Como sabiamente dito pelo Tio Ben: "Com grandes poderes, vêm grandes responsabilidades". Embora essa frase possa ser aplicada em diversas situações, é comum lembrarmos dela sempre que vemos um super-herói. Figuras como Superman, X-Men e o próprio Homem-Aranha possuem habilidades extraordinárias e decidem compartilhá-las com o mundo, mesmo que de uma forma indireta. Seja salvando pessoas de um prédio em chamas, impedindo o apocalipse ou parando um trem descarrilhado esses personagens buscam fazer sua parte. Apesar desse altruísmo parecer tão fictício quanto esses poderes - qualquer dúvida basta conferir The Boys - essas boas ações são bastante significativas. No entanto, o que aconteceria se personalidades dos quadrinhos pudessem compartilhar seus dons de uma forma mais direta? Mais especificamente, e se o Deadpool usasse seus poderes de regeneração para doar seus órgãos e salvar vidas?

Pois bem, de acordo com o Screen Rant, apesar de parecer uma alternativa coerente para ajudar aqueles que precisam de transplantes, essa definitivamente não seria uma boa ideia. Por que? Bom, de acordo com a minissérie A Noite dos Deadpool Zumbis, usar o sangue de Deadpool nesse tipo de processo poderia desencadear um apocalipse zumbi. Publicada em 2014, escrita por Cullen Bunn e ilustrada por Roman Rosanas, essa história mostra Wade Wilson acordando de um coma em um cenário onde a humanidade foi transformada em mortos-vivos.

Publicidade
continue a leitura

Depois de passar um bom tempo matando os zumbis como se estivesse em um videogame, Wade encontrou uma colônia de sobreviventes. Em meio aos refugiados escondidos por trás de muros tal qual Attack on Titan, Deadpool encontrou a resposta por trás do apocalipse. Segundo Clarence, um ex-cientista da IMA o vírus era resultado de experiências com o sangue e tecidos do mercenário. Um projeto intitulado Ideias de Regeneração Avançadas foi responsável por desencadear toda essa situação.

Os experimentos envolvendo o sangue de Deadpool

Publicidade
continue a leitura

Através das Ideias de Regeneração Avançadas um subgrupo da IMA pretendia impedir a morte. Sendo assim, parte de seus experimentos envolvia trabalhar com fatores de cura e regeneração. Para isso, ao longo dos anos eles foram coletando secretamente amostras de sangue e tecidos de pessoas com essas habilidades. "Nossa primeira tentativa de criar um fator regenerativo foi derivada de amostras de tecido. E de quem você acha que nós coletamos essas amostras? Quando indivíduos com fator de cura derramavam sangue, nós estávamos lá para coletar. Seu sangue, Deadpool, estava entre as amostras que colhemos", disse Clarence à Wade.

Publicidade
continue a leitura

Sendo assim, se Deadpool decidisse doar sangue ou qualquer órgão para outra pessoa, haveriam efeitos colaterais. Obviamente o caso do apocalipse zumbi envolveu manipulação de DNA e por isso a escala de contaminação foi tão massiva. No entanto, individualmente, o DNA de Deadpool poderia afetar de forma imprevisível qualquer receptor. Vale lembrar que bastou uma simples transfusão de sangue para que Bruce Banner transformasse sua prima na Mulher-Hulk. Portanto, apesar de suas habilidades, infelizmente, Deadpool não pode se tornar um doador de sangue ou órgãos.

Publicado em: 27/09/20 01h57