Entretenimento

Nikocado Avocado: a história trágica do youtuber

0

Nicholas Perry, conhecido pelo seu nome na internet Nikocado Avocado, possui mais de 3 milhões de inscritos considerando seus diversos canais no Youtube. Ao longo dos anos, ele conquistou fama com seus vídeos chocantes de comida e emoções intensas. No entanto, ele não cozinha, mas sim come quantidades enormes de comida enquanto conversa com a câmera, muitas vezes em pleno surto.

Desde 2016, o consumo de Nikocado de comidas fast-food já chamou a atenção dos adeptos ao estilo mukbang. Assim, esse é o termo que surgiu na Coreia do Sul que une as palavras para comida e transmissão. Na prática, os mukbangers postam vídeos deles comendo quantidades grandes de comida.

No ano de 2020, o youtuber, de 28 anos, que postava um vídeo quase todos os dias, ganhou ainda mais atenção por conta de sua briga longa com outros youtubers que o acusaram de atitudes abusivas durante um vídeo colaborativo. No entanto, Nikocado negou as acusações e seus vídeos controversos preocuparam sua audiência e toda a comunidade de mukbang.

Dessa forma, Nikocado pautou seu sucesso em seus vídeos chamativos, visto que a intensidade do circo de horrores é algo que chama a atenção de pessoas ao redor do mundo. Em setembro do ano passado, o youtuber disse que quebrou três costelas enquanto gravava um vídeo e ficou de cama. Veja mais sobre o criador de conteúdo.

Quem é Nikocado Avocado?

Nicholas Perry, seu nome legítimo, nasceu no dia 19 de maio de 1992, na Ucrânia. De acordo com o próprio, ele foi adotado pouco tempo depois e cresceu em Harrisburg, na Pennsylvania.

Em conversa com outra youtuber controversa, Trisha Paytas, Perry contou que descobriu sua adoção ainda criança e teve dificuldades em entender a decisão de seus pais biológicos. Portanto, como resultado disso, ele não foi fácil de ser criado e teve até intervenções de saúde mental na infância.

“Eu faço terapia esporadicamente desde os 5 anos”, contou Perry em uma entrevista de 2019 para o podcast de Trisha Paytas, chamado The Dish With Trish. “Sempre queria atenção. Eu queria o holofote.”

Ele complementou que foi receitado antidepressivos desde os 7 anos de idade. Depois, ele foi diagnosticada com Déficit de Atenção (DDA) e Transtorno Obsessivo Compulsivo (TOC).

Antes mesmo de ser uma estrela do Youtube, Nikocado queria uma carreira na música. No podcast, ele revelou que trabalhava como um violinista freelance. Dessa forma, morando em Nova York desde os 21 anos, seu sonho era de participar na orquestra de um espetáculo da Broadway.

No entanto, apesar de seu talento, o youtuber explicou que era difícil obter sucesso em uma cidade grande com outros músicos talentosos e competitivos. “Eu era apenas um peixinho em um mar vasto”.

Morando em Nova York, ele conheceu Orlin Home em um grupo do Facebook para homens veganos. Então, após vários meses de conversas, se encontraram em Nova York, quando Home saiu da Colômbia para presenciar o festival de fruta Woodstock.

Começaram como amigos, mas o relacionamento evoluiu quando viajaram juntos para a América Central.

Vlogger vegano

Antes de seus vídeos de consumo de fast-food, Nikocado possuía o hábito de filmar vídeos sobre seu estilo de vida vegano. Contudo, em 2016, ele veio a público dizer que não queria mais ser um yotuber vegano, ressaltando sua mudança de crenças sobre o consumo de produtos animais e sua frustração com a comunidade vegana.

Anos depois, ele contou a Trisha Paytas a forma que ele acredita que esse estilo de vida o afetou. “Eu tinha um dente podre, deficiência de vitamina B-12 e desenvolvi a hipoglicemia. Não sei se era relacionado diretamente ao veganismo, mas isso não aconteceu antes.”

Mukbanger

Nicholas Perry se tornou um dos primeiros homens a entrar na moda de mukbang nos Estados Unidos, em um mercado dominado por mulheres na época. Considerando seus quatro canais, Nikocado Avocado, Nikocado Avocado 2, More Nikocado e Nikocado Avocado 3, o youtuber possui mais de 3 milhões de inscritos e seus vídeos costumam bater mais de um milhão de visualizações.

Assim sendo, o youtuber posta vídeos com imagens dele chorando sobre um prato enorme de comida constantemente. Alguns com títulos como “ninguém gosta de mim, cansei” e “minha vida está arruinada”.

Perry conta que sempre foi dramático e escolhe usar isso ao seu favor em seus momentos de pouco sucesso no Youtube. “Eles gostam quando estou mal, eles gostam quando estou chorando, eles gostam quando estou hiperativo”.

Drama na comunidade

Em um vídeo postado no canal de Perry em dezembro de 2019, ele colaborou com os mukbangers Stephanie Soo e Zach Choi. Porém, quatro dias após a postagem, Soo postou um vídeo em seu canal contando as razões pelas quais ela tem medo do criador.

Soo falou que se sentiu desconfortável durante as gravações e acusou Perry de enviar mensagens assediadoras e de capturar imagens de dentro de sua casa enquanto ela saiu do cômodo por alguns instantes. Dentro de poucas horas, o vídeo já acumulou centenas de milhares de visualizações. Atualmente, são mais de 12 milhões.

Com isso, outros mukbangers deram suas opiniões. Já a resposta em vídeo do Nikocado preocupou a comunidade. Além disso, seu relacionamento com seu marido acabou e, em um vídeo de janeiro de 2020, o youtuber coloca a culpa dos comentários negativos das pessoas.

Com vídeos falando que estava cansado de tudo e da vida, as pessoas começaram a ver que a encenação típica fugiu do controle. Ao ganhar mais atenção, o criador fez uma conta no OnlyFans, em que inscritos pagaram US$ 14,99 por mês para receber conteúdo adulto.

“É preocupante o tanto que youtubers estão distantes da realidade” comentou um internauta ao ver um vídeo do Nikocado dizendo que conversou com Jesus.

Fãs preocupados

As coisas realmente ficaram preocupantes quando o criador de conteúdo foi visto se locomovendo de scooter em um supermercado. Em novembro de 2020, Nikocado anunciou que iria tirar um tempo da internet para focar em melhorar sua saúde mental e seu relacionamento. No entanto, isso não se concretizou.

Em setembro de 2021, Perry postou um vídeo dizendo que foi ao hospital por conta de costelas quebradas. Depois, ele postou mais vídeos falando sobre sua dieta como “uma pessoa portadora de deficiência”. Seus vídeos seguem caóticos e preocupantes, sem sinal de que ele vá apresentar uma melhora.

Fonte: Insider

Mulher é presa por colocar criança em secadora de lavanderia

Previous article

Conchinha: posição favorece vida sexual

Next article

Comments

Comments are closed.