8 mitos sobre a tecnologia que você ainda acredita

POR Ultra Curioso    EM Ciência e Tecnologia      30/06/15 às 19h20

A tecnologia veio a essa mundo para facilitar a vida do ser humano. Hoje, dependemos de máquinas e eletrônicos para praticamente tudo! Mas algumas informações polêmicas sobre tecnológicos que circulam ainda deixam muita gente com o pé atrás. O fato é: a maior parte dessas informações é falsa.

Câncer causado por celular, baterias de celular que explodem se ligados na tomada de forma contínua, os mitos são vários, e a maioria acredita fielmente neles como se fossem uma verdade absoluta. Muitas informações surgem, às vezes, exatamente para "trollar" a população.

Confira 8 mitos sobre a tecnologia que você ainda acredita, e espalhe para os amigos. Vai que eles juram que esses mitos sejam de verdade.

1. Ficar com o notebook no colo pode te deixar estéril

homem-notebook-colo

Esse é um mito muito comum, e que muita gente acredita. Se um computador se superaquece, obviamente ele provocará danos em sua pele, mas não existe nenhum estudo 100% comprovado de que usar o notebook no colo causa esterilidade, segundo o Dr. Robert Oates da Sociedade de Reprodução Masculina e Urologia dos Estados Unidos.

2. Smartphones provocam câncer no cérebro

547_ext_arquivo

Informação falsa. Não existe prova científica de que os smartphones provocam câncer no cérebro. Apesar de os celulares emitirem radiação eletromagnética, que pode ser absorvida por nossos tecidos, essa radiação é de baixa intensidade. Por isso, não há indício de que seja prejudicial para o ser humano.

3. Limpar sua lixeira deleta permanentemente os dados

lixo-virtual-teclado-lixeira

Não é verdade. O que acontece é que, os documentos não são apagados: eles só deixam de ser visíveis para o sistema operacional. Quando o usuário apaga um arquivo, o sistema operacional marca o espaço que era ocupado por ele como livre. Mas os bits com as informações continuam lá. Existem programas utilitários que varrem a unidade de disco e recuperam arquivos que haviam sido apagados nela.

4. Recarregar o smartphone antes da bateria acabar por completo faz ela ficar viciada

28167359

Esse é um dos mitos mais famosos, o de que a bateria do smartphone fica viciada se este for recarregado ente de 'morrer' por completo. As baterias antigar eram feitas de níquel-cádmio e sofriam de efeito memória. A bateria "lembrava" o ponto onde a recarga começou no ciclo.

Entretanto, as baterias atuais são feitas de lítio-íon e não sofrem do efeito memória. Por isso, não há vantagem em deixá-las descarregar-se completamente.

5. Quanto mais megapixels, melhor a câmera

LG-KC910-Cellphone-

Uma maior quantidade de pixels na câmera não necessariamente significa mais qualidade de imagem. Há vários fatores que interferem na qualidade da foto, como o tamanho e a tecnologia do sensor de imagem, a qualidade das lentes, a presença de um mecanismo redutor de vibrações e o software que processa a imagem.

Em alguns casos, ter mais pixels no sensor pode até prejudicar a imagem. Num sensor pequeno, como o de um celular, para que haja muitos pixels é preciso que eles sejam minúsculos.

6. Deixar seu smartphone plugado na tomada destroi a bateria

2013-10-23_celular_carregando

Não, seu smartphone não vai explodir se você deixá-lo na tomada a noite toda. Os smartphones atuais, com bateria do tipo lítio-íon, não se estragam quando ficam ligados à tomada. Simplesmente o carregamento para quando a bateria atinge sua capacidade máxima.

7. MacBooks são imunes a vírus

screen-shot-2013-06-05-at-10-19-47-pm

A empresa Apple afirmou por muito tempo que seus MacBooks eram imunes a vírus, o que os tornava superiores aos computadores que rodam o sistema Windows, da Microsoft.

Porém, no ano de 2012 a Apple tirou do ar a página em seu site onde fazia essa afirmação. A mudança ocorreu após um malware do tipo cavalo de Tróia invadir milhares de computadores Mac. Ou seja, a suposta imunidade do Mac era só um mito.

8. Janelas privativas no navegador mantém você em modo anônimo

853038405199421

Pois é, na verdade você não estava fazendo nada escondido. Um estudo de 2010 da Universidade de Stanford descobriu que alguns complementos de browsers conseguem armazenar informações sobre a sua navegação em janelas privativas. Ou seja, você nunca está totalmente anônimo na internet.

Ultra Curioso
Ultra Curioso o acervo de um dos maiores sites de curiosidades brasileiros.

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+