Notícias

Polícia recaptura detento que fugiu graças a romance com agente prisional

0

Após 10 dias, a história que parou a mídia americana teve um desfecho. O detento Casey White foi encontrado e preso novamente pelas autoridades, após fugir da penitenciária do condado de Lauderdale, no Alabama.

De acordo com a polícia, o prisioneiro é de extrema periculosidade. Sua fuga foi possível graças à ajuda de Vicky White, vice-diretora da unidade prisional em que ele estava. Os dois viviam um romance e ela trocou toda a estabilidade de seu emprego por uma vida clandestina ao lado de Casey. Durante a perseguição ao carro em que estava o casal, a agente policial atirou em si mesma e morreu.

Fonte: Reuters

Perseguição fatal

Basicamente, a busca por Vicky e Casey começou há 10 dias e teve um final quando a dupla estava em Evansville, no estado de Indiana. Esse local fica a cerca de 432 km do condado de Lauderdale, de onde partiram em fuga das autoridades.

Após essa longa viagem, a polícia de Evasnville avistou o carro com os viajantes mais procurados dos Estados Unidos. Imediatamente, a intensa perseguição se iniciou, porém ela não foi muito longe. Isso porque os agentes forçaram o carro do casal a cair em uma vala, o que impossibilitou a continuidade da fuga.

Nesse sentido, Casey viu que não tinha para onde fugir, e se entregou para as autoridades. Por outro lado, ao olharem para dentro do veículo, os policiais perceberam que Vicky havia atirado em si mesma, retirando a própria vida.

Depois de sofrer a recaptura, o detento confessou que estava prestes a lançar um ataque a tiros contra os agentes que lhe perseguiam. No entanto, a batida do carro lhe impediu de fazer isso. “Ele disse que provavelmente lançaria um ataque quando estivesse na iminência de ambos perderem a vida”, disse Dave Wedding, xerife do condado de Vanderburgh.

Fonte: EPA

Definitivamente, Casey é considerado um criminoso de alto perigo. A prova disso é que as autoridades do Alabama precisaram colocar a irmã e a ex-esposa dele sob proteção. Afinal, em 2015, ele afirmou que as mataria caso saísse da cadeia.

Além disso, em 2020, o detento recebeu uma condenação pela morte por esfaqueamento que Casey provocou contra uma mulher de 58 anos. Vale lembrar que ele já estava na cadeia cumprindo 75 anos de pena por uma série de infrações, como roubos de carros e invasão de propriedade.

Romance proibido

Ainda que sua ficha criminal fosse extremamente suja, o detento cultivou uma relação amorosa com a funcionária mais responsável da prisão de Lauderdale. Tratava-se de Vicky White, vice-diretora da unidade, a qual fez parte de uma paixão que atraiu a atenção de toda a mídia americana.

De acordo com a investigação, dentro da cadeia ele recebia tratamento VIP vindo da agente. Por isso, era comum que Casey recebesse comida extra durante as refeições. “Ele recebia privilégios que mais ninguém tinha. E isso tudo vinha dela”, disse Rick Singleton, xerife do condado de Lauderdale em entrevista à CNN.

Fonte: Lauderdale County Sheriff’s Office

Dessa forma, planejar e executar uma fuga com o detento era questão de tempo, e a empreitada aconteceu no dia 29 de abril. Na ocasião, a agente disse aos colegas que iria levar o prisioneiro em questão para uma avaliação psicológica no tribunal do condado. Esse procedimento é comum em períodos de pré-julgamento. Todavia, as autoridades apuraram que essa análise não estava marcada dentro do órgão julgador.

Em seguida, Vicky levou Casey até um shopping center próximo, onde a dupla trocou de carro e seguiu para a perigosa “liberdade”. Além disso, semanas antes da ação, a vice-diretora vendeu sua própria casa e sacou 90 mil dólares em todos os bancos em que ela tinha conta. Isso acabou com qualquer dúvida quanto ao ímpeto voluntário da policial na cumplicidade com o detento.

Fonte: R7, O Globo.

Seca nos Estados Unidos revela restos humanos em maior reservatório do país

Matéria anterior

O Chip Cerebral e os Novos Humanos: uma realidade muito próxima

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos

Fatos Desconhecidos Nós gostaríamos de enviar notificações dos últimos conteúdos e atualizações que fazemos.
Dismiss
Allow Notifications