Notícias

Ponte na Holanda será removida para iate de Jeff Bezos passar

0

Pode parecer difícil uma cidade se mobilizar para desmontar uma ponte apenas para um iate passar, certo? Mas é exatamente o que está acontecendo em Roterdã, na Holanda. A ponte Koningshoeven, que faz parte da história da cidade, será removida para permitir a passagem de um super iate construído para o fundador da Amazon, Jeff Bezos. A informação foi confirmada pela prefeitura de Roterdã.

Shutterstock

Com 127 metros de comprimento e 40 metros de altura, a embarcação, construída pela empresa holandesa Oceanco, é alta demais para passar por baixo da ponte. Por esse motivo, a retirada da ponte Koningshoeven, construída em 1927, foi autorizada pela prefeitura e a conta será paga integralmente por Jeff Bezos. 

A ponte histórica

A autorização para o desmanche da ponte de aço gerou confusão entre os moradores de Roterdã. Isso porque ela foi reconhecida como um monumento nacional. Inclusive, a ponte foi retirada entre os anos de 2014 e 2017 porque estava passando por uma grande reforma. 

Poder 360

Com os reparos concluídos, ela foi recolocada em 2017. A promessa das autoridades da época era de que a ponte jamais seria desmontada novamente. Agora, já em 2022, a nova retirada da ponte foi criticada pelo político Stephan Leewis no Twitter.

“Este homem [Jeff Bezos] ganhou seu dinheiro demitindo pessoas estruturalmente, sonegando impostos, evitando regulamentações e agora temos de derrubar nosso belo monumento nacional?”, questionou o político.

De acordo com a agência de notícias AFP, a prefeitura informou que o desmonte da Koningshoeven foi autorizado porque a construção do iate destinado especialmente a Jeff Bezos gerou muitos empregos para os habitantes da cidade. Além disso, a ponte será reconstruída da mesma forma como está hoje, segundo a prefeitura. 

A necessidade de retirada do monte de aço se instaurou porque a rota em que ele está inserido, no rio Nieuwe Maas, é a única que dá acesso direto do iate ao mar. Depois que o iate sair da cidade, a reconstrução da ponte já poderá ser iniciada.

ponte

Getty Images

O líder do projeto de reforma que ocorreu entre 2014 e 2017, Marcel Walravens, disse ao site local Rijnmond que não seria prático terminar a construção do iate em outro lugar, inclusive para manter a reputação de Roterdã como a “capital marítima da Europa”. As autoridades locais esperam que ela possa ser removida e substituída dentro de algumas semanas.

O iate de Jeff Bezos

Conhecido como Y721, o navio não será apenas o maior iate à vela do mundo, mas também terá o título de maior superiate já construído na Holanda. Há rumores de que ele possui muitos recursos de luxo, como um “iate de apoio” que acompanha o barco, e uma plataforma de pouso de helicóptero. O iate é avaliado em US$ 486 milhões (o que equivalente a R$ 2,5 bilhões).

Em 2018, a Oceanco construiu um iate de vela de tamanho próximo ao Y721. O Black Pearl possui 106,7 metros (enquanto o Y721 possui 127). O barco pode acomodar até 12 pessoas em 6 cabines. O navio é um dos 3 veleiros com mais de 100 metros e, comparado a veleiros de tamanho semelhante, sua velocidade máxima é 1,33 km acima da média.

Fonte: BBC

Imagens de satélite revelam megavazamento de petróleo e metano

Matéria anterior

Como Jennifer Lopez foi responsável pela criação do Google Imagens

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos

Fatos Desconhecidos Nós gostaríamos de enviar notificações dos últimos conteúdos e atualizações que fazemos.
Dismiss
Allow Notifications