Entretenimento

O que aconteceu com o garoto-propaganda dos ‘cigarros de chocolate’?

0

A publicidade sempre esteve presente na vida das pessoas desde décadas passadas. E claro que várias delas marcaram épocas, seja de uma forma positiva ou não, como por exemplo, esse produto polêmico de 1959 e seu anúncio ainda mais controverso que trazia uma criança como garoto-propaganda.

O anúncio tinha um plano de fundo vermelho, e o garoto, em paleta cinza, tinha entre seu indicador e dedo médio o que parecia ser um cigarro. O menino estava sorrindo na propaganda. Esse foi o anúncio escolhido pela fábrica de chocolates Pan para eternizar as embalagens dos seus “cigarrinhos de chocolate”.

Na década de 1990, por conta de questões relacionadas com a controvérsia em associar uma criança com o tabagismo, a empresa teve que repaginar o seu produto. Eles mantiveram a forma original dos chocolates, mas mudaram seu nome para “rolinhos de chocolate”.

Mesmo assim, o garoto ainda continuou estampando as embalagens, mas com uma montagem em que sua mão que segurava o cigarro entre os dedos foi trocada por uma mão fazendo o sinal de joia, ou seja, com o polegar para cima.

O curioso é que o menino não tem crédito na embalagem e fez apenas esses trabalho como modelo. Por conta disso, por anos o garoto ficou desconhecido mesmo estando presente em outros veículos de mídia quando adulto.

Garoto-propaganda

Aventuras na história

O garoto dos “cigarrinhos de chocolate” era Paulo Pompeia. Mais tarde, ele se tornou ator, diretor e até comandou o Sated-SP, o Sindicato dos Artistas e Técnicos em Espetáculos e Diversões.

Na época em que ele fez o trabalho para os chocolates, ele tinha nove anos e chegou a dizer em entrevistas que o cachê que recebeu não foi alto, mesmo ele sendo o garoto-propaganda do produto por décadas.

Paulo deu uma entrevista para a Veja São Paulo em 2017, em que ele brincou com a projeção da publicidade quando explicou que, durante sua vida, ele nunca fumou ou teve o hábito de comer chocolates com regularidade.

Trabalhos

Instagram

Já adulto, Paulo fez parte do elenco de novelas de várias emissoras, inclusive da Globo. Na emissora, o garoto-propaganda trabalhou na novela “Malhação” e em “Perigosas Peruas”. Mas ele chamou atenção por ter protagonizado vários episódios do “Telecurso 2000”.

Infelizmente, no dia 30 de julho de 2021, Paulo faleceu aos 72 anos, em São Paulo. E a versão mais recente dos rolinhos teve uma ilustração em referência ao garoto.

Rostos conhecidos

Assim como Paulo, a publicidade já fez com que vários rostos se tornassem familiares para praticamente todos os brasileiros. A TV aberta nacional já recebeu inúmeros prêmios de publicidade por seus comerciais criativos e impossível de serem esquecidos. Justamente por esse efeito chiclete, sentimos falta de algumas propagandas e alguns rostos bastante comuns para nós, como por exemplo, alguns dos garotos-propaganda mais famosos.

Carlos Moreno

Quem

Por 40 anos, Carlos Moreno foi o rosto da publicidade do Bombril. Toda uma geração cresceu o vendo, das mais variadas formas e com fantasias, para falar da qualidade da esponja de aço. Ao todo, foram 344 inserções feitas por Carlos como Garoto Bombril.

Mesmo fora da marca, Carlos não deixou de aparecer na mídia. Ele foi garoto-propaganda de várias outras marcas. Pudemos vê-lo como o nome da campanha do Serasa e também em uma propaganda para promover a série Stranger Things da Netflix.

Sebastião Fonseca

O clube do palestrante

Esse homem ficou conhecido como garoto-propaganda da C&A, de 1990 a 2010. Durante essa época, ele gravou aproximadamente 2.400 comerciais. Sebastião foi o primeiro garoto-propaganda negro do Brasil. Ele ficou com a C&A durante 20 anos.

Sebastião é dançarino, cantor e ator. Atualmente, ele não faz mais parte da divulgação da rede de lojas. Hoje, ele se dedica à sua carreira musical e também à sua ONG, que se chama Núcleo de Artes Cênicas Sebastian.

Fabiano Augusto

UOL

Pelo nome, você pode não saber quem ele é. Mas, se escutar ou ler o seu bordão, você imediatamente saberá quem é Fabiano. ‘E aí, quer pagar quanto?”, dizia o ator nos comerciais. Ele é ator, apresentador e radialista. No entanto, ficou realmente conhecido como garoto-propaganda das Casas Bahia. Ele gravou mais de 200 comerciais para a rede de lojas.

Fabiano teve dois ciclos com as Casas Bahia. Depois disso, ele se dedicou a sua carreira de ator. Atualmente, ele faz parte do elenco do musical Chaves.

Fonte: Aventuras na história

Imagens: Aventuras na história, Instagram, Quem, O clube do palestrante, UOL

Outros personagens feitos por Robbie Coltrane além de Hagrid em Harry Potter

Artigo anterior

É possível transformar plástico em comida?

Próximo artigo