Curiosidades

9 razões pelas quais você nunca deve trabalhar nem emprestar dinheiro para os seus parentes

0

É muito comum, principalmente aqui no Brasil, a gente querer ajudar a tudo e a todos. Isso acontece porque somos um povo emotivo, que valoriza muito a família e gostamos de estar próximos uns dos outros.

Por esse motivo, muitas pessoas podem achar que trabalhar com a própria família pode ser o melhor dos dois mundo, e realmente, tao situação tem lá suas vantagens.

Mas por outro lado, muitas são as coisas que podem e provavelmente irão acontecer, que ninguém pensa antes de estabelecer essa relação.

Hoje aqui na Fatos, você irá descobrir o que realmente pode dar muito errado quando se trabalha ou empresta dinheiro a familiares, confira!

1- Vocês vão acabar levando o trabalho para casa, ou os problemas de casa para o trabalho

01

Quando se trabalha em família, pode ficar um tanto quanto difícil separar a área profissional da pessoal, uma vez que vocês continuaram convivendo fora e dentro do seu ambiente de trabalho.

Consequentemente isso pesará, e pode influenciar em ambas as aéreas e momentos.

2- As pessoas podem se acomodar, por confundirem as relações pessoais com suas obrigações

02

Não se trata de uma regra geral, mas muitas pessoas tendem a se acomodar, quando se sentem confortáveis e próximas de seus superiores e colegas de trabalho.

Consequentemente a produção tenderá a cair, e pode ser uma verdadeira missão, tentar conversar, alertar ou cobrar resultados dessa pessoa.

3- Quando se empresta dinheiro a um parente, dificilmente você se sentirá confortável para cobrá-lo

04

Como dissemos anteriormente, o grande perigo dessa relação, é não conseguir distinguir o que é um problema pessoal do que é um problema nos negócios.

Afinal, você se sentiria mesmo confortável em cobrar uma dívida de um primo, de seu pai ou de um irmão? Para muitas pessoas esse pode ser um problema fácil de contornar, mas para a grande maioria, o constrangimento e medo de magoar é bastante comum.

4- Esse tipo de empréstimo nunca rende juros

04

Vamos pensar de uma modo racional ok? Ignorando todos os apegos e obrigações emotivas que podemos sentir.

Emprestar dinheiro a um parente, quase necessariamente implica em abrir mão de juros, correções e qualquer outro tipo de lucro que existe nesse negócio, ou seja, você pode acabar perdendo uma boa oportunidade apenas por se sentir na obrigação de ajudar.

5- Vocês podem acabar comprometendo o relacionamento familiar de vocês, por questões financeiras e desentendimentos

05

Não há nada mais complicado do que uma discussão em família, afinal, a sua família sempre será quem te apoia, protege e oferece atenção.

Por esse motivo, é preciso avaliar racionalmente se vale mesmo a pena arriscar essa relação em nome de problemas de negócios.

6- Se toda uma família trabalha em um mesmo negócio, vocês se tornam todos dependentes de uma mesma e única fonte

06

A realidade realmente pode ser cruel, mas você já ouviu falar naquela expressão: “Depositar todos os ovos em um ninho só?”. Pois bem, é exatamente isso que uma família faz, quando decide abrir um negócio familiar.

As vantagens podem ser muitas, como o exercício de confiança, o trabalho em equipe e etc, mas por um outro lado, caso algo vá mal, todos e sem exceção sairão muito prejudicados.

7- A convivência pode ser demais

07

Se em um relacionamento a convivência pode se tornar um fator de risco, trabalhar com pessoas do seu convívio familiar também pode não ser uma boa ideia.

8- Muitas vezes você se sente obrigado a ceder alguma coisa por se sentir coagido ou sem graça perante um parente

08

Quando o relacionamento entre o patrão ou colega de trabalho se resume a atividade profissional, pode ser mais fácil lhe dizer um não, dar advertências ou repreensões.

Agora quando  existe algum outro vinculo, principalmente o familiar que é bastante forte, muitas pessoas podem se sentir coagidas, ou reféns dessa situação.

9- Demissão:  Imagine só como deve ser ter que demitir ou ser demitido por um parente?

Fired businessman leaving office

Demissão nunca é processo fácil, nem para o patrão e muito menos para o funcionário demitido. Mágoas, arrependimentos ou ressentimentos podem surgir, agora imagine só como seria a convivência em família, depois que vocês passassem por essa situação?

E então queridos leitores, vocês já trabalharam com parentes? E como foi a sua experiência? Conta pra gente aqui em baixo pelos comentários.

26 imagens que vão causar orgasmos em quem é apaixonado por comida

Matéria anterior

7 encontros paranormais reais que vão te deixar sem dormir

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos