Curiosidades

Capitão Kirk é a pessoa mais velha a ir para o espaço

0

O céu sempre atraiu a atenção e os sonhos do homem. O primeiro ser vivo no espaço não foi um humano, mas a cadela Russa Laika, da raça Kudriavka. Em suma, diversos animais foram usados nos primórdios da exploração espacial para testar o efeito da radiação, da ausência de gravidade e das condições do espaço exterior sobre os organismos vivos.

O turismo espacial sempre rodeou nossas mentes e empresas grandes como SpaceX, Boeing, Virgin Galatic, Blue Origin e SNC têm projetos para fazer com que esse sonho se torne realidade. Aqueles, não astronautas, que puderem e quiserem pagar pela viagem ao espaço terão uma viagem inesquecível em suas vidas. Com o avançar da ciência, o tempo de arrumar as malas para essa viagem parece ter chegado. E o desenvolvimento de espaçonaves que possam fazer esse tipo de turismo não para.

Além do mais, o turismo espacial se tornou realidade depois que Richard Branson foi o primeiro homem não astronauta a ir para o espaço. Seguido, uma semana depois, por Jeff Bezos.

Mais velho

Bezos foi ao espaço a bordo de uma nave construída pela sua própria empresa, não a Amazon, mas sim a Blue Origin. Essa é a empresa do bilionário voltada ao setor espacial. Depois desse voo bem sucedido, os planos de mais viagens espaciais e a movimentação desse setor tão novo ficaram ainda maiores.

Tanto que agora, William Shatner, o eterno Capitão Kirk da série “Star Trek” se tornou a pessoa mais velha a ir ao espaço, aos 90 anos de idade. Esse feito foi atingido na quarta-feira dessa semana.

O ator voou durante 10 minutos na cápsula New Shepard, da Blue Origin. A decolagem da cápsula, sem piloto, aconteceu às 11:50h, no horário de Brasília, saindo de uma base no Texas, nos Estados Unidos.

Com esse voo, Shatner bateu o recorde de tripulante mais velho a ir ao espaço que antes pertencia a Wally Funk, de 82 anos. Essa mulher foi parte da primeira viagem de Bezos ao espaço, cerca de três meses atrás.

Tripulação

Nessa viagem, além de Capitão Kirk foram mais outros três tripulantes. Foram eles: Audrey Powers, vice-presidente de missão e operação da Blue Origin; Chris Boshuizen, cofundador da empresa de satélites Planet Labs; e  Glen de Vries, cofundador da empresa de software Medidata. Todos experimentaram a gravidade zero durante quatro minutos, além de terem uma vista inacreditável do nosso planeta.

Experiência

Nesse voo, assim como no feito anteriormente por Bezos, a tripulação ultrapassou a Linha de Kármán, que fica a 100 quilômetros acima do nível do mar. Esse é o limite que se convencionou para definir o começo do espaço. No entanto, a NASA e o Exército dos EUA consideram que essa barreira já é alcançada acima de 80 quilômetros.

“Eu espero nunca me recuperar disso. É muito maior do que eu e do que a vida. O que você proporcionou para mim foi a mais importante e profunda experiência”, disse Shatner à Bezos depois que ele voltou da viagem.

Fonte: https://g1.globo.com/inovacao/noticia/2021/10/13/william-shatner-o-capitao-kirk-viaja-ao-espaco-em-nave-de-bezos.ghtml

Esse texto misterioso sugere que europeus sabiam das Américas antes de Colombo zarpar

Matéria anterior

7 celebridades que tem o risco de ficar careca por conta da alopecia

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos