Curiosidades

7 melhores formas de parar de fumar esse ano segundo a ciência

0

Vício nenhum é bom, principalmente se ele te prejudica de alguma forma. Mesmo os vícios “inocentes” são muito prejudiciais, porque tudo em excesso faz mal ainda que minimamente. Por exemplo, o vício em açúcar não deixa de ser ruim por ser legalizado. Pode te causar diabetes e isso será um problema que você irá carregar pelo resto da vida. Não é porque é uma substância lícita que não é prejudicial.

cigarro, por exemplo, é um vício mortal. Prejudica a saúde e quanto maior o tempo de uso, maiores são as chances de que isso traga grandes problemas para a vida do fumante. De acordo com a Organização Mundial de Saúde, uma em cada cinco pessoas no mundo fuma.

Com a chegada de um  ano novo, sempre vem junto as metas que as pessoas querem cumprir nele. Parar de fumar sempre é uma delas. A boa notícia é que existem mais evidências do que nunca de formas de como conseguir parar com esse hábito e ser bem sucedido. Mostramos aqui algumas formas que a ciência sugere.

1 – Aconselhamento comportamental

De acordo com a ciência, o apoio para parar de fumar aumenta as chances de a pessoa realmente parar e continuar parando sozinho. E esse aconselhamento a respeito de como parar de fumar é feito por profissionais de saúde e consultores.

Mais de 300 estudos e mais de 250 mil pessoas mostraram que ter aconselhamento para parar de fumar aumentou as chances do abandono do vício.

2 – Suporte remoto

Às vezes, e principalmente nessa época de pandemia, é difícil ver as pessoas cara a cara. No entanto, estudos mostram que não existe nenhuma diferença clara entre os efeitos do apoio dado seja pessoalmente ou remotamente.

Além disso, existem evidências crescentes que o apoio para parar de fumar através de mensagem de texto pode aumentar as taxas de abandono do vício.

3 – Recompensas em dinheiro

Segundo novas evidências, os programas que recompensam as pessoas que deixaram de fumar aumentam o sucesso do abandono do vício a longo prazo. As recompensas podem ser em dinheiro ou vouchers para bens e serviços.

4 – Terapia de reposição de nicotina

Essa terapia é conhecida como NRT e tem sido usada de forma segura  para ajudar as pessoas que querem parar de fumar há décadas. Ela pode ser prescrita por profissionais da saúde. Contudo, em vários países, ela está disponível para ser comprada sem receita nos supermercados ou farmácias.

E estudos mostram que usar duas formas de NRT aumentam as chances da pessoa parar de fumar. Principalmente se uma das formas for o adesivo e a outra forma ser chiclete, sprays ou pastilhas.

5 – Vareniclina

Ela é mais conhecida como Champix ou Chantix. Ela é um medicamento para parar de fumar, que age diminuindo o prazer que as pessoas sentem quando estão fumando. Além disso, esse medicamento também alivia os sintomas de abstinência quando as pessoas param com o vício.

De acordo com estudos, a vareniclina praticamente dobra as chances de parar de fumar de forma bem sucedida a longo prazo.

6 – Cigarros eletrônicos

Segundo uma revisão feita em 50 estudos e mais de 12 mil participantes, foi visto que os cigarros eletrônicos de nicotina provavelmente ajudam as pessoas a parar de fumar por, pelo menos, seis meses. E provavelmente funcionam melhor do que as opções sem nicotina.

Essa revisão feita nos estudos não encontrou uma relação com danos graves. Entretanto, ainda é preciso mais evidências confiáveis a respeito dos efeitos dos cigarros eletrônicos.

7 – Reduzir a quantidade

Se você é uma pessoa que acha que não consegue parar de vez de fumar, diminua o hábito. Evidências mostram que diminuir a quantidade de cigarros que você fuma é mais provável que você pare de fumar a longo prazo.

Pike, a americana mais jovem a ser condenada à morte

Matéria anterior

10 comentários mais épicos da Fatos Desconhecidos #111

Próxima matéria

Mais em Curiosidades

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.