Não é de hoje que a Casa do Rato vem investindo em remakes live-action de suas clássicas animações. Na verdade, isso vem acontecendo desde os anos 90, tendo 101 Dálmatas sido o pontapé inicial. Embora existam críticas em torno da falta de autenticidade dessas produções, a Disney não parece se incomodar com isso. Bom, considerando todo o lucro que a empresa segue arrecadando com esses longas, não podemos julgá-la. Apesar de acreditarmos que, eventualmente, essa estratégia de reimaginar suas narrativas clássicas acabará saturando o público, estamos cientes de que pode demorar algumas décadas para que isso aconteça. Aliás, mesmo que esse dia chegue, não será exatamente um problema, pois a Disney adquiriu direitos sobre várias produções da Fox. Sendo assim, remakes não faltarão pelos próximos anos. Ademais, ainda há muitos contos clássicos para reimaginar. Pinóquio, por exemplo, só está ganhando vida agora.

Depois do recente sucesso de Aladdin e O Rei Leão, a Casa do Rato impulsionou ainda mais o desenvolvimento de seus remakes. Se não fosse pelo coronavírus já contaríamos com Mulan na lista de recordes de bilheteria. Surpreendentemente, além dos lançamentos teatrais, aqueles que vemos nos cinemas, a Disney passou a produzir remakes live-action diretamente para sua plataforma de streaming. Dessa forma, produções já anunciadas, como Lilo e Stitch, A Dama e o Vagabundo e Bambi terão sua estreia exclusivamente no Disney+. Pois bem, apesar do streaming ser o novo fenômeno, o cinema não foi deixado de lado. Muito pelo contrário, as pessoas seguem frequentando as salas de exibição de um forma quase ritualística. Portanto, a empresa não desvia o foco de laçamentos teatrais. Ao passo que alguns de seus maiores clássicos já foram adaptados, qual poderia ser o próximo da lista? Acertou quem pensou no boneco de madeira.

Publicidade
continue a leitura

Pinóquio está prestes a se tornar um filme de verdade

Publicidade
continue a leitura

Há quase dois anos rumores sobre o desenvolvimento de Pinóquio vem circulando pelas redes. Entretanto, apenas agora a produção realmente parece estar ganhando forma. Essa impressão foi passada pelo recente relato da Deadline. De acordo com a revista online, a Disney tem interesse em escalar Tom Hanks para o papel de Gepeto. Essa notícia não é novidade, visto que a companhia está tentando acordar com o astro desde a decisão de realizar o filme. Contudo, uma recente mudança na produção atraiu a atenção de Hanks e favoreceu a possibilidade de um acordo. Acontece que, agora, o cineasta Robert Zemeckis assumiu o projeto. Coincidentemente, ele e Hanks são amigos de longa data, tendo trabalhado juntos em Forrest Gump e Naufrágo. Assim, após ler o roteiro, Hanks finalmente parece estar disposto a fechar negócio com a Casa do Rato.

Publicidade
continue a leitura

Considerando que as parcerias anteriores entre a dupla foram aclamadas, Pinóquio tem tudo para dar certo. Além disso, a notável escalação de nomes de peso para a realização desse longa pode ser lida como uma pretensão de lançamento teatral. Basicamente a mesma ideia passada pelo interesse da Disney em escalar Joaquin Phoenix como Capitão Gancho. Por fim, Pinóquio ainda não conta com uma previsão de estreia. Enquanto aguardamos novas informações, compartilhe suas expectativas com a gente.

Publicado em: 07/08/20 12h16