Na sexta-feira começaram a circular informações à respeito do lançamento do primeiro trailer do live-action de Mulan. As especulações sugeriam que o vídeo iria ao ar a qualquer momento durante o fim de semana. Nenhuma confirmação oficial havia saído até que durante uma cobertura da Copa de Mundo de Futebol Feminino, anunciaram que o trailer seria liberado pela Fox nesse domingo. Aparentemente a audiência dos jogos dos EUA tem sido incrivelmente alta ao longo do torneio. Por isso que o confronto entre Estados Unidos e Holanda foi o escolhido para anteceder o primeiro trailer do filme da princesa guerreira.

Com mais de 50 produções em desenvolvimento para a próxima década, a Disney não tem perdido tempo. Aladdin e Dumbo são dois clássicos que já foram regravados e chegaram ao público nesse ano. Além disso, nesse mês contaremos com a adaptação da clássica animação de O Rei Leão, que já vem dando o que falar. Para o segundo semestre só resta Malévola 2, que teve sua estreia adiantada de maio de 2020 para outubro de 2019. Levando isso em consideração, já era de se esperar que o marketing da produtora seria colocado em prática logo para Mulan.

Publicidade
continue a leitura

Mais detalhes sobre o filme

Publicidade
continue a leitura

O live-action do ícone chinês contará com direção de Niki Caro e Yifei Liu como Mulan. Além disso, o elenco conta com o grande nome das artes marciais, Jet Li, vivendo o Imperador. Embora a maioria dos remakes da Disney venham sendo elogiados por sua fidelidade às animações originais, esse não parece ser o caso de Mulan. Rumores indicam que o filme assumirá uma versão mais realista da história e não incluirá números musicais. Em decorrência de problemas com direitos autorais, alguns personagens foram cortados. Como Shang, por exemplo. Até o momento também não há sinal de Mushu.

Publicidade
continue a leitura

Independente de tudo, uma coisa é certa, podemos esperar um show visual. Informações sugerem que esse e o filme mais caro da Disney. A produção custou aproximadamente trezentos milhões de dólares à casa do Mickey Mouse e deve chegar aos cinemas em março de 2020.

Publicado em: 07/07/19 13h14