Curiosidades

Motorista de app devolve R$ 4 mil esquecidos em carro

0

Por mais que seja difícil de acreditar, hoje em dia ainda existem pessoas boas e honestas. Uma prova disso é o caso desse motorista de aplicativo que devolveu quatro mil reais para um casal de idosos que esqueceu o dinheiro dentro do seu carro durante uma corrida em Praia Grande, no litoral de São Paulo.

O motorista é Thiago Rodrigues dos Santos, de 34 anos. Ele contou, em entrevista, que os idosos ficaram emocionados quando ele devolveu o valor esquecido porque o dinheiro vai ser usado para pagar o conserto da Kombi que eles usam para vender caldo de cana em uma feira livre da cidade.

A devolução do dinheiro foi gravada por Thiago. Nesse momento, a idosa chora emocionada por conta do gesto, e o marido dela se demonstra bastante grato e alegre em ter de volta aquele valor em mãos.

Enquanto está abraçada ao motorista, a idosa o aconselha a continuar sendo bom e logo depois diz que o colocará em suas orações. Nesse momento, o motorista pede a ela que ela coloque também sua filha Luísa nas preces.

Caso

Esse caso aconteceu no último sábado depois de uma corrida entre os bairros Balneário Maxland e Jardim Melvi. De acordo com o motorista, foi outra pessoa que solicitou a viagem para o casal de idosos porque eles não têm o aplicativo no celular.

Ainda segundo Thiago, ele percebeu que o casal tinha esquecido uma bolsa dentro do carro quando ele foi buscar outro passageiro e olhou para o banco de trás. “Terminei a corrida e voltei ao lugar que o idoso havia desembarcado. Era uma oficina mecânica”, disse ele.

No entanto, o casal não estava lá. Então o motorista decidiu abrir a bolsa para procurar algum contato. Foi nesse momento que ele achou o dinheiro. “Tive mais pressa ainda em devolver, pois imaginei o desespero dele”, pontuou.

Motorista

G1

Como não tinha encontrado o casal no local de desembarque, o motorista decidiu ir de novo até o lugar onde o casal de idosos embarcou no carro. Quando ele chegou no local percebeu que o portão estava aberto e chamou pelos idosos.

“Foi emocionante a reação dele quando me viu. Ele e a esposa estavam aflitos pela situação. Choraram muito e agradeceram a Deus, pois o dinheiro seria para pagar o conserto de uma Kombi que eles usam para vender caldo de cana na feira”, lembrou.

O sentimento é de alegria por fazer o bem e colocar em prática aquilo que meus pais me ensinaram. A igreja, por intermédio da palavra de Deus, tem me ajudado a lapidar valores inegociáveis”, desabafou.

Segundo Thiago, ele trabalha como motorista de aplicativo há aproximadamente um ano e é comum as pessoas esquecerem celulares no carro. E tudo que é deixado em seu carro é devolvido para os donos. Mas essa foi a primeira vez  que essa quantia de dinheiro foi esquecida em seu veículo.

Boa ação

Folha da região

Assim como Thiago fez a boa ação com o casal de idosos que foram seus passageiros, em alguns casos os passageiros fazem uma boa ação para ajudar o motorista.

Esse foi o caso de Gilberto Eduardo, de 20 anos, com o motorista Renato Santos, 38. O caso foi que, Gilberto, que é criador de conteúdo, se comoveu com o cartaz que viu dentro do carro de Renato onde ele pedia contribuições para o tratamento de câncer da sua esposa Acácia, de 39 anos.

Então, o criador de conteúdo compartilhou a imagem em suas redes sociais. Depois de um dia, o motorista já tinha conseguido arrecadar 11 mil reais. Esse valor foi tão maior do que Renato esperava que ele conseguiu quitar as contas da casa e pretende dar entrada em um carro.

No momento, Renato está desempregado e trabalha somente como motorista de aplicativo em Aracajú. Por isso, à noite, quando ele chegava em casa, ele fabricava trufas de chocolate para vender no carro durante as corridas. Cada trufa custa dois reais. E o objetivo dele era arrecadar, pelo menos, 900 reais para pagar uma ressonância para Acácia.

Em outubro de 2021, a esposa do motorista foi diagnosticada com câncer de mama já em um estágio avançado. “Foi um baque, uma notícia dessa. Eu desempregado, ela também. Começamos a luta, procuramos o SUS. Mas, quando demos entrada e fizemos os encaminhamentos, ela teve de ficar 18 dias sem o medicamento, porque não tinha”, lembrou ele.

Desde o diagnóstico, Acácia já passou por 16 sessões e perdeu 23kg. Além disso, ela retirou sua mama direita há 22 dias.

Renda

Twitter

Como eles estavam sem a renda da esposa, que trabalhava como professora, e ainda tendo que lidar com as coisas da doença, Renato passou dias em busca de uma solução para ajudar com o dinheiro. Foi então que ele decidiu começar a vender trufas artesanais.

Todos os dias, Renato sai de casa, em Itaporanga, a 28 km de Aracaju, e vai até a capital trabalhar como motorista de aplicativo. Ele volta para casa mais ou menos umas dez horas da noite e começa a fazer as trufas de chocolate. Para vendê-las, ele colocou uma plaquinha no banco de trás do carro.

“Venho aqui incomodar vocês por um só motivo. Minha esposa foi diagnosticada com câncer e a situação está muito difícil. Por isso, ofereço a vocês meu simples produto, que é (sic) trufas para nos ajudar por apenas R$ 2 a unidade, ou R$ 5 por três. Desde já agradeço a todos. Deus abençoe aos que puderem e aos que não puderem também, muito obrigado a todos”, diz a placa.

“Assim que eu entrei no Uber, no banco de trás, eu vi a plaquinha pendurada e me comovi com a história. Eu já logo pedi três trufas por R$ 5, achei super barato. Fui batendo um papo com ele, perguntando se ela estava bem, aí ele foi me contando que ela tinha câncer de mama. Eu não aguentei, fiquei com o coração muito apertado, porque eu não podia fazer nada, também não tenho as melhores condições de vida”, contou Gilberto.

Então, Gilberto decidiu buscar ajuda nas redes sociais porque ele tem seus seguidores fiéis. Felizmente, um dia depois a publicação já tinha alcançado 925 mil pessoas e o motorista já tinha arrecadado 11 mil reais.

Fonte: G1,Metrópoles

Imagens: G1,  Twitter, YouTube, Folha da região

Ladrão rouba carro, mas se arrepende e devolve com tanque cheio e desculpas

Artigo anterior

Cientistas descobrem possível novo tratamento para o câncer

Próximo artigo