Natureza

Corpo humano: veja alguns mitos

0

Estudamos o corpo humano há séculos. Assim, a cada pesquisa, algo é comprovado, aprofundado ou negado, melhorando nosso conhecimento.

Dessa forma, a medicina se tornou uma área cada vez mais científica e especializada. Isso dificulta o entendimento de pessoas que não são da área. Contudo, as informações que são repassadas podem ser simplificadas até demais, ultrapassando o que é verdade e virando mito.

Mitos sobre o corpo humano

Os mitos sobre o corpo humano fazem parte da cultura de “fatos” que aprendemos desde crianças que não possuem nenhum embasamento científico.

No entanto, com o passar dos anos, aprendemos o que é certo e o que é errado. Será que você ainda acreditava nos mitos do corpo humano nessa lista?

Sonâmbulos não podem ser acordados

Pesquisas mostram que cerca de 7% de toda a população mundial apresenta sonambulismo ao menos uma vez na vida. Contudo, ainda não sabemos o que causa esse distúrbio em todos os casos.

Sendo assim, com poucas informações a respeito, popularizou-se a crença de que não podemos, de forma alguma, acordar um sonâmbulo. Porém, isso se trata de um mito.

Então, você pode acordar seu parceiro que acha que a porta do quarto é uma janela. Só se prepare para aliviar a confusão mental com que a pessoa vai acordar.

Esse mito surgiu há muito tempo porque as pessoas acreditavam que a alma deixava o corpo enquanto dormimos. Logo, é necessário realinhar alma e corpo para acordar da maneira correta.

Já outras pessoas acreditam que o susto provoca ataque cardíaco, o que também levaria à morte.

Estalar os dedos causa artite

Você já deve ter sido repreendido por aliviar a tensão nas mãos ao estalar os dedos. Isso porque acredita-se que essa ação pode causar artrite.

Contudo, o ato de estalar os dedos é apenas a liberação de bolhas da substância chamada “líquido sinovial” que se formam nas juntas. Dessa forma, artrite é uma condição médica causada pela inflamação das juntas, que possuem outros motivos.

Temos cinco sentidos

Reprodução/Instituto Liberação Emocional

Ainda no jardim de infância, aprendemos que temos cinco sentidos no corpo humano. São eles: tato, paladar, audição, visão e olfato. Contudo, isso é um mito porque temos bem mais que cinco.

Pesquisadores defendem que não há um número exato, mas a estimativa é que sejam entre 22 e 33 sentidos diferentes. Entre eles temos o senso de equilíbrio, temperatura, dor, movimento e até a necessidade de beber água.

Enrolar a língua é genético

Se você consegue enrolar a língua, dobrar, girá-la e fazer mais malabarismos, possivelmente ouviu falar que isso é uma habilidade determinada geneticamente. Ou seja, se um pai tem a habilidade, ela será repassada aos filhos.

Há quase 80 anos, um cientista especializado em genética conduziu uma pesquisa sobre o corpo humano e publicou que enrolar a língua é fator genético. Contudo, outro geneticista realizou testes com 33 pares de gêmeos idênticos e apenas sete pares tinham ao menos um gêmeo capaz de enrolar a língua.

Chiclete no estômago

Mitos do corpo humano

BILLION PHOTOS/SHUTTERSTOCK

Toda criança já ouviu “não engula o chiclete ou vai ficar no estômago para sempre!”. Assim, o mito sobre o corpo humano é de que a goma de mascar leva pelo menos sete anos para se digerir, mas isso é falso.

A verdade é que a goma de mascar é impossível de ser digerida. Mas, não se preocupe, você não digere a goma, mas ela passa por você e acaba nos excrementos de qualquer forma.

Fonte: Canaltech

Hábitos que parecem inofensivos, mas fazem mal para o corpo

Matéria anterior

Bebê é flagrado pendurado em janela no 5º andar

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos