Notícias

Vestidos de Batman, professores dão aula de inglês em hospitais

Professor de inglês de Batman
0

Professores de inglês decidiram tentar uma abordagem inusitada. Isso porque se vestiram de Batman e foram até hospitais com dois objetivos: além de ensinar inglês, queriam levar esperança a crianças e adolescentes internados para o tratamento de câncer ou de doenças graves.

Quem idealizou a iniciativa foi Gabriel Frozi, fundador de um colégio particular bilíngue no Rio de Janeiro. “Já tínhamos a intenção de desenvolver o projeto social, quando conhecemos a ação de uma ONG de palhaços, e começamos a atuar em um hospital público no Rio”, conta. Nasceu aí o projeto Happy School.

Assim sendo, durante o tratamento de quimioterapia, as crianças têm a oportunidade de aprender o alfabeto, números, os principais verbos e substantivos em inglês. Porém, as aulas não são chatas e monótonas, muito pelo contrário, os professores fazem questão de ensinar de forma leve e divertida.

Além disso, professores vestidos de palhaços visitaram os hospitais para alegrar o ambiente e levar os melhores remédios aos pacientes: boas risadas. “Nosso objetivo é dar mais leveza ao tratamento e mostrar que, apesar das dificuldades, é possível continuar aprendendo”, diz.

Dessa forma, a ação no hospital público carioca deve retornar em novembro. Porém, o projeto solidário está com vagas abertas para aulas semanais de inglês gratuitas em hospitais, ministradas por “professores palhaços”.

Pet terapia

Foto: Getty Images

Outra técnica que vem sendo utilizada para melhorar a forma que pacientes lidam com os tratamentos, principalmente crianças, é a pet terapia.

O projeto responsável por proporcionar esses momentos de felicidade começou no mês de agosto numa unidade hospitalar do Pará, que é referência em diferentes complexidades clínicas com atendimento pelo Sistema Único de Saúde. A primeira visita do cachorro aconteceu na segunda semana de agosto.

De acordo com a coordenadora do Escritório de Experiência do Paciente, Roberta Kelly, a presença do cachorro é eficaz contra o estresse pela internação. “Com esse novo formato de terapia, a ideia é tirar essas crianças e seus acompanhantes do ambiente da internação e usar esse elemento terapêutico para diminuir sentimentos como medo, ansiedade e até quadros depressivos”, disse.

Já a estrela da vez é o Alecrim, integrante do Batalhão de Ação com Cães (BAC), da Polícia Militar. Assim sendo, ele foi treinado desde filhote para integração com crianças e idosos. Então, no hospital, ele obedece comandos em troca de petiscos entregues pelas crianças internadas.

Além disso, elas aproveitaram a oportunidade de fazer carinho no animal, que é uma mistura de golden retriever com border collie.

O efeito canino

Milhões de pessoas ao redor do mundo possuem cachorros em casa e consideram os animais como integrantes da família. Amamos os momentos em que brincamos e fazemos e recebemos carinho. Mas, poucas pessoas sabem o quanto esse animal faz bem para a nossa saúde, algo defendido pela comunidade científica há alguns anos.

Estudos mostram que os cães reduzem o estresse, a ansiedade e a depressão; aliviam a solidão; incentivam o exercício e melhoram sua saúde geral. Por exemplo, pessoas com cães tendem a ter pressão arterial mais baixa e são menos propensas a desenvolver doenças cardíacas.

Também já foi demonstrado que apenas brincar com um cachorro aumenta os níveis das substâncias químicas cerebrais do bem-estar, oxitocina e dopamina. Logo, cria-se sentimentos positivos e vínculos para a pessoa e seu animal de estimação.

A acadêmica e psicóloga June McNicholas ressalta que os animais de estimação podem ser uma salvação para pessoas socialmente isoladas. “Os cuidados com os animais de estimação e o autocuidado estão ligados. Quando você leva um cachorro para passear, as pessoas conversam com você e esse pode ser o único contato social que uma pessoa isolada tem o dia inteiro”.

Fonte: R7

Adolescente de 17 anos é o mais jovem a dar a volta ao mundo sozinho

Previous article

Barbie Ferreira anuncia saída de ‘Euphoria’

Next article

Comments

Comments are closed.