É assim que as pessoas se vestiam para ir à aula nos anos 60

POR Fabiana Souza    EM Entretenimento      30/09/15 às 15h37

Os chamados "Anos Rebeldes" foram marcados por uma série de acontecimentos marcantes em diversas áreas. No campo do esporte tivemos o bi-campeonato mundial de futebol do Brasil. Na ciência, ocorreu a missão espacial com o objetivo de levar o primeiro homem à lua. Em 1961 foi construído o Muro de Berlim, dois anos antes do presidente J. F. Kennedy ser assassinado. Em 1964, no Brasil, ocorreu o famoso Golpe Militar que deu início a ditadura. O ativista Martin Luther King também foi assassinado nessa época, mais precisamente em 1968. Na música os emblemáticos Beatles lançaram seu primeiro disco. Isso tudo na década de 60.

Podem até questionar ou criticar os costumes dos Anos Rebeldes, porém, outro fato que marcou a época foi a moda. Nenhum outro período foi tão emblemático nesse sentido do que os anos 60. As calças boca de sino, jaquetas de couro e franjas foram símbolo da época e impactaram praticamente todos os jovens que viveram naquele período.

A década foi marcada pelo início da construção da juventude rebelde e protestante, que era influenciada pela música e movimentos culturais. Por isso, a identidade era algo fundamental para cada um, fazendo com que o estilo fosse algo fundamental na construção da expressão pessoal. Por isso, passear nos corredores das escolas naquela época era praticamente estar em um evento de moda.

Nesse período, Arthur Schatz, um fotógrafo da revista Life, visitou um colégio em Beverly Hills, na Califórnia, afim de registrar o estilo dos jovens e a famosa moda Vintage.

Confira algumas fotos:

460-520x804 937-520x804s Moda-LIFE-Magazine-4

Moda-LIFE-Magazine-6

Moda-LIFE-Magazine-7

Moda-LIFE-Magazine-8

Moda-LIFE-Magazine-10

Moda-LIFE-Magazine-13

Moda-LIFE-Magazine-14

Fabiana Souza
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+