tão bem assim, contudo o desenvolvimento supre o começo fraco. E então, morre no final. Outras vezes, tudo está de acordo - começo e desenvolvimento perfeitamente equilibrados, porém um final para acabar com qualquer empolgação. Seja como for, os finais são mais difíceis de escrever do que os inícios. Muitos filmes também sofrem desse mal.

Seja o fim de uma trilogia ou simplesmente uma obra independente, muitos filmes bons acabam julgados apenas por seus finais ruins. Isso acontece com mais frequência do que o desejado. Quem nunca ouviu, ou mesmo soltou a frase "o filme é bom, mas o final...". Só porque a conclusão de um longa seja ruim, não significa que ele também seja. No entanto, as pessoas tendem a lembrar mais dessa parte em específico. Pensando nisso, separamos alguns exemplos de filmes famosos em que o final foi altamente criticado pelo público.

1 - Matrix Reloaded (2003)

Matrix foi uma obra-prima realizada pelas irmãs Wachowski - um verdadeiro presente à sétima arte. O filme foi um sucesso de público e crítica na época. Visionário, em história e linguagem, as pessoas desejavam por mais. Nesse caso, o problema estava na pressão. Matrix poderia ter continuação, mas isso não significava que precisasse de uma. Quando a sequência chegou, três anos mais tarde, os fãs não poderiam estar mais empolgados.

O filme explorou mais o conceito sobre o que era a matrix e, por melhor que tenha sido, não teve um bom final. O filme terminou com Neo em coma e os anciões discutindo sobre o próximo passo da resistência. Depois, a câmera relevou a pessoa oposta a Neo, um sobrevivente conhecido como Bane. A reviravolta foi que ele estava infectado com o vírus do Agente Smith. Ou seja, Bane estava possuído por ele. O problema era que ninguém conhecia o personagem direito. Ele foi apresentado e depois deixado de lado. Não teve qualquer relevância para a história e, mesmo assim, foi a peça chave no final.

2 - Sinais (2002)

Depois de O Sexto Sentido, todos esperavam que M. Night Shyamalan entrasse para a elite de Hollywood. No entanto, ele foi esquecido no tempo por causa de trabalhos como Sinais. O filme funciona muito bem até sua metade. A construção e desenvolvimento do suspense é incrível, mas aqueles minutos finais.... O primeiro erro talvez tenha sido revelar a forma dos alienígenas. O segundo, e o maior deles, foi a forma ridícula como eles são vencidos. Com um taco de baseball e alguns copos de água, o personagem de Joaquin Phoenix salvou o dia! Boa parte do público não conseguiu engolir essa conclusão preguiçosa encontrada por Shyamalan.

3 - Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal

Na época, o projeto como um todo havia sido bastante rejeitado pelos fãs da franquia. Mesmo assim, o filme aconteceu e manteve a crença de que não se mexe nos clássicos. Apesar do retorno de Harrison Ford e Karen Allen como a adorável Marion Ravenwood e, claro, do acréscimo de Cate Blanchett e John Hurt no elenco, a história simplesmente não desceu. A pior decisão foi a escalação de Shia LaBeouf como filho de Indiana. Nenhum fã havia gostado da escolha e, quando o filme terminou, eles só queriam esquecer o que viram. Até porque a história foi encaminhada para ele assumir o manto do pai como o arqueólogo aventureiro, mas o ator se envolveu em tantos problemas que o projeto foi abandonado.

4 - Homem-Aranha 3 (2007)

Para muitos fãs, Tobey Maguire ainda é o melhor Homem-Aranha do cinema. Junto com ele, a trilogia de Sam Raimi também é considerada a melhor - ao menos os dois primeiros filmes. A terceira parte teve tanta interferência do estúdio que foi um tiro no pé. O longa tem problemas como um todo, mas vamos apontar apenas para o final, quando um personagem totalmente aleatório aparece para fazer algumas revelações. O mordomo de Harry Osborn nunca teve qualquer tipo de destaque dentro da história. Mesmo assim, ele faz as vezes de um Deus ex machina para dizer que as feridas de Norman foram auto-infligidas. Sendo assim, ao contrário do que Harry acreditava, o Homem-Aranha não matou seu pai. Isso foi a causa da cena final melodramática acima.

5 - O Espetacular Homem Aranha 2 (2014)

Ainda na teia da aranha, o herói sofreu um reboot em 2012 e deixou alguns fãs divididos. No quesito efeitos especiais, os dois filmes são muito bons, porém a história deixou a desejar. O segundo foi ainda mais prejudicial, pois não soube trabalhar com seus vilões. O longa decidiu também contar uma das histórias mais marcantes do Homem-Aranha: a morte de Gwen Stacey. No entanto, a trama não teve desenvolvimento apropriado. Por isso, quando o momento chegou, tudo foi rápido demais. O final que era para introduzir o Sexteto Sinistro serviu apenas para cravar o último prego no caixão da franquia.

6 - X-Men: Origens: Wolverine

E o que há para gostar nesse filme, né?! Sem dúvidas, essa é a obra mais fraca do mutante em qualquer mídia. Seguindo o sucesso do personagem em X-Men, Wolverine ganhou um filme solo. Claro, o longa conseguiu lucrar, até porque o público estava ansioso por isso, porém faltou muita qualidade e vontade no trabalho. Como esquecer aquele final frouxo, no qual a amnésia de Wolverine foi explicada por causa de uma bala levada na cabeça? Como se a mesma coisa não tivesse ocorrido em X-Men sem efeitos colaterais... Ao menos esse é um dos casos onde cada filme ficou melhor que o outro. Anos mais tarde, Logan redimiu tudo.

7 - Star Wars Episódio III: A Vingança dos Sith

Os prelúdios de Star Wars compensam nos efeitos, mas pecam no roteiro. Depois de tantos anos, os fãs mereciam algo mais lapidado. Algo que veio apenas com O Despertar da Força. De qualquer forma, em A Vingança dos Sith vemos a transformação completa de Anakin Skywalker em Darth Vader. O momento era o mais aguardado por todo o público, de modo que a cena deveria entrar para a história, no entanto as pessoas sequer se lembram dela.

A luta entre Anakin e Obi-Wan foi uma das passagens mais emocionantes da saga, porém sua transformação foi, digamos, brega. Após ter seu corpo reconstruído por peças mecânicas, Anakin levanta da mesa como Darth Vader. Entretanto, ao descobrir o destino de Padmé e seus filhos, ele simplesmente solta um "Noooooooo...". E fim! Triste, não?! Bem, claro, ainda há algumas conclusões depois disso, mas a cena que deveria ser a maior de todas não cumpriu sua missão.

Concorda com a lista? Comente com a gente quais filme de sucesso você não gosta do final.

Via   WC  
Imagens ML Youtube
Gabi Noronha
Resumindo, é basicamente isso! Instagram: @gabinoronhaf

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+