CuriosidadesEntretenimento

7 lições que todo mundo aprende tarde demais

0

A vida é um eterno aprendizado. Todos os dias, você aprende algo novo, e o conhecimento é infinito. Nem uma pessoa que viveu 100 anos aprendeu tudo o que podia em todos esses anos. Mas certamente ela já viveu e aprendeu muitas coisas que você ainda não. Algo interessante seria conhecer o futuro e aprender agora todas as lições que as pessoas mais velhas aprenderam em toda a vida.

Tudo o que fazemos na vida acaba se tornando uma lição, aprendemos com os acertos e principalmente com os erros. Mas em alguns casos, muitos erros poderiam ser evitados se tirássemos proveito das experiências e lições que nos foram ensinadas. Muitas coisas seriam diferentes se aprendêssemos de forma inteligente a fazer melhores escolhas no presente. Para isso, selecionamos algumas lições que a maioria das pessoas aprende tarde demais.

1 – Tudo é temporário

Dependendo da sua idade hoje, você pode até não pensar nos seus planos a longo prazo. Mas uma coisa é fato: tudo na vida é temporário, inclusive você. Ter que lidar com esse fato, de que tudo o que você é e faz tem prazo de validade pode ser bastante frustrante. E infelizmente, não tem como fugir, as coisas são como são. O seu cachorro de estimação é temporário, os seus relacionamentos amorosos e de amizade são temporários, os produtos que você compra e todo o resto, enfim, nada realmente dura. Tudo o que você já alcançou, por mais memorável que seja, em algum momento será apenas história, e depois nem isso.

2 – A vida não é justa

Se você ainda não aceita isso, sinto muito em desapontá-lo. A vida não é justa, nem para você e nem para ninguém. Não vivemos em um mundo utópico onde tudo é perfeito. Provavelmente, em algum momento, você será colocado em uma situação em que se sentirá injustiçado, e talvez seja mesmo, mas não tem o que fazer quanto a isso. Somos 7 bilhões de pessoas, e o mundo não te deve nada. Só porque você acha que merece alguma coisa, isso não significa que você vai conseguir.

3 – As pessoas te tratam da mesma forma que você trata a si mesmo

Isso pode soar um pouco genérico, mas na verdade faz todo o sentido. O comportamento dos outros em relação a você depende mais de você, do que da outra pessoa de fato. Como você se apresenta, o que pensa de si mesmo, quem é você como pessoa, tudo isso está sob o seu controle. Você é a soma de todas as suas experiências e crenças. Uma vez que você aceita isso, todo a percepção do mundo sobre você mudará. Tenha mais respeito por isso mesmo.

4 – Sacrificar a sua saúde para ter sucesso ou riqueza não vale a pena

Ao mesmo tempo que a ambição se encaixa como uma virtude, é uma linha tênue que a separa de ser um problema. Os seres humanos têm a tendência a quererem sempre mais e mais. O problema é que nem todos sabem a hora certa de parar. O dinheiro pode ser a coisa mais importante do mundo quando você não tem, mas a partir do momento em que consegue, ele já não é mais tão importante. Alguns dizem que o dinheiro compra a felicidade, isso não podemos dizer com certeza, mas saúde ele não compra. O dinheiro até pode oferecer melhores condições e tratamentos, mas uma vez que a saúde é perdida, ela não tem volta.

5 – Coisas são apenas coisas

Quando se é jovem, muitas vezes, as pessoas anseiam por coisas materiais, e acreditam que a sua vida seria melhor se elas as tivessem. Mas acontece que coisas são apenas coisas, elas não fazem de você quem você é. Não devemos dar mais valor a essas coisas do que elas merecem. Muito provavelmente quando estiver mais velho, você não se importará muito se o seu celular é o mais moderno do momento. Talvez você já tenha descoberto que outras coisas são mais importantes do que isso.

6 – O medo te impede de ser quem você realmente é

Você tem apenas uma chance na vida, então você deve ir em frente. Um dos maiores motivos que levam as pessoas a fracassarem em qualquer coisa na vida é o medo. Muitas vezes, elas nem sequer se dão uma chance de tentar. Encontramos várias desculpas para não fazer e ser o que temos vontade, tudo por medo do que os outros vão pensar a nosso respeito. Mas será que vale a pena sacrificar os sonhos em função da opinião alheia? Na verdade, os outros nem se importam. É uma escola sua, ser o que você é ou alguém que você acha que as pessoas esperam.

7 – A vida é curta

Quando se é jovem, isso é algo em que não pensamos muito. A concepção de que a vida é abundante só existe porque temos a tendência a comparar a quantidade de vida que já vivemos com a quantidade que achamos que ainda nos resta. Mas é tudo uma questão de achismo, já que não sabemos o dia de amanhã, e a qualquer momento, podemos não mais estar aqui. Por isso é tão importante fazer do presente o seu melhor momento, afinal de contas, nunca saberemos quando será o último.

E você, o que achou dessas lições? Conta para a gente nos comentários e compartilhe com os seus amigos.

Anime de Pokémon faz divertida homenagem a Naruto

Artigo anterior

Segunda temporada de One Punch Man revela o novo objetivo de Saitama

Próximo artigo