• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Filme live-action de Bleach estreia com sucesso na China

POR Letícia Dias    EM Notícias      06/06/19 às 19h21

A história de Ichigo Kurosaki e da Soul Society foi concluída no mangá e em sua adaptação para o anime. Contudo, seu projeto live-action está mais vivo do que nunca. A versão cinematográfica de Bleach é uma produção da Warner Bros. em conjunto com várias outras companhias, como a Shueisha e o estúdio Pierrot. O filme foi lançado em julho de 2018, no Japão, e em menos de três meses, já se encontrava na Netflix. A recepção do longa pelos fãs foi amplamente positiva e também atraiu novos espectadores. Embora o filme não seja mais novidade para uma grande parcela das pessoas, só foi lançado na China no dia 26 de maio dese ano.

No Twitter, o usuário @no1spock observou que, ao ser transmitido pelo Tecent, o maior serviço de vídeo do país, o filme foi visto por mais de 7 milhões de assinantes logo no primeiro dia. Esse número chamou atenção porque os serviços oferecidos pela plataforma são pagos e a audiência chinesa foi massiva. Isso só serve pra ressaltar o quanto a popularidade da obra de Tite Kubo se mantém constantemente em alta.

O filme aborda trechos específicos dos primeiros episódios do anime e de alguns capítulos do mangá. A origem de Ichigo e sua transformação em shinigami foram bem adaptadas para os 100 minutos do longa. Geralmente, versões live-action de animes não são tão bem recebidas. O diferencial de Bleach está no fato dos ponto-chave da história de Kurosaki terem sido abordados de uma forma sucinta. Independente de uma continuação ou não, a audiência ficou satisfeita. É válido considerar que o filme foi um sucesso nos Estados Unidos, Japão e China. Portanto, não seria surpreendente se houvesse uma sequência.

Recepção da crítica

O Rotten Tomatoes mostra que a aprovação do filme pelas críticas é de oitenta por cento. Essa é uma ótima média. As análises foram positivas, em sua maioria. O consenso dos críticos é que, embora o longa tenha uma fanbase específica, consegue transmitir com sucesso sua mitologia para o público de fora. A produção da Warner também foi elogiada por seguir fielmente os detalhes de seu material de origem. Por outro lado, existem ressalvas quanto à abordagem das personagens femininas. Rukia, por exemplo, foi reduzida a um papel de apoio para Ichigo. Porém, apesar da atriz Hana Sugisaki ter recebido um roteiro fraco, sua atuação foi aplaudida.

E então, o que achou do filme? Concorda com todos os elogios e críticas? Consideraria a ideia de uma sequência? Compartilhe sua opinião com a gente.

Próxima Matéria
Via   CB  
Letícia Dias
Trabalhando pra falar de super-heróis, filmes e séries em tempo integral | @letdiax
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+