Brasileiro passa por cirurgia para tirar peixe vivo do ânus

POR Thamyris Fernandes    EM Sem categoria      06/11/14 às 16h55

A história de verdade - e o pior é que foi verdade mesmo - aconteceu há um pouco mais de dois anos, por volta de abril de 2012. Nesse período, um brasileiro muito sem noção estava passando por uma cirurgia de emergência para tirar do abdômen um peixe piramboia - de mais ou menos 70 centímetros - que ele havia introduzido na "retaguarda".

Bom, dois longos anos se passaram desde que essa história ganhou a rede e ninguém sabe porquê só agora os jornais que cobrem bizarrices mundo a fora, como Daily Mail e Huffington Post, descobriram o caso. E, juntamente com a notícia, claro, eles publicaram também o vídeo da operação, que você poderá ver aqui... se quiser, lógico, porque as cenas são fortes e um tanto perturbadoras.

1

De acordo com a equipe médica do Hospital Universitário de Londrina, no Paraná, que fez o atendimento na época, o problema do indivíduo começou mesmo na hora de tirar o peixe do ânus, uma vez que o bicho não queria sair de forma alguma de sua nova morada. Os médicos, claro, prestaram todo o atendimento necessário ao coitado, mas não deixaram de se divertir com o caso e acabaram gravando a cirurgia inteira com seus celulares. (Clique para ver também o que acontece quando você não cozinha a carne o suficiente).

O vídeo, feito sem qualquer autorização do paciente, acabou caindo na internet, como era de se esperar. Mas, no final das contas, isso virou coisa de justiça, uma vez que o homem se sentiu constrangido com a divulgação, o que brigou a Universidade Estadual de Londrina e o Conselho Regional de Medicina a abrirem sindicância para apurar o vazamento das imagens. O resultado do processo jamais foi divulgado, mas sabe-se que o homem está totalmente recuperado e que o peixe - muito parecido com uma enguia - não conseguiu sobreviver.

Thamyris Fernandes
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+